Autor Tópico: Kawasaki J300 (2014).  (Lida 133118 vezes)

escape_roto

  • Visitante
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #150 em: 17 de Outubro de 2014, 10:45 »
Que bom exemplo de profissionalismo que aqui se lê.
Pena o "calvário" por que tiveste que passar.
Espero sinceramente que a futura maquina satisfaça em pleno as tuas necessidades e preencha completamente o gosto que tens pela marca.

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12447
  • Localidade: Évora
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #151 em: 17 de Outubro de 2014, 19:59 »
Já agora e meramente por curiosidade, companheiro Jorge Guimarães........vais receber a J300 Edição Especial, ou a versão normal?

Espero que seja a primeira.... é Linda!  _pol_

scooteraddict

  • Visitante
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #152 em: 18 de Outubro de 2014, 12:51 »
Agora na minha opinião há um aspecto ainda não falado (para além do dobro da garantia... 4 anos _pol_) que pode marcar a diferença entre a escolha de uma Kynco DT vs Kawa J300...o importador não é o mesmo.
Já li na net (fóruns) muito descontentamento com a Mavico...não sei como as coisas funcionam com a Multimoto...
Pode valer a pena a diferença de preço se somarmos tudo? Estéctica, marca, garantia, importador etc?

Faço esta observação porque eu por exemplo tive há pouco tempo uma chatice com um concessionário SYM e com o Importador SYM e teria pago de bom grado para não me ter chateado. Isto de ter razão nem sempre resolve as coisas quando as pessoas nestas Empresas não são integras nem bem intencionadas.

Volto a repetir o que já tinha dito anteriormente neste tópico.
Talvez agora quem defenda que é asneira ter uma Kawasaki J300 pelo facto de ter o mesmo producto (Kynco DT 300) mais barato...pense melhor _Rolley_

Ainda bem que apesar dos transtornos tudo acabou por se resolver _pol_

Boas curvas e muitos Kms com a nova máquina

Offline _AXE_

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 3431
  • Localidade: SACAVEM
  • Marca: Honda
  • Modelo: 1/2 Honda jazz
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #153 em: 18 de Outubro de 2014, 17:30 »

Apenas faço um  _pol_

Normalmente todos os concessionários (repito o normalmente) têm esse tipo de atitudes, o que é de louvar, claro !!

Ou substituem Motores completos, como já aqui aconteceu ... e houve casos que não foi uma nem 2 vezes ....

O importante é todos os "compradores" de produtos novos ou usados não fiquem prejudicados  _pol_

Boa sorte para a proxima  _pol_

Boas curvas
As coisas apenas têm o valor que lhes atribuímos....

Vai devagar, não te atrases....

Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #154 em: 18 de Outubro de 2014, 18:07 »
Boas colegas
Convem esclarecer o seguinte:
A minha Kawsaki J300 é a Edição especial 2014, portanto J300 SE, a que tem Abs e as côres verde, preto e branco das Ninja da marca. A Kawasaki vai entregar-me uma J300 SE, versão 2015  com 0 Kms.
A minha J300 SE que neste momento deve estar pronta para arrancar para a Holanda e daí para Akashi depois de ser analisada e vista por dois engenheiros japoneses, foi comprada em 16 da Abril de 2014 com 798 kms como moto de serviço que nunca foi usada no concessionário pois foi-lhe entregue pelo importador já com esses quilómetros. Só eu é que lhe meti, no teste drive que me permitiram especialmente fazer, 5 Kms que me levaram à decisão de a comprar, portanto a moto quando chegou ao stand tinha 793kms. Eu tenho a leve desconfiança que a minha moto foi uma das que esteve no Algarve aquando da apresentação/lançamento mundial do modelo pela Kawasaki mas isto não passa de uma suposição pois nunca ninguém me disse isso e muito menos o confirmou.
Quanto ao que o colega Clemente Vicente diz, não posso estar mais de acordo com ele, 100% tal como assino por baixo o que o colega scooteraddict referiu. Se me perguntam se recomendo a Kawa J300 SE, claro que RECOMENDO. Se me perguntam o que tenho a dizer do importador, só posso repetir o que já disse, IMPECÁVEIS, tal como o Stand MotoVeiga de Braga. Obviamente que houve muitas conversas e negociações isto não foi um estalar de dedos e já está: tome lá outra que a sua está estragada. Não. Certificaram-se, verificaram, tornaram a verificar e comprovaram os erros. Eu próprio lhes fiz um relatório das ocorrências, dia, hora, kms e o que aconteceu, isto para além dos logs que a centralina de testes com que a equiparam fazia. Eis as razões que me levam a dizer que estes senhores não brincam em serviço e que se já gostava da marca, o que é que acham?! ENCANTADO.  _palmas_ _
Cumprimentos convivio_
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline Paulo Varela

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Dez 2009
  • Mensagens: 1339
  • Localidade: Amadora
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Scrambler
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #155 em: 18 de Outubro de 2014, 18:09 »
Problemas todas as marcas têm! Assumir e analisá-los já é outra conversa!

Mas felizmente já se verificam cada vez mais situações destas e ainda bem que te resolveram a situação!

 _palmas_ _palmas_

Melhor sorte para a nova J...
Gilera Stalker 50 - Yamaha X-Max 125i - Yamaha Majesty 400 - Honda NC700X - Triumph Bonneville SE - Triumph Street Twin - Ducati Monster - Ducati Scrambler


Offline António Teles

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2012
  • Mensagens: 1118
  • Localidade: Loures
  • Marca: Deauville
  • Modelo: Honda NT700V
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #156 em: 18 de Outubro de 2014, 19:03 »
Excelente atitude de todos. _palmas_
Atenção aos radares! Eles andem aí!

Offline José

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2010
  • Mensagens: 3259
  • Localidade: Mem Martins - Sintra
  • Membro CPM nº 858
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 750cc/Mar2021
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #157 em: 18 de Outubro de 2014, 19:03 »
Pelo que li, teve mesmo azar com a máquina, mas acho que o companheiro fez a melhor opção querendo outra!! Isto acontece mesmo com outras motas também de renome, comigo aconteceu aos 40 mil e com 27 meses de uso, a Yamaha Portugal assumiu toda a responsabilidade,  agora quando receber a nova, é estar atento, não vá repetir-se o mesmo ou outros problemas.
 
Pcx (Set2010/Mar2011-5 800 kms)
Xmax 125 Sport Edition (Mar2011/Mar2016-101 000) Xmax 125 (Mar2016/Abr2018 - 42 000 kms)Xmax 125 (Abr2018/Out2019) Xmax  300 (Out2019/Mar2021) - Forza750cc (Mar2021)

Offline marb

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1199
  • Localidade: Santarém
  • Marca: BMW
  • Modelo: R1200 GS
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #158 em: 19 de Outubro de 2014, 01:10 »
Ainda bem qu tudo acabou da melhor forma. Boa sorte com a nova!
10/2011-Honda Vision 110 (3600 km), 04/2012-Yamaha XMax 125A (8700 km), 07/2013-Yamaha XMax 250A (10000 km), 07/2014 Honda NC750D (18700 km),03/2016-Honda PCX 125 (8000 km), 04/2017-Honda CB500X (13400 km), 05/2018-Honda CBR650F (7170 km), 09/2018-BMW R1200 GS

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12447
  • Localidade: Évora
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #159 em: 20 de Outubro de 2014, 12:55 »
Companheiro Jorge Guimarães, quando o concessionário te disse que a tua unidade seria enviada para Akashi (Japão), foste igualmente informado que logo que houvesse uma conclusão te reportariam a mesma, ou nem por isso?

Não tenho a mínima dúvida que essa perícia será mesmo levada a cabo pelos técnicos da marca, mas era importante, enquanto ex-proprietário dessa unidade em particular, teres conhecimento do que se tinha passado.

Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #160 em: 16 de Novembro de 2014, 18:18 »
Boas, colegas
Finalmente na passada 5ª feira, dia 13 de Novembro, foi-me entregue uma KAWASAKI, J 300 SE com 2Kms que lhe fizeram para testar se estava tudo afinado, tem agora 8 kms porque percorri 6 kms do Stand até casa onde a tenho na minha garagem porque o tempo não tem estado de feição aqui pelo Norte. Um destes dias posto aqui uma foto da máquina com aquelas cores verde, branco e preto que identificam as Ninja da Kawasaki e a J300 SE.
Quanto à questão que me foi colocada pelo Sapiens 21, duas semanas depois de eu ter entregue a scooter à Kawasaki, falei com o engenheiro responsável da Kawasaki (do importador Multimoto) e o que ele me disse face à questão que lhe coloquei sobre quais as possibilidades de eu vir a saber o que se passou com a minha unidade, ele respondeu-me que talvez venha a ser muito difícil pois ela tinha ido para investigação e isso levaria, provavelmente, bastante tempo e que, de momento, nem ele sabia o que constava dos logs registados na centralina de testes a qual só podia ser acedida pela fábrica em Akashi pois continha informações técnicas que classificaram como segredos da marca, de tal modo que para além de acesso protegido a mesma centralina estava programada com software que só a fábrica expressamente tinha. Mais, nem ele sabia se a minha unidade ainda estava na Holanda ou se já tinha ido para o Japão, pois a decisão de a enviar ou não para Akashi, estava dependente de uma vistoria técnica que iria ser feita por dois engenheiros vindos expressamente do Japão. Eis o ponto da situação.
Quanto à nova máquina, ela veio com o registo de 2014 mas já é o modelo da série a ser comercializado em 2015, está muito presa ainda e como sabem precisa de uma rodagem feita com cautela até aos 1600 Kms, o que penso fazer pois quando a comparo com a outra unidade nem parece a mesma scooter no trabalhar, no andar mas espero daqui a algum tempo já poder dar largas ao acelerador  scooter_
Cumprimentos  _pt_
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline JPA

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jul 2010
  • Mensagens: 1196
  • Localidade: Figueira da Foz
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: DL 1000 V-STROM
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #161 em: 17 de Novembro de 2014, 21:33 »
Viva !

Ainda bem que a J300 avariada foi substítuida, o que demonstra um certo cuidado do importador/representante em defender os seu produto e marca. _palmas_ _palmas_

Quanto ao fato de que a unidade avariada ir para o Japão, tenho algum receio que isso não seja bem assim como te contaram, visto que o R&D  da Kawa  e para o modelo em concreto é europeu.( Holanda )

Não me leves a mal, e apenas manifesto a minha opinião, mas a situação que reportas e passo a citar o que afirmas: "... o que constava dos logs registados na centralina de testes a qual só podia ser acedida pela fábrica em Akashi pois continha informações técnicas que classificaram como segredos da marca, de tal modo que para além de acesso protegido a mesma centralina estava programada com software que só a fábrica expressamente tinha..." ,
 pode ter alguma "ponta solta", pois o acesso à centralina e interpretação dos códigos de erro da J300 é o mesmo da Kymco, e como tal os códigos DTC são interpretados pelo mesmo software. Não percebo este misticísmo dos segredos de fábrica... _pensador_

Sabias o sistema de injecção é comum a ambos modelos pois  trata-se de uma ECU Kehin de 16bit? 

Outro aspeto que me levou a escrever neste tópico, é que  fabricação deste modelo da Kawa, poderá nem ser feita no Japão e é bem provável que seja em Tawain na Kymco Motor Co. ( sei que a Kawa na Ásia e subdivisão de motos tem ainda fábricas na china e tailândia).

Os nipónicos já não são o que foram à uns 10 -20 anos atrás, e por isso acho que fica muito caro Akashi fabricar este modelo num linha de produção nova e exclusiva para um produto é para ser importado sobretudo para uma clientela europeia, e logo agora nos tempos que correm, com um Yene desvalorizado e com uma recessão severa que assola o Japão. ;)

Como qualquer marca nipónica, os custos controlados são mais que obrigatórios e a descentralização do Japão é a realidade atual.

Essa dos engenheiros japonses irem à Holanda?? Talvez, mas com alguma ressalva... pois falamos de uma scooter e não de um navio de vários milhões, ou peças aeronáuticas para a Boeing   _lol_

Com isto não quero afirmar que a Kawa não tem capacidade produtiva, para fabricar quadro, motor, electónica, etc da J300, mas o "original" já existe desde 2009 com provas dadas mais que evidentes, para quê gastar mais yenes a  inventar??

Estou curioso para perceber como a J300 irá sobreviver, pois com a nova Downtown a arrebentar em 2015, acho que o cenário não será muito satisfatório, a não ser que haja alguma surpresa  e no bom sentido.

Independente se a J300 é cópia ou não, o que interessa é que o teu problema foi resolvido de uma forma muito eficaz. A kawasaki e a Multimoto estão de parabéns, e por isso acho altamente recomendável.

Boas curvas e que disfrutes em pleno essa excelente maxi.  _pol_ _pol_



Kymco Downtown 125i
Suzuki DL 1000 V-STROM


Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #162 em: 20 de Novembro de 2014, 22:45 »
Boas pessoal
Espero conseguir ter sucesso neste post. Abaixo está a foto da minha máquina.
JPA, não me custa nada aceitar e até mesmo acreditar no que argumentas, limitei-me a relatar o que se passou nas conversas que tive. _convivio_
Cumprimentos
Jorge Guimarães
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #163 em: 20 de Novembro de 2014, 22:56 »
Pois, já percebi que falhou o envio da foto. Pensei que com um link para a Dropbox aqui postado, resolvesse o assunto mas ao enviar o sistema de edição apaga o link o que não permite aceder à foto. Numa próxima oportunidade seguirei os passos para postar fotos sugeridos pelo AXL no tutorial.
Cumprimentos

https://www.dropbox.com/s/mzbf2732hfvpuiz/2014-11-17%2016.06.03.jpg?dl=0
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #164 em: 20 de Novembro de 2014, 23:03 »
Pronto, já não é preciso seguir o tutorial do AXL pois fazer copy e paste do link sem clicar no botão de inserir imagem funciona. Assim quem tiver curiosidade já pode ver a foto da minha Kawasaki J300 SE.
Aqui vai mais uma: https://www.dropbox.com/s/9wycpht85skfk8z/2014-11-17%2016.12.44.jpg?dl=0
Cumprimentos  _convivio_
Jorge Guimarães
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12447
  • Localidade: Évora
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #165 em: 20 de Novembro de 2014, 23:15 »
 _pol_  Já matei a curiosidade e deixa-me que te diga que a J300 Special Edicion tem mesmo muito bom aspecto.

Boas voltas nessa bonita maxiscooter.

Offline Paulo Silveiro

  • Provedor
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1832
  • Localidade: Oeste
  • The scooter rider
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #166 em: 21 de Novembro de 2014, 09:30 »
Esse verde fica-lhe muito bem, parabéns e boa sorte. _pol_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015 a junho de 2022;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12447
  • Localidade: Évora
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #167 em: 03 de Fevereiro de 2015, 20:24 »
Para os felizes proprietários da Kawasaki J300 ou para aqueles que o pretendem ser em breve, esta é a top-case disponibilizada pela marca, com 39L de capacidade e a possibilidade de alterar a cor da tampa superior.


Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #168 em: 11 de Março de 2015, 23:27 »
Boas, pessoal
Lá estou eu lixado com esta moenga.  _Zang_ Na anterior J300 que a Kawasaki me trocou _pol_, tive de lhe mudar o pneu de trás (Maxxis i pro) aos 3943 Kms, agora nesta nova que me entregaram em Novembro passado, o pneu da mesma marca só fez 3.398 Kms _martelada_ e não andei a rasgar... ora vejam como estava ainda ontem:
https://www.dropbox.com/s/1nqosgdtlmrmrrp/2015-03-09%2016.22.19.jpg?dl=0
e também esta foto noutro ângulo:
https://www.dropbox.com/s/y85ini7x68nu127/2015-03-09%2016.21.55.jpg?dl=0
e os Kms: https://www.dropbox.com/s/x41u7b4e2c17z0w/2015-03-09%2016.26.58.jpg?dl=0
e a Kawasaki ´Portugal diz que não dá garantia a pneus... _Zang_ Pimba...
Lá tive que meter à minha custa um Michelin City Grip como fiz na outra moto e esse, quando entreguei a moto à Kawasaki tinha feito mais de 4000Kms e tinha aspecto de novo. A ver se tenho sorte com este, agora!!! _anjo_
Estou triste com isto :( >:( _Zang_ _thumbdown_ _martelada_
Cumprimentos
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT

Offline rumabrica

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Abr 2014
  • Mensagens: 300
  • Localidade: Oliveira de Azeméis
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #169 em: 12 de Março de 2015, 00:52 »
Boas o pneu com esses kms ficar assim lambidos não é facil, pelas fotos parece que o desgaste não é igual todo o pneu.
Xiça assim não se ganha para pneus......a minha tem 8000 kms e o michelin city grip parece novo e o da frente está mesmo novo, a vespa que tive com jante 10 fazia 5000 kms  com michelin s3.

Boas curvas

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12447
  • Localidade: Évora
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #170 em: 12 de Março de 2015, 08:02 »
Com 3200Kms e o pneu nesse estado, parece-me que o concessionário deveria abrir um processo de garantia.
É que em 50-60% do rasto, está completamente slick.  _pensador_

Por curiosidade, que tipo de piso utilizaste habitualmente nas tuas deslocações e se tens conhecimento de outros relatos de desgaste rápido nas J300 com os pneus de série?

CIMENTO

  • Visitante
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #171 em: 12 de Março de 2015, 09:44 »
Como é possível o pneu já estar nesse estado !?!?  _confuso_

Na minha DT300 os pneus (Kenda) fizeram cerca de 18.000kms se não me engano, e só troquei porque o de trás tinha uma lasca em que faltava borracha.

Chegavam aos 20.000kms na boa.  scooter_

Algo não está bem aí... _pensador_

rpneves

  • Visitante
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #172 em: 12 de Março de 2015, 10:10 »
Na minha antiga Downtown também tinha as maxxis pro e troquei aos 13000km, pois não gostava do pneu na chuva e ainda chegavam para andar pelo menos mais uns 5000km.

Offline JPA

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jul 2010
  • Mensagens: 1196
  • Localidade: Figueira da Foz
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: DL 1000 V-STROM
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #173 em: 12 de Março de 2015, 11:06 »
É mesmo para ficares lixado...

Esse desgaste não é normal, e quase me atrevia a afirmar que deixa de ser uma coincidência mas sim uma estatística.

Se na tua 1º scooter os Maxxis não aguentaram nada,  agora com uma J300 novinha desde Novembro acontecer o mesmo, parece-me que deves puxar as orelhas a alguém.

Desconhecia que a Kawa  neste modelo apostava nos Maxiis i Pro, mas não me surpreende de todo, pelos motivos que referi num post anterior.  _Rolley_

Agora sim, uns bons sapatos. Boa sorte com os Michellin.  _pol_
Kymco Downtown 125i
Suzuki DL 1000 V-STROM


Offline Jorge Guimarães

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2014
  • Mensagens: 55
  • Localidade: Braga
  • Marca: Honda
  • Modelo: Integra NC 750 DCT
Re: Kawasaki J300 (2014).
« Responder #174 em: 15 de Setembro de 2015, 19:42 »
Boas pessoal
A minha Kawa J300 SE já está a precisar outra vez de pneus,  _Zang_  agora à frente e atrás. Em Março passado meti-lhe atrás um Michelin City Grip que me fez 8360 Km, isto porque o Maxxis que a equipava de origem deu o berro aos 3398 Km, agora o Maxxis de origem que está na frente já fez 11758 kms  _pensador_  que são os que a máquina tem agora. Ando a gastar muito pneu em tão pouco tempo  _confuso_. Será da máquina, será a minha condução, serão os caminhos que faço (estrada, 64 kms diários de 2ª a 6ª casa-trabalho-casa) na cidade algum paralelo mas maioritariamente alcatrão. Eu fico completamente danado quando vejo colegas aqui a dizer que os pneus das suas máquinas fizeram 18000, 20000 e até 30 e tal mil _corado_ _thumbdown_ _martelada_, este ano é a segunda vez que mudo de pneus  _martelada_ M**** (bosta) para isto >:( :'(
Se isto continua assim, se calhar é caso para pôr uns patins na J300... Vamos ver como se comportam os que mandei pôr, Bridgestone Hoo à frente e  Michelin City Grip atrás, isto está agendado para a mudança se fazer esta próxima 5ª feira... ::)
Apesar de tudo, ainda consegui anular a encomenda de uns Michelin Power Pure SC que estavam na calha para equipar a J300 graças às informações aqui da malta do fórum  _palmas_ Nem tudo é azar, vamos ver _convivio_ _pol_, mas que estou a ficar com o nariz torcido em relação ao desgaste que a J300 anda a dar aos pneus, estou _thumbdown_.
Honda PCX (duas);
Kawasaki J300;
Honda Integra 750 DCT