Autor Tópico: Sinalização de troços perigosos em Espanha  (Lida 535 vezes)

Offline moto2cool

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 3970
  • Localidade: Porto
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: VStrom 650
Sinalização de troços perigosos em Espanha
« em: 01 de Outubro de 2020, 18:54 »

 O Ministro do Interior, Fernando Grande-Marlaska, apresentou a nova sinalização com a qual serão identificados os 100 troços de estradas secundárias de maior risco para os motoristas, medida que se insere numa campanha de extrema cautela e redução  a taxa de acidentes.

 Tanto no Ministério como na DGT existe uma grande preocupação com os dados de sinistralidade de motas nos últimos anos: “Os dados sobre a sinistralidade com motociclistas dão-nos uma ideia da magnitude do problema que enfrentamos, mas também nos indicam  o caminho que temos de seguir ”, afirmou Grande-Marlaska. O ministro explicou que“ perante um problema de segurança rodoviária, a primeira coisa a fazer é informar e educar o utilizador para depois fiscalizar e controlar o cumprimento das normas que  eles o afetam ”.

 Em 2019, 466 motociclistas morreram, 45 a mais que no ano anterior (+ 11%), e desde 2014, ano em que morreram 340 motociclistas, verifica-se um crescimento contínuo dos acidentes.  Considerando o parque nacional de motocicletas, com 5,5 milhões de motocicletas e ciclomotores que respondem por 19% do total de veículos, a taxa de acidentes com motocicletas chega a 27%, mais de uma em cada quatro mortes em acidentes de trânsito.  76% dos motoristas mortos na estrada eram estradas secundárias (220 motoristas em 2019).

 Para identificar esses 100 trechos, a Direção-Geral de Trânsito projetou um sinal vertical de grande formato que será colocado no início do trecho identificado e que informará o número de motoristas afetados (falecidos e feridos) registrados nos últimos cinco anos.  Todos os anos será realizado o cálculo das vítimas e de cada seção e os dados das sinalizações serão atualizados.

 O ministro acrescentou que a par destas medidas se está a trabalhar na reforma do Regulamento Geral de Trânsito para melhorar a protecção dos utilizadores vulneráveis ​​e, para este grupo, estuda-se a obrigatoriedade do uso de luvas e a recomendação, entre outros aspectos.  o uso do airbag da motocicleta em motocicletas de alta cilindrada na estrada.

 https://www.motociclismo.es/noticias/interior-senalizara-100-tramos-carretera-con-riesgo-motoristas_209437_102.html
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"