Autor Tópico: Bajaj  (Lida 660 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Bajaj
« em: 05 de Julho de 2018, 13:13 »
Pessoal, ontem cruzei-me com uma bajaj dominar 400. Nunca tinha visto a moto nem conhecia a marca. Tenho, como é evidente, receio de uma marca nova em portugal, como muito pouca representação e cujas vendas do modelo pelo qual me apaixonei, pelo que li, não serem famosas na india.
No entanto estou mesmo inclinado em comprar a mota e se me arranjarem um para-brisas gramdinho sou mesmo capaz de fazer negócio. Digam-me da vossa justiça sobre esta minha ideia
« Última modificação: 05 de Julho de 2018, 16:19 por rumaloro »

Offline JViegas

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 1721
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 300 ABS
Re: Bajaj
« Responder #1 em: 05 de Julho de 2018, 13:39 »
A Bajaj já comercializa motociclos há muitos anos, com custos de aquisição muito pequenos.

A KTM tem uma parceria com a empresa para o fabrico das dukes 290 e 300 (acho eu).

Essa 400 que referes parece ser o modelo que a marca quer lançar no mercado Europeu.

Resultará?
Tudo depende da aceitação do mercado, fiabilidade do modelo (acredito que em milhões de unidades produzidas, algumas terão problemas de "juventude") e implementação na cilindrada a que se propõem.

O link da máquina:
https://www.globalbajaj.com/portugal/portugues/marcas/motos/dominar/dominar-d400/vis%c3%a3o-geral/

Comprava?
Não.
Prefiro (mais um esforço) a MT-03 ou a nova CB300R

Um vidro (dependendo do construtor) poderá minimizar os efeitos do vento, mas uma naked deixará sempre o vento dar "tareia" ao corpo.

O que importa é se te sentes bem em cima dela e se a mesma vai ao encontro das tuas expetativas.

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1465
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Bajaj
« Responder #2 em: 05 de Julho de 2018, 14:28 »
O importante é ficares contente com a mota. As especificações são boas, o preço também….

Como a marca está a aparecer deve haver alguns descontos.

Os contras….o desconhecimento da fiabilidade do modelo e a desvalorização de uma venda futura.

Mas se gostas da mota avança , e não te esqueças se abrir um DB.
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: Bajaj
« Responder #3 em: 05 de Julho de 2018, 14:41 »
Obrigado pela força.
Irei fazer um test drive à mota amanhã. Depois logo digo o que sinto.
Quanto às outras sugestões (MT-03 ou CB300R) o problema das duas, para mim, é a posição de condução. Ambas têm uma posição de condução demasiado inclinadas para a frente. Se não fosse esse problema já tinha comprado uma CB300R e não perdia noites de sono a pensar nisto :)

Offline pjmartinho

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jul 2015
  • Mensagens: 348
  • Localidade: Sesimbra
  • Sexo: Masculino
  • Bora nessa, ó Vanessa...
  • Marca: Honda
  • Modelo: Pan European
Re: Bajaj
« Responder #4 em: 05 de Julho de 2018, 14:46 »
Ao ver as especificações da mota reparei que usa 3 velas... num motor de 1 cilindro?

A Alfa Romeo tinha os motores Twin Spark (2 velas por cilindro)... esta é Triple Spark  _pensador_
Cronologia:
08/2015 - 09/2016: Kymco Downtown 125i - 3.995 kms - Média: 3,4L
09/2016 - 05/2017: YAMAHA T-Max 500 ABS - 4.276 Kms - Média: 5,3L
05/2017 - ??/????: Honda Pan European ST1100 - 60013 Kms - ????? Kms - Média:

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: Bajaj
« Responder #5 em: 05 de Julho de 2018, 14:56 »
Ao ver as especificações da mota reparei que usa 3 velas... num motor de 1 cilindro?

A Alfa Romeo tinha os motores Twin Spark (2 velas por cilindro)... esta é Triple Spark  _pensador_

Sim, dizem que é uma tecnologia patenteada... também me parece estranho...

Offline fastnet

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Ago 2013
  • Mensagens: 2021
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: honda
  • Modelo: cbf 125
Re: Bajaj
« Responder #6 em: 06 de Julho de 2018, 10:37 »
Confesso que nunca tinha ouvido falar do modelo nem da marca.
Se achas que é o teu "sapatinho" porque não avançar?
Todas as marcas ao entrar no mercado tentam um preço concorrencial, por vezes isso não quer dizer que seja de baixa qualidade.
Sym Symphony 125s, Honda S-Wing 125, Bmw f650 funduro, Honda cbf 125
Honda pcx, a sair da casca Spritmonitor.de" border="0
CB500s, a tímida

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: Bajaj
« Responder #7 em: 06 de Julho de 2018, 10:52 »
Hoje estou a pensar fazer o test drive da mota. Mas há uma coisa que me está a impedir de imaginar que irei avançar com o negócio: a falta de pára-brisas.
Já enviei e-mail para a puig, para a givi, para vários fabricantes de acrílicos, para a representante da moto em Portugal e para a fabricante da moto na índia e até agora nenhuma resposta positiva. E comprar uma moto sem protecção aerodinâmica, nem pensar... por mais bonita que ela seja...
O pior é que em casa tenho alguém completamente contra eu andar de mota e que, para ela, quanta menor cilindrada melhor... e esta motinha com 400cc e com uma posição de condução direita era a ideal para mim... Enfim... dilemas...

Offline JViegas

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 1721
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 300 ABS
Re: Bajaj
« Responder #8 em: 06 de Julho de 2018, 13:30 »
Hoje estou a pensar fazer o test drive da mota. Mas há uma coisa que me está a impedir de imaginar que irei avançar com o negócio: a falta de pára-brisas.
Já enviei e-mail para a puig, para a givi, para vários fabricantes de acrílicos, para a representante da moto em Portugal e para a fabricante da moto na índia e até agora nenhuma resposta positiva. E comprar uma moto sem protecção aerodinâmica, nem pensar... por mais bonita que ela seja...
O pior é que em casa tenho alguém completamente contra eu andar de mota e que, para ela, quanta menor cilindrada melhor... e esta motinha com 400cc e com uma posição de condução direita era a ideal para mim... Enfim... dilemas...


rumaloro, se me permites a opinião pessoal:

Uma naked será sempre naked. A proteção aerodinâmica será sempre menor do que a tua SYM, por exemplo.

Terás que ter em conta outros aspectos:
1. Não terás espaço de arrumação
2. Se cair a máquina danifica mais do que os plásticos: pedais, seletor de mudanças, manete de embraiagem ou travão, etc. etc.
3. Terás mais despesa com seguros e IUC (não sei se as 400cc estás dispensadas ao abrigo da lei)

A questão do risco ser menor por se conduzir uma cilindrada mais pequena, tudo depende da tua cabeça, da mão direita e também da sorte.

Existem fatores que não controlamos no trânsito, e por isso a condução defensiva deve ser apanágio de todos, pois somos nós que raspamos com o corpo no chão independentemente da culpa ser nossa ou de terceiros, da velocidade a que conduzimos ou outro.

Espero que consigas convencer em casa sobre essas questões, porque não fazer o test drive em conjunto e demonstrar que também se pode obter prazer na condução de uma mota de cilindrada superior da mesma forma que uma 125cc.

Que tudo se resolva.

Se fizeres o test drive conta como foi.

Offline Ccarvalho

  • Moderador Global
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2014
  • Mensagens: 1461
  • Localidade: Amadora
  • Sexo: Masculino
Re: Bajaj
« Responder #9 em: 06 de Julho de 2018, 14:37 »

3. Terás mais despesa com seguros e IUC (não sei se as 400cc estás dispensadas ao abrigo da lei)

As 400cc atualmente pagam 19,28 euros de IUC.

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: Bajaj
« Responder #10 em: 06 de Julho de 2018, 14:51 »

rumaloro, se me permites a opinião pessoal:

Uma naked será sempre naked. A proteção aerodinâmica será sempre menor do que a tua SYM, por exemplo.

Terás que ter em conta outros aspectos:
1. Não terás espaço de arrumação
2. Se cair a máquina danifica mais do que os plásticos: pedais, seletor de mudanças, manete de embraiagem ou travão, etc. etc.
3. Terás mais despesa com seguros e IUC (não sei se as 400cc estás dispensadas ao abrigo da lei)

A questão do risco ser menor por se conduzir uma cilindrada mais pequena, tudo depende da tua cabeça, da mão direita e também da sorte.

Existem fatores que não controlamos no trânsito, e por isso a condução defensiva deve ser apanágio de todos, pois somos nós que raspamos com o corpo no chão independentemente da culpa ser nossa ou de terceiros, da velocidade a que conduzimos ou outro.

Espero que consigas convencer em casa sobre essas questões, porque não fazer o test drive em conjunto e demonstrar que também se pode obter prazer na condução de uma mota de cilindrada superior da mesma forma que uma 125cc.

Que tudo se resolva.

Se fizeres o test drive conta como foi.

Sim, acho que tenho  que testar esta sem para-brisas e uma honda 310 gs ou algo assim para perceber se há mesmo grandes diferenças, e quais as diferenças entre uma bmw 310 gs e a sym 125 em termos de protecção aerodinâmica... isto de ser verdinho nestas andanças tem destas coisas, só há dúvidas, nenhuma certeza  _martelada_

Seja como for o test drive da bajaj está marcado para hoje. Depois digo como correu. E entretanto também já arranjei alguém que me faça um para-brisas em acrílico para a moto... não sei é os preços  _pensador_

Offline TMR

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jan 2018
  • Mensagens: 22
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: benelli
Re: Bajaj
« Responder #11 em: 06 de Julho de 2018, 16:59 »
Minha rica Benelli 302...

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: Bajaj
« Responder #12 em: 06 de Julho de 2018, 19:46 »
E pronto, test drive feito.
A mota, esteticamente, é muito bonita. O mostrador é pobre, tendo apenas o essencial e, apesar do conta-rotações apresentar uns impressionantes 13000rpm, a verdade é que a partir das 9500rpm acende uma luzinha a avisar que já estamos a abusar da mota...
Não que seja muito necessário chegar a essas rotações, tendo em conta que às 6000rpm já a mota vai aos 110km/h.
Bom binário desde rotações baixas, o que quase torna desnecessária a 1ª, excepto mesmo se pararmos.
Trava bem e as mudanças também entram bem mas achei que a embraiagem pegava muito em cima.
Assento confortável e acessível para pessoas baixas, que conseguem chegar com os pés perfeitamente ao chão.
coisas que não gostei: sendo eu maçarico, agarro-me à mota com unhas e dentes, e nessa posição (agarrado com unhas e dentes) sente-se vibração nas pernas em contacto com o depósito de combustível. Acredito que em viagens mais ou menos longas estas vibrações tornam-se incomodativas.
Os apoios para os pés, apesar de cómodos em condução, atrapalham um bocado quando queremos chegar com os pés ao chão... parece que estão mesmo no sítio onde não deviam estar... e não compreendo também porque raio é que os apoios dos pés do condutor são retráteis...
Os espelhos retrovisores não servem para nada. Se alguém comprar esta mota a primeira coisa a fazer é mudar os espelhos para uns que realmente cumpram a sua função...
achei os botões meio fraquinhos, nomeadamente os dos piscas, dos máximos, e do starter.
Achei bastante positivo a mota bloquear o volante sem a chave na ignição.
Finalmente não achei grande piada ao barulho do motor, especialmente quando o motor está frio. Depois o barulho até fica mais aceitável mas no inicio é mesmo feio.
Enfim, uma mota indiana bastante gira, penso que a manutenção (pelo que eu vi do preço das peças) é verdadeiramente irrisório, o consumo, tendo em conta o binário e o ritmo de rotações e o facto de ser mono cilíndrica, penso que será também bastante económica.
A partir daí terá a ver com o concessionário do sítio. Aqui em Setúbal, o Sr. Ernesto parece-me bastante disponível e focado no cliente. Se mantém a mesma postura depois de fazer a venda é que é a dúvida.

Offline pjmartinho

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jul 2015
  • Mensagens: 348
  • Localidade: Sesimbra
  • Sexo: Masculino
  • Bora nessa, ó Vanessa...
  • Marca: Honda
  • Modelo: Pan European
Re: Bajaj
« Responder #13 em: 06 de Julho de 2018, 21:48 »
... e não compreendo também porque raio é que os apoios dos pés do condutor são retráteis...

Safety feature... se curvares demasiado inclinado, e os pisa pés tocarem no chão, e não recolherem, vais tu recolher as tuas "peças" que ficam espalhadas pela estrada.
« Última modificação: 07 de Julho de 2018, 01:30 por pjmartinho »
Cronologia:
08/2015 - 09/2016: Kymco Downtown 125i - 3.995 kms - Média: 3,4L
09/2016 - 05/2017: YAMAHA T-Max 500 ABS - 4.276 Kms - Média: 5,3L
05/2017 - ??/????: Honda Pan European ST1100 - 60013 Kms - ????? Kms - Média: