Autor Tópico: Desilusão com a Yamaha  (Lida 837 vezes)

Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Desilusão com a Yamaha
« em: 08 de Janeiro de 2021, 08:43 »
Olá companheiros.

Venho aqui partilhar um problema que estou a passar e me deixa completamente desiludido com a Yamaha/Oficina.

No mês passado, num certo dia ouvi um barulho estranho, algo metálico, vindo da transmissão da minha X-City 250. Marquei a ida à oficina, um representante oficial da marca em Vila Nova de Gaia, e no dia 11 recebi o orçamento que aceitei de imediato.
As peças necessárias para o arranjo são as seguintes: GAXETA TAMPA DA CARCACA, ESPACADOR, ROLAMENTO, ROLAMENTO e RETENTOR DE ÓLEO.
Acontece que desde o dia 11 a oficina está a aguardar a entrega das peças, segundo o que me dizem, e eu continuo sem o meu meio de transporte.
Eu entendo e compreendo a situação do Covid, o período festivo, mas já é demasiado tempo para entregar umas peças.

Posto isto, a minha desilusão com a marca é enorme e numa futura mudança dificilmente irei optar pela Yamaha..

P.S.: Já enviei um email a reportar a situação à Yamaha Portugal no dia 6 e até hoje não obtive resposta.


Offline Mercurio

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2013
  • Mensagens: 745
  • Localidade: Lisboa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 300
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #1 em: 08 de Janeiro de 2021, 10:25 »
Creio que o mal é geral.
Tenho uma Suzuki em casa à espera de umas guias de válvulas desde fins de Novembro.

Outra encomenda que fiz na EuroBikes, que normalmente chega  em dois dias, está já atrasada duas semanas.

Que vamos fazer?
De certeza que a oficina onde tens a Scooter a quer despachar o mais depressa possível e seguramente o armazém de peças da Yamaha tb quer receber a venda das tuas peças.

Resta, a todos, muita paciência e compreensão.
Esta, desculpem, m3rd@ do Covid  está a ter impactos profundos em toda a cadeia de distribuição, armazenamento e fabrico de peças.

Offline Sergio-fininho

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Mai 2016
  • Mensagens: 1409
  • Localidade: Seixal
  • Marca: honda
  • Modelo: pcx power by fininho
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #2 em: 08 de Janeiro de 2021, 10:58 »
Meus catos eu nao digo que nao tenham razao..mas á aqui alguma coisa que eu nao compreendo..

Eu na minha oficina , nao desarmo carro nenhum sem sabee ser vao ou nao vai haver pecas... Ou seja eu quando faco o orcamento sei dentro de mao que vou precisar x material... Se esse material ainda tiver de ser encomendado, falo com o cliente , com  sinal €€ e os de maus confianca sem esse problema e so faco o agendamento quando ca estiver o material... So nao entendo porque a yamaha nao fez o mesmo...

É bque assim evita se 2 coisas: o cliente continua a usar o carro se nao for nada de grave , e eu nao fico com mais um carro dentro da oficina  ... Aqui neste caso a yamaha deveria ter feito o mesmo... Ainda para mais todos sabemos  a balbúrdia que isto Anda....


Enviado do meu 6055K através do Tapatalk
« Última modificação: 08 de Janeiro de 2021, 11:00 por Sergio-fininho »

Offline Mercurio

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2013
  • Mensagens: 745
  • Localidade: Lisboa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 300
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #3 em: 08 de Janeiro de 2021, 11:44 »
Há problemas que só se podem diagnosticar  desmontando...
E, para montar, como sabes melhor que eu, necessitam juntas/vedantes novos ou afinações especificas.
Nestes casos, calculo eu, nao resta mais que esperar.


Offline Sergio-fininho

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Mai 2016
  • Mensagens: 1409
  • Localidade: Seixal
  • Marca: honda
  • Modelo: pcx power by fininho
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #4 em: 08 de Janeiro de 2021, 12:15 »
Há problemas que só se podem diagnosticar  desmontando...
E, para montar, como sabes melhor que eu, necessitam juntas/vedantes novos ou afinações especificas.
Nestes casos, calculo eu, nao resta mais que esperar.
Sim mas no caso do companheiro pelos vistos nao... Pois fizeram o orçamento è porque sabiam o que ia levar...

Enviado do meu 6055K através do Tapatalk


Offline Mercurio

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2013
  • Mensagens: 745
  • Localidade: Lisboa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 300
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #5 em: 08 de Janeiro de 2021, 12:38 »
Fiquei com a sensação que o orçamento foi feito depois de desmontarem e verem o que necessita ser substituído.

Offline davidsantos

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2016
  • Mensagens: 3291
  • Localidade: sintra
  • Marca: SYM
  • Modelo: CRUISYM 125
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #6 em: 08 de Janeiro de 2021, 12:47 »
Para quem duvidava que as marcas premium podem ter deste tipo de problemas aqui fica o exemplo , infelizmente para o companheiro que está sem mota ,penso que não deves pensar que seja um problema da yamaha mas neste momento acho que será transversal a todas as marcas penso eu , desejo que tudo se resolva o mais rapidamente possivel companheiro e que depressa tenhas a tua montada.
Sym Gts SE 12/2013  5/2017 a 11/2018
 21500 Kms até 28500 kms

Sym Cruisym 125 11/2018

Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #7 em: 08 de Janeiro de 2021, 15:02 »
Fiquei com a sensação que o orçamento foi feito depois de desmontarem e verem o que necessita ser substituído.

Exactamente, foi necessário desmontar a transmissão para poder verificar o que estava avariado e pedir as peças. 


Para quem duvidava que as marcas premium podem ter deste tipo de problemas aqui fica o exemplo , infelizmente para o companheiro que está sem mota ,penso que não deves pensar que seja um problema da yamaha mas neste momento acho que será transversal a todas as marcas penso eu , desejo que tudo se resolva o mais rapidamente possivel companheiro e que depressa tenhas a tua montada.


Eu compreendo que estamos a passar por tempos bem complicados, mas também acho que quase um mês já é demasiado tempo.
Por isso acho que a culpa é da Yamaha, partindo do princípio que a oficina fez a encomenda atempadamente e não haverá nenhum problema com o transporte.


Post moderado e unido
(Double posting)
« Última modificação: 18 de Janeiro de 2021, 13:03 por Admin28 »

Offline Mercurio

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2013
  • Mensagens: 745
  • Localidade: Lisboa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 300
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #8 em: 08 de Janeiro de 2021, 15:29 »
Não estás, a meu ver, a raciocinar bem.
Há uma certeza: os numeros recordes de Covid no momento por toda a Europa.

Achar que demora muito tempo é apenas a projecção da frustração da espera.

Como deves de imaginar, não estarão a jogar à Sueca no armazém da Yamaha ou outra qualquer marca ou a atrazar  deliberadamente entrega de peças.
Sabemos que basta apenas um funcionário testar positivo no maldito virus para toda uma equipe ficar de quarentena.
 Muito provavelmente, como todos os outros, estão a fazer o melhor que podem com os recursos possíveis.

O pior nesta situação de pandemia é que estamos todos à deriva.
Não podemos sequer fazer qualquer tipo de comparação com outra situação,  nem igual nem parecida.
Não desistas da marca, muito provavelmente estão tão stressados com a situação como tu.

Offline moto2cool

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 3093
  • Localidade: Porto
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: VStrom 650
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #9 em: 08 de Janeiro de 2021, 17:16 »
Correndo o risco de me meter onde não devo, não tenho Yamaha, mas a minha experiência de distribuição de encomendas pelo CTT, mais concretamente aquela coisa que é o CTT Expresso é desastrosa.
Tenho encomendas que chegaram a Portugal um mês antes de chegarem a minha mão
Por isso se as peças não vierem por empresa dedicada esse atraso não é anormal.
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Offline JPA

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jul 2010
  • Mensagens: 1079
  • Localidade: Figueira da Foz
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: DL 1000 V-STROM
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #10 em: 08 de Janeiro de 2021, 20:06 »
Companheiro

Compreendo a tua frustração com o sucedido, mas como já foi referido, os tempos que vivemos estão muito complicados.

Salvo erro, as peças são pedidas pela marca aos armazéns europeus em Amesterdão ou em Lyon.

Não é difícil imaginar o quanto disruptivo está o transporte rodoviário inter europeu, sobretudo quando centenas de transitários tem menos motoristas que o normal por motivos sanitários e o encerramento de muitas actividades de logística acarreta atrasos em efeito bola de neve

Podes continuar  a ter confiança na marca, mas é preciso paciência. Estamos todos no mesmo barco, e infelizmente vai ser assim nos próximos meses.

Hoje já se fala num novo confinamento...
Kymco Downtown 125i
Suzuki DL 1000 V-STROM


Offline Xquim

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2012
  • Mensagens: 578
  • Localidade: P.de Santa Iria--Caxarias
  • Membro CPM.4060
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #11 em: 08 de Janeiro de 2021, 21:41 »
Creio que o mal é geral.
Tenho uma Suzuki em casa à espera de umas guias de válvulas desde fins de Novembro.

Outra encomenda que fiz na EuroBikes, que normalmente chega  em dois dias, está já atrasada duas semanas.

Que vamos fazer?
De certeza que a oficina onde tens a Scooter a quer despachar o mais depressa possível e seguramente o armazém de peças da Yamaha tb quer receber a venda das tuas peças.

Resta, a todos, muita paciência e compreensão.
Esta, desculpem, m3rd@ do Covid  está a ter impactos profundos em toda a cadeia de distribuição, armazenamento e fabrico de peças.
Sem pretender meter mais "achas prá fogueira",não posso deixar de partilhar a minha recente experiência com os produtos comprados em na Europa,Mas antes dizer que antes as desculpaseram os sistemas informáticos,a troca de correspondencia,etc,a que se veio agora juntar o COVID.
Mandei vir há uns meses algum material para a Buga da EBikes que demorou algumas 3 semanas;1ª era a confirmação da transf. bancária depois era a transportadora (GLS) que não ia recolher o material....enfim.
Depois mandei vir  (EBikes) todo o material para a revisão,demorou 8 dias úteis.
Agora tenho comprado no Aliexpress artigos só na Europa,a maioria de Espanha e é super rápido. Engraçado;a transportadora é a mesma. Da Rep.Checa,1 cadeira,6 dias,da Alemanha um guincho,4 dias de Espanha a maioria. Ainda hoje me foi entregue um kit de limpeza de faróis que comprei na terça feira.
Agora tirem as V/ conclusões.
Se ouvires "apitar"é o XQUIM a cumprimentar!*
Downtown 125--08/2012--Jul2015--38.000 Km
Downtown 300I-ABS --08/07/2015..0km13/03/2018..27800Km.
Suzuki Burgman 650Euro4-16/03/2018--0Km....

Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #12 em: 09 de Janeiro de 2021, 20:08 »
Mais depressa falava, mais depressa a mota ficava pronta  :)
Recebi ontem, ao final da tarde, sms a informar que a mota estava pronta.





Eu percebo os constrangimentos que o Covid tem causado em redor do planeta, mas a haver algum problema na Yamaha deveria ser comunicado aos clientes.
Óbvio que não ia resolver o meu problema e frustração, mas já sabia que o arranjo poderia ser mais demorado.



Post moderado e unido.
(Double Posting)
« Última modificação: 18 de Janeiro de 2021, 13:00 por Admin28 »

Offline moto2cool

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 3093
  • Localidade: Porto
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: VStrom 650
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #13 em: 09 de Janeiro de 2021, 21:08 »
Eu percebo os constrangimentos que o Covid tem causado em redor do planeta, mas a haver algum problema na Yamaha deveria ser comunicado aos clientes.
Óbvio que não ia resolver o meu problema e frustração, mas já sabia que o arranjo poderia ser mais demorado.
Totalmente de acordo, infelizmente o desprezo pelos clientes é vulgar por aqui, como se as pessoas tivessem o dever de ir a loja em eles fizessem o favor de nos receber.
Nestes casos mudar de loja pode ajudar, nunca se sabe se o problema está na loja ou no fornecedor externo
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Offline davidsantos

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2016
  • Mensagens: 3291
  • Localidade: sintra
  • Marca: SYM
  • Modelo: CRUISYM 125
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #14 em: 09 de Janeiro de 2021, 23:50 »
Ainda bem que já ficou pronta, demorou bastante mas a época também não foi a melhor.
Sym Gts SE 12/2013  5/2017 a 11/2018
 21500 Kms até 28500 kms

Sym Cruisym 125 11/2018

Offline Lone Wolf

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2011
  • Mensagens: 831
  • Localidade: Amadora City
  • Com civismo cabemos lá todos...
  • Marca: Honda
  • Modelo: SD04
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #15 em: 10 de Janeiro de 2021, 20:12 »
Companheiros sem querer ser "advogado do diabo" ou algo do género, mas dado o que aqui já li...
Vou apenas lançar algumas ideias especulativas, sem ter conhecimento real do que possa ter acontecido, mas ainda assim aqui vai...
Tal como aqui já foi dito, ninguém quer "despachar"a situação mais rápido que a oficina uma vez que pelo descrito, a moto esta lá e desmontada.
Mas imaginem que, e assim parece, eles não tem o material necessário em stock, e que este se encontra num fornecedor em Espanha ou Itália, ou mesmo num qualquer fornecedor de outro pais que funcione nos mesmos moldes nesta altura do ano... já pensaram que nestes dois países que refiro a maioria das marcas fecha os seus departamentos de produção e logística uns dias antes do Natal e só voltam ao activo após o dia de Reis?!... se assim for o hiato de tempo referido deixa de contar como útil... isto sem colocar na equação o momento atípico que passamos devido aos constrangimentos sanitários que, não em todos, mas na maioria dos casos afecta a produção e logística da maioria das empresas.  ;)

Cada vez mais, é muito fácil a critica e acusação grátis, sem tentarmos perceber as possíveis razões das situações... o chamado tentar "calçar os sapatos do outro"

Ainda bem que tudo se resolveu a contento, fiquem bem e protejam-se mas rolem por aí pois andar de moto é o dos melhores clarificadores de ideias e forma de aliviar o stress do dia a dia  _pol_
O bom-senso é o ultimo dos sensos...
Sendo que a coerência é por vezes incoerente...

Offline davidsantos

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2016
  • Mensagens: 3291
  • Localidade: sintra
  • Marca: SYM
  • Modelo: CRUISYM 125
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #16 em: 10 de Janeiro de 2021, 20:20 »
Os prazos de entrega já não andam famosos, depois meteu se uma época festiva o prazo aumentou para além do normal, o importante é estar resolvido.
Sym Gts SE 12/2013  5/2017 a 11/2018
 21500 Kms até 28500 kms

Sym Cruisym 125 11/2018

Online Admin28

  • Administrador
  • MaxiScootard Júnior
  • *****
  • Join Date: Dez 2020
  • Mensagens: 22
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #17 em: 11 de Janeiro de 2021, 14:30 »
\... já pensaram que nestes dois países que refiro a maioria das marcas fecha os seus departamentos de produção e logística uns dias antes do Natal e só voltam ao activo após o dia de Reis?!...


...


 isto sem colocar na equação o momento atípico que passamos devido aos constrangimentos sanitários que, não em todos, mas na maioria dos casos afecta a produção e logística da maioria das empresas.  ;)

Cada vez mais, é muito fácil a critica e acusação grátis, sem tentarmos perceber as possíveis razões das situações... o chamado tentar "calçar os sapatos do outro"



Completamente de acordo com o teu pensamento.


A título de exemplo, adquiri um smartphone através da NOS que é o meu fornecedor de internet e serviços móveis.
Só 3 semanas após a confirmação da compra é que recebi um mail a informar que o produto já estava disponível em armazém e seguia nesse mesmo dia para a transportadora.
Logo aqui perdi 3 semanas, não porque o fornecedor quisesse, mas porque simplesmente o fabricante não tinha stock suficiente.
E depois de 3 semanas, ainda aguardei mais 2 semanas porque a DPD não tinha pessoal suficiente para o período de Natal. Coisa que já é habitual e aqui é que condeno esta atitude.


Apenas condeno neste processo a falta de comunicação por parte da DPD que decidiu colocar uma gravação e não atender os clientes.
Da Parte do fornecedor, nada a apontar.




Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #18 em: 11 de Janeiro de 2021, 20:20 »

Logo aqui perdi 3 semanas, não porque o fornecedor quisesse, mas porque simplesmente o fabricante não tinha stock suficiente.


Neste ponto, na minha perspetiva, a NOS está a enganar o cliente. Então vende um produto que não tem em stock e fica dependente do fornecedor? E se o fornecedor nunca mais repuser o stock? O cliente fica sem o produto, que já está pago à semanas, e entretanto poderá ter perdido outros negócios e não tem dinheiro para outra compra.

Mas negócios à parte  ;D , o importante é que a minha situação já está resolvida e espero não voltar a passar por outra, seja com a Yamaha ou outra marca.




Ahh, esqueci-me de um pormenor, o email que enviei no dia 6 ainda não foi respondido.
Nos dias que correm, sem contar com a situação do Covid, acho uma falta de profissionalismo muito grande não responderem ao email, quanto mais não fosse algo do género "estamos a analisar a situação, aguarde".
« Última modificação: 18 de Janeiro de 2021, 12:57 por Admin28 »

Offline davidsantos

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2016
  • Mensagens: 3291
  • Localidade: sintra
  • Marca: SYM
  • Modelo: CRUISYM 125
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #19 em: 16 de Janeiro de 2021, 22:50 »
Ahh, esqueci-me de um pormenor, o email que enviei no dia 6 ainda não foi respondido.
Nos dias que correm, sem contar com a situação do Covid, acho uma falta de profissionalismo muito grande não responderem ao email, quanto mais não fosse algo do género "estamos a analisar a situação, aguarde".

Pois para isso é que já não há grande desculpa..
Sym Gts SE 12/2013  5/2017 a 11/2018
 21500 Kms até 28500 kms

Sym Cruisym 125 11/2018

Offline moto2cool

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 3093
  • Localidade: Porto
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: VStrom 650
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #20 em: 17 de Janeiro de 2021, 10:25 »
Temos visto algumas histórias de falta de apoio ao cliente em marcas emergentes chinesas que são logo censuradas. Numa marca como a Yamaha é muito mais censurável
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #21 em: 17 de Janeiro de 2021, 18:48 »
Voltei a enviar em email, vamos ver se é desta vez  _pensador_

Offline moto2cool

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 3093
  • Localidade: Porto
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: VStrom 650
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #22 em: 17 de Janeiro de 2021, 19:27 »
Voltei a enviar em email, vamos ver se é desta vez  _pensador_
Mas percebi que o problema estava resolvido, é apenas para obter resposta?
Se tiverem livro reclamações online pode ser mais efectivo
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Offline jarule71

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Vila Nova de Gaia
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: X-city 250
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #23 em: 18 de Janeiro de 2021, 15:33 »
Sim, já está resolvido.
Mas, de qualquer maneira a Yamaha deve responder ao email.
É incrível nos dias que correm existir multinacionais que se estão literalmente a borrifar para os clientes, eu nem quero acreditar que não irão dizer nada. Vamos aguardar....

Update: Responderam hoje ao email. E fiquei de boca aberta!
No email que enviei disse que tinha recorrido a um concessionário oficial em Vila Nova de Gaia, sem mencionar o nome, e qual é a resposta??? "Não dispomos de nenhum concessionário oficial Yamaha em Vila Nova de Gaia, por favor procure um concessionário próximo de si no site Yamaha Portugal"
Das duas uma, não estou a falar com a Yamaha Portugal ou a Yamaha devia rever quem os está a representar em Portugal. Não tem que enganar, só existe UM concessionário oficial em Vila Nova de Gaia, UM.
Nem quero imaginar o que por ali vai....
« Última modificação: 18 de Janeiro de 2021, 20:02 por jarule71 »

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1713
  • Localidade: Oeste
  • The scooter rider
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Desilusão com a Yamaha
« Responder #24 em: 18 de Janeiro de 2021, 20:18 »
Companheiro para que, não existam confusões, qual o concessionário da yamaha em Vila Nova de Gaia?
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas