Autor Tópico: scooter ou mota  (Lida 778 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
scooter ou mota
« em: 20 de Junho de 2018, 09:48 »
Boas.
Estou à procura de opiniões, se possível fundamentadas.
Tenho carta há pouco tempo, 44 anos e um nabo de primeira em cima da moto.
Um colega meu emprestou-me uma GTS 125i para ver se gostava e se avançava para a compra de uma mota para mim para fazer o percurso Setúbal-Lisboa, por auto-estrada, ou se decidia que isto das motos não eram para mim e desistia da aventura  scooter_.
Penso que não haveria melhor moto para ele me emprestar pois a mesma é tão confortável e suave que até eu comecei a achar que consigo andar de moto  _lol_
No entanto uma 125 é curta e como eu não queria puxar muito pelo bicho andava a 7500 rpm, que dava cerca de 90 / 95 km/h e a ultrapassagem de dois ou três camiões por viagem, não é nada simpático   _Zang_
Procuro, portanto, uma motinha pequena usada para me habituar a isto de andar de mota e depois, daqui a uns valentes anos, se não tiver nenhum acidente pelo caminho, logo pensarei em comprar uma moto a sério para os percursos.
Existem, neste momento, duas motinhas 250 usadas à venda, por um preço razoável que acho interessantes, ainda não tenho experimentado nenhuma, no entanto.
Uma é a honda cbf250 e a outra é a yamaha x-max 250, ambas de 2010, uma scooter, outra naked. A naked, como é evidente, teria que lhe comprar uma pára-brisas, porque isto andar a levar com o vento não é para mim.
Mas bom, estou a dispersar-me. Tendo em conta que o que eu estou à procurar é de uma moto de transição, a dúvida é:
Scooter porque é mais confortável e suave ou naked porque se não me habituo a meter mudanças nunca mais me sentirei preparado para dar o salto para uma moto maior?
E já agora, em termos de economia, fazem ideia de qual será a mais económica entre as duas que falei? É que eu com a sym gts 125 estava a fazer 2,6l/100

Offline fastnet

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2013
  • Mensagens: 2044
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: honda
  • Modelo: cbf 125
Re: scooter ou mota
« Responder #1 em: 20 de Junho de 2018, 10:14 »
As duas opções são diferentes, creio que daí a tua dúvida.
É difícil negar o lado prático da scooter com maior proteção e capacidade de baú, sendo "sem mudanças" também é de condução mais relaxada em especial na cidade.
Moto com mudanças não mete medo a ninguém e em auto-estrada recorres pouco à caixa.
Se é para teres conforto, andares todo o ano e andares com alguma "tralha" apostava mais numa scooter.

Desses dois modelos que indicas, a x-max 250 é bem mais evoluída de a cbf250, na travagem, eletrónica e  proteção aerodinâmica.
Um écran numa naked melhora um pouco a proteção ao nível do peito, mas fica vários furos abaixo da proteção duma scooter.

A economia não é apenas consumos de combustível… todo o veiculo necessita de manutenção.
Regra geral as scooters são mais onerosas nesse capitulo.

Como sempre, o melhor é ver e testar tudo para melhor decisão.
Existem outras opções 250-300cc que podes considerar.
Sym Symphony 125s, Honda S-Wing 125, Bmw f650 funduro, Honda cbf 125
Honda pcx, a sair da casca Spritmonitor.de" border="0
CB500s, a tímida

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: scooter ou mota
« Responder #2 em: 20 de Junho de 2018, 11:02 »
As duas opções são diferentes, creio que daí a tua dúvida.
É difícil negar o lado prático da scooter com maior proteção e capacidade de baú, sendo "sem mudanças" também é de condução mais relaxada em especial na cidade.
Moto com mudanças não mete medo a ninguém e em auto-estrada recorres pouco à caixa.
Se é para teres conforto, andares todo o ano e andares com alguma "tralha" apostava mais numa scooter.

Desses dois modelos que indicas, a x-max 250 é bem mais evoluída de a cbf250, na travagem, eletrónica e  proteção aerodinâmica.
Um écran numa naked melhora um pouco a proteção ao nível do peito, mas fica vários furos abaixo da proteção duma scooter.

A economia não é apenas consumos de combustível… todo o veiculo necessita de manutenção.
Regra geral as scooters são mais onerosas nesse capitulo.

Como sempre, o melhor é ver e testar tudo para melhor decisão.
Existem outras opções 250-300cc que podes considerar.

Obrigado. Quando as testar digo da minha justiça. E sim, existem outras opções mas ou são mais caras ou têm mais anos... para o que quero agora e para o que me sinto à vontade para fazer uma moto que aguente confortavelmente os 100/110 km/h é o que procuro!

Offline jose luis

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Abr 2016
  • Mensagens: 217
  • Localidade: queluz
  • Sexo: Masculino
  • Marca: yamaha
  • Modelo: 250 xmax
Re: scooter ou mota
« Responder #3 em: 20 de Junho de 2018, 16:51 »
penso que uma moto com mudanças da mesma cilindrada que uma scooter,  consome menos gasolina. Ouseja a moto com mudanças consegue fazer melhores consumos " jogando " com a caixa, que com uma scooter da mesma cilindrada.

Uma moto curva melhor que uma scooter com rodas mais pequenas.

A moto tornasse mais divertida a conduzir por ter que meter mudanças a scooter é so acelerar.

A scooter é mais confortável tanto em andamento como em condução.

Uma scooter muda correia cada 20.000 kms. os intervalo de troca de corrente de uma moto são superiores.

Offline moto2cool

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 2218
  • Localidade: Porto
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: SV 650 A
Re: scooter ou mota
« Responder #4 em: 20 de Junho de 2018, 22:25 »
As duas pelas razões que apontaste. :)
 A mota permite-te manter o contacto bom as mudanças, a scooter é mais confortável e fácil de conduzir.
Mas se tens carta provavelmente uma 500 estava melhor para ti. O preço não deve ser tão diferente assim e responde às tuas necessidades por mais tempo ( numa 250 rapidamente vais querer um desafio maior).
Nada como experimentar as duas :)
Spritmonitor.de" border="0 Suzuki SV650A "Back to Classics"
"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"

Offline rumaloro

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Jun 2018
  • Mensagens: 29
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Bajaj
  • Modelo: Dominar 400
Re: scooter ou mota
« Responder #5 em: 21 de Junho de 2018, 13:56 »
penso que uma moto com mudanças da mesma cilindrada que uma scooter,  consome menos gasolina. Ouseja a moto com mudanças consegue fazer melhores consumos " jogando " com a caixa, que com uma scooter da mesma cilindrada.

Uma moto curva melhor que uma scooter com rodas mais pequenas.

A moto tornasse mais divertida a conduzir por ter que meter mudanças a scooter é so acelerar.

A scooter é mais confortável tanto em andamento como em condução.

Uma scooter muda correia cada 20.000 kms. os intervalo de troca de corrente de uma moto são superiores.

Obrigado José pelas informações.
Reparei que tens uma xmax 250. Esse é exactamente um dos modelos que estou a ponderar comprar. Qual a tua opinião da mota? Tem-te dado problemas?
Obrigado

Offline jose luis

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Abr 2016
  • Mensagens: 217
  • Localidade: queluz
  • Sexo: Masculino
  • Marca: yamaha
  • Modelo: 250 xmax
Re: scooter ou mota
« Responder #6 em: 21 de Junho de 2018, 16:13 »
Obrigado José pelas informações.
Reparei que tens uma xmax 250. Esse é exactamente um dos modelos que estou a ponderar comprar. Qual a tua opinião da mota? Tem-te dado problemas?
Obrigado

Viva !! só posso falar bem da x-max 250 , ando com a minha todos os dias , faça chuva ou sol , nunca deu problemas , exceptuando material de desgaste , a minha já tem mais de 80.000 kms.
p.s. se tiveres interesse posso-te vender a minha

Offline Manhas

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Abr 2018
  • Mensagens: 3
  • Localidade: Lisboa
  • Marca: Piaggio
  • Modelo: X8 250
Re: scooter ou mota
« Responder #7 em: 24 de Junho de 2018, 21:13 »
Viva companheiro,

Na minha opinião, que tenho uma 250cc, uma montada destas é curta para 100 Km por dia de autoestrada. É claro que faz mas pouco passa dos 120 Km/h, vai sempre em altas rotações e vai (des)gastar mais. No caso da minha 250cc, se ando a 90 ou 100 km/h gastou 3,2 l/100 km mas se for dos 120 até ao corte gasto 4,2 l/100 km. Se queres saber mais sobre consumos, consulta os sites de registo de consumos que muitos companheiros têm nas assinaturas dos posts.

Tem muita atenção aos intervalos de revisão. Salvo erro, a XMax 250 faz mudanças de óleo de 3.000 em 3.000 Km. As SYM GTS, salvo erro, mudam de óleo a cada 4.000 km e correia a cada 12.000 km. Tens no mercado motos que mudam de óleo a cada 8.000, 10.000 e 12.000 km e correias a 20.000 ou 24.000 km. No teu caso, daria preferência a estas últimas. Tem atenção também ao preço das revisões que podem ter preços muito dispares. Se tiveres a capacidade para seres tu a fazer as revisões, poupas muito dinheiro.

Se a moto é para ser usada todo o ano e se não gostas de levar com o vento, não optes por uma naked. Se tens de levar carga (um portátil e/ou a marmita do almoço) e não queres ser "burro de carga" compra uma scooter porque vai tudo sob o banco e não sobre o teu lombo. Tem atenção que o vento não é apenas incomodativo para a cabeça e tronco; no inverno sofre-se muito de frio nas pernas, pelo que as naked e scooters mais ligeiras não dão boa proteção.


Por fim, temos vários companheiros que fazem ou fizeram esse trajeto diariamente que começaram numa 125cc mas deram o salto para 400cc, 600cc ou 750cc (reforço, uma 250cc é curta).


Espero ter ajudado.

Offline ruicosta

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jun 2017
  • Mensagens: 212
  • Localidade: Tomar
  • Sexo: Masculino
  • Procura-se kit de unhas...
  • Marca: Sym
  • Modelo: GTS 125 EVO
Re: scooter ou mota
« Responder #8 em: 25 de Junho de 2018, 08:48 »
Companheiro, apenas um pequeno aparte, se pretende transportar portátil, a não ser que ele seja pequeno, leve-o consigo em todos os test drive que fizer.
Eu ando com portátil todos os dias e posso-lhe dizer que o meu 15.6 não cabe na mala da minha Sym GTS 125 com nenhuma das mochilas que tenho. Só adquirindo uma mochila separada, muito justa, apenas para o portátil.
A largura da mala da Sym GTS 125, que até é boa, dá à justa para um portátil 15.6 com uma mochila sem bolsas laterais.

Alternativa, comprar uma top case, com medidas suficientes para colocar a mochila ou carregar a mochila às costas.
Caso opte pela top case, não se esqueça que portátil com disco mecânico na traseira da mota é uma má combinação.

Apenas para prevenir e não ser apanhado de surpresa.


Enviado do meu RAINBOW 4G através do Tapatalk