Autor Tópico: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc  (Lida 2545 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« em: 21 de Novembro de 2017, 11:12 »
Bom dia companheiros,

aproveito por ser "novato aqui no CPM para vos falar de uma situação que tenho agora em mãos com a minha "scooterzita".

A exposição que vos deixo em baixo descrita é apenas um esboço que tenho elaborado caso a situação, contida no mesmo, não se resolva com acordo entre ambas as partes.

A quem tiver oportunidade de lêr agradecia os vosso comentários e ajuda ou sugestões:

" Sou proprietário de uma SYM FIDDLE III 50cc de 2015, matricula 86-QL-44, adquirida no vosso representante HM MOTOS em Algés (PORTUGAL) a 13/10/2015 em que até à data de 12/11/2017 me encontrava satisfeito.
Mas como em tudo na vida, existem percalços, assim sendo venho por este meio expor o seguinte:
No dia 12 de Novembro de 2017 (Domingo) notei um certo “ruído” vindo possivelmente do motor, que achei invulgar, mas tendo o ciclomotor cerca de 17600 km achei que poderia ser algo a ver com roletes ou correia de transmissão tendo em conta que se aproximava a revisão dos 18000km.
Percorri cerca de 10 km, tendo sido o trajeto entre Linda-a-Velha e Paço de Arcos, quando notei que o ciclomotor começou a perder força.
Parei o ciclomotor de imediato.
Deixei arrefecer cerca de 10 minutos enquanto contactava a HM MOTOS (Sr. Sérgio Machado e Sr. Hugo Pinto). Expliquei a situação a solicitar se poderia deixar o mesmo nas instalações da HM MOTOS para que fosse analisado e feita a respectiva revisão do mesmo.
Foi-me dito que sim.
    Liguei novamente o ciclomotor, e dirigi-me à HM MOTOS em ALGÉS a circular devagar (média de 25Km/h), deixando o ciclomotor à porta da HM MOTOS e as chaves no correio tal como me foi pedido.
No dia 13 sou contactado pelo Sr. Ricardo (Dep. Comercial) que, infelizmente me disse que tinha “más notícias”. Pelo barulho do motor o mesmo teria de ser aberto pois teria uma avaria interna definida como “risco”, (entenda-se que sendo leigo na matéria, fiquei sem saber qual era o problema em concreto). Mesmo assim o Sr. Ricardo não me soube definir o problema concretamente, pois teria de ter a minha autorização para o fazer, visto não estar na garantia e ter passado um mês do final da mesma. Não autorizei a abertura do motor para poder tratar desta questão presencialmente e não via telefone.
Desloquei-me à HM MOTOS para falar sobre o assunto pessoalmente e vermos do que realmente se tratava. Antes, tratei de reunir todas as faturas e comprovativos de assistências e revisões pois o ciclomotor além de ter sido adquirido na HM MOTOS, todas as assistências e revisões foram feitas no mesmo concessionário (poderão confirmar as revisões no livro de revisões que, se necessário, anexarei).
Solicitei falar com o proprietário ou com a pessoa responsável pelos procedimentos em relação a Após vendas / Garantias, mas foi-me transmitido que ambos estavam de férias e que estariam de volta apenas uma semana depois, mais precisamente no dia 21/11/2017, passando assim uma semana após a entrega do ciclomotor na HM MOTOS e sem qualquer tipo de possibilidade de o procedimento ser analisado.
Presumo que num concessionário poderá sempre existir mais alguém que possa dar continuidade a este tipo de procedimento, mas pelos vistos não é o caso, ficando o ciclomotor nas oficinas da HM MOTOS a aguardar que os responsáveis regressassem de férias e darem continuidade ao processo.
   Visto o ciclomotor ter todas as revisões em dia, incluindo as inspeções quase diárias de óleo, travões, luzes, piscas, stop verificação de pressão de pneus e respectiva troca por pneus novos (PIRELLI EVO adquiridos e montados também na HM MOTOS), achei deveras estranho o motor ter uma avaria de tal maneira grave e que justificasse a abertura do motor para análise mais profunda.
   Mas como os conhecimentos que tenho de mecânica são muito reduzidos ou quase nulos, acredito no profissionalismo de toda a equipa composta pela HM MOTOS.
   Sempre fiz uma condução normal e dentro dos parâmetros que o ciclomotor abrange, tendo atenção aos pormenores tal como estado de acessórios visíveis e sua manutenção exterior.
   Deixo alguns apontamentos relativamente a intervenções feitas no ciclomotor durante os dois anos:
- Substituição de pneu frontal pois estava ovalizado de fábrica (troca abrangida por garantia)
- Substituição de pisca direito, (salvo erro) pois alguns leds não funcionavam ( troca abrangida por garantia).
- Substituição de cabo do velocímetro (foi considerado peça de desgaste). Foi substituído e paguei o mesmo e respectiva intervenção.
- Substituição do cabo de travão traseiro (foi considerado peça de desgaste). Foi substituído e paguei o mesmo e respectiva intervenção.
- Limpeza e afinação de injetores/carburador, visto existir uma obstrução por resíduos na gasolina (REPSOL EFITEC 98). Mais uma vez dirigi-me à HM MOTOS para verem a situação e a intervenção foi feita. Esta intervenção também me foi cobrada.
- Após a revisão do 6000 km e circular durante uns dias, a correia de transmissão partiu, tendo deixado o ciclomotor imobilizado e a necessitar de reboque. Pergunto: será normal uma correia da marca partir depois de uma revisão? Calculo que não.
 Prontifiquei-me a chamar um reboque, informar a HM MOTOS do sucedido e a troca da correia de transmissão foi efetuada, tendo sido informado que a mesma tinha sido analisada na revisão e que estaria em boas condições.
   Solicitei a troca da correia danificada, pagando o valor da correia, não tendo sido cobrada a mão-de-obra, por gentileza do Sr. Hugo Pinto da HM MOTOS.
O ciclomotor sempre circulou por estradas adequadas e sem esforço de maior pois 50cc serão sempre 50cc.
Seguiu-se a revisão dos 12000km e tudo correu lindamente, até este momento que considero inaceitável.
O que pretendo com esta comunicação é demonstrar o meu desagrado em relação ao sucedido pois ao final de 2 anos e um mês, não é suposto o ciclomotor ter uma avaria grave e deste género, tendo em conta que todas as revisões foram feitas a tempo e dentro dos limites estabelecidos e sem relatórios de ruídos ou anomalias de motor (nem relatadas pelas HM MOTOS nem por mim comunicadas).
   Compreendo perfeitamente que a garantia terminou no dia 13/10/2017, e precisamente um mês depois deparo-me com esta situação muito complicada.

Aguardo desta forma os vossos comentários.

Abraço e boas curvas

Offline fastnet

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Ago 2013
  • Mensagens: 1955
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: honda
  • Modelo: cbf 125
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #1 em: 21 de Novembro de 2017, 11:37 »
Companheiro,
não vou tecer comentários à oficina.

Sendo certo que azares todos temos, as máquinas também, dado o historial que tens com a fiddle tentava em primeiro lugar junto do oficina onde tens feito todas as revisões obter esclarecimentos mais concretos. Afinal é já hoje dia 21 que voltam de férias.
Tens ainda a possibilidade de contatares a Sym, caso as explicações obtidas não te parecem muito corretas.
Certo é que a garantia acabou e agora será uma questão comercial e de vontade.
Sym Symphony 125s, Honda S-Wing 125, Bmw f650 funduro, Honda cbf 125
Honda pcx, a sair da casca Spritmonitor.de" border="0
CB500s, a tímida

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #2 em: 21 de Novembro de 2017, 11:50 »
Companheiro,
não vou tecer comentários à oficina.

Sendo certo que azares todos temos, as máquinas também, dado o historial que tens com a fiddle tentava em primeiro lugar junto do oficina onde tens feito todas as revisões obter esclarecimentos mais concretos. Afinal é já hoje dia 21 que voltam de férias.
Tens ainda a possibilidade de contatares a Sym, caso as explicações obtidas não te parecem muito corretas.
Certo é que a garantia acabou e agora será uma questão comercial e de vontade.

Obrigado pela tua contribuição nesta minha exposição. Em relação á oficina e atendimento até a data não tenho nada a apontar. Disponibilizaram-se para falar com a marca e vêr o que se pode fazer. Vou ficar a aguardar pelo "veredicto", mas que uma motita que sempre fez as revisões a tempos e horas, dum momento para o outro "morrer" em 2 anos é deveras estranho. :(

Online Rufido

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 977
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • Respeito, muito respeito pelos outros e pela máqª
  • Marca: Gilera
  • Modelo: Nexus 500
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #3 em: 21 de Novembro de 2017, 12:01 »
...
- Após a revisão do 6000 km e circular durante uns dias, a correia de transmissão partiu, tendo deixado o ciclomotor imobilizado e a necessitar de reboque. Pergunto: será normal uma correia da marca partir depois de uma revisão? Calculo que não.
 Prontifiquei-me a chamar um reboque, informar a HM MOTOS do sucedido e a troca da correia de transmissão foi efetuada, tendo sido informado que a mesma tinha sido analisada na revisão e que estaria em boas condições.
   Solicitei a troca da correia danificada, pagando o valor da correia, não tendo sido cobrada a mão-de-obra, por gentileza do Sr. Hugo Pinto da HM MOTOS.
O ciclomotor sempre circulou por estradas adequadas e sem esforço de maior pois 50cc serão sempre 50cc.
...

Viva companheiro
tal como o companheiro fastnet referiu
Sendo certo que azares todos temos, as máquinas também,
...
acho que a questão relativa à correia, está um bocado afastada da realidade.
Embora nunca saibamos quanto tempo ao certo irá durar, seja que equipamento for, penso que (tal como aconteceu com a oficina enquanto durou a garantia) o material em stock também pode ser reclamado ao fornecedor por parte das oficinas, sendo portanto indevido o teu pagamento.
É a minha opinião.
Rui

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #4 em: 21 de Novembro de 2017, 12:09 »
Viva companheiro
tal como o companheiro fastnet referiu ...
acho que a questão relativa à correia, está um bocado afastada da realidade.
Embora nunca saibamos quanto tempo ao certo irá durar, seja que equipamento for, penso que (tal como aconteceu com a oficina enquanto durou a garantia) o material em stock também pode ser reclamado ao fornecedor por parte das oficinas, sendo portanto indevido o teu pagamento.
É a minha opinião.
Companheiro Rui,

partilho da mesma opinião, mas foi-me dito que era peça de desgaste. Tudo bem. O que me preocupa mesmo é um motor com cerca de 18000km morrer tendo feito as revisões a tempo e sempre sem ruídos "estarnhos" ao correcto funcionamento.

Abraço e boas curvas

Online Rufido

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 977
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • Respeito, muito respeito pelos outros e pela máqª
  • Marca: Gilera
  • Modelo: Nexus 500
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #5 em: 21 de Novembro de 2017, 12:20 »
Companheiro Rui,

partilho da mesma opinião, mas foi-me dito que era peça de desgaste. Tudo bem. O que me preocupa mesmo é um motor com cerca de 18000km morrer tendo feito as revisões a tempo e sempre sem ruídos "estarnhos" ao correcto funcionamento.

compreendo esta tua questão, mas não sabendo ao certo o que origina esse ruído, pouco te conseguirei falar. No entanto eu entendo como "revisão" a observação atempada do desgaste sofrido num determinado espaço de tempo, ou seja, entendo que um "mecânico" terá sinais, mais ou menos comuns, que lhe indicam a necessidade de ver o desgaste de determinado equipamento, digo eu...
« Última modificação: 21 de Novembro de 2017, 12:22 por Rufido »
Rui

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #6 em: 21 de Novembro de 2017, 12:24 »
compreendo esta tua questão, mas não sabendo ao certo o que origina esse ruído, pouco te conseguirei falar. No entanto eu entendo como "revisão" a observação atempada do desgaste sofrido num determinado espaço de tempo, ou seja, entendo que um "mecânico" terá sinais, mais ou menos comuns, que lhe indicam a necessidade de ver o desgaste de determinado equipamento, digo eu...

Pois eu também penso assim.Não tendo conhecimentos de mecanica deixo isso ao critério dos "profissionais" limitando-me a cumprir os timings de revisões e análise de níveis de óleo, etc. Vou aguardar pelas respostas e manterei actualizado este post.

Obrigado

Online NSilva

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 1162
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS 300i EVO
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #7 em: 21 de Novembro de 2017, 12:29 »
Olá Alan Piere,

A correia, ao ser verificada, caso esteja em mau estado apresenta sempre gretas na borracha.

(Nota: Esta é uma 125cc, mas é para ter uma visão geral da correia e de como pode ser vista sem ser retirada).

Agora, para abrirem o motor devem ter uma razão específica para tal ou pelo menos um palpite  _pensador_ Não conseguem informá-lo sobre isso ?  _pensador_ _pensador_
Enfim.

Espero que consigas resolver a situação pelo melhor no entanto, sendo hoje dia 21 deves ir ao stand para resolver a situação.
Em último caso podes sempre contactar diretamente a SYM.

Abraço

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #8 em: 21 de Novembro de 2017, 12:40 »
Olá Alan Piere,

A correia, ao ser verificada, caso esteja em mau estado apresenta sempre gretas na borracha.

(Nota: Esta é uma 125cc, mas é para ter uma visão geral da correia e de como pode ser vista sem ser retirada).

Agora, para abrirem o motor devem ter uma razão específica para tal ou pelo menos um palpite  _pensador_ Não conseguem informá-lo sobre isso ?  _pensador_ _pensador_
Enfim.


Espero que consigas resolver a situação pelo melhor no entanto, sendo hoje dia 21 deves ir ao stand para resolver a situação.
Em último caso podes sempre contactar diretamente a SYM.

Abraço
Ola NSilva,

obrigado pelo teu comentário. Já contactei o Stand e disseram-me que irão dar continuidade e exposição á SYM do sucedido. Vamos aguardar pela resposta e depois agirei em conformidade. Além de a garantia da mota ter acabado á cerca de um mês acho pouco razoável o motor ter um "risco" de modo a que a mota esteja no estado em que está . PARADA! :(

Online Rufido

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 977
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • Respeito, muito respeito pelos outros e pela máqª
  • Marca: Gilera
  • Modelo: Nexus 500
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #9 em: 21 de Novembro de 2017, 12:46 »
Espero que tudo se resolva a teu favor.
vai dando notícias.
 _convivio_
Rui

Online NSilva

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 1162
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS 300i EVO
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #10 em: 21 de Novembro de 2017, 13:12 »
Se eles vão dar conhecimento à SYM como Oficina, que tal fazeres o mesmo ? Talvez traga mais resultados  _pol_

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #11 em: 21 de Novembro de 2017, 14:06 »
Se eles vão dar conhecimento à SYM como Oficina, que tal fazeres o mesmo ? Talvez traga mais resultados  _pol_

Exact. mas apenas depois de a oficina se pronunciar, pois eles mesmo iam falar com a SYM. Só não sei em que tramites. Após a resposta logo darei seguimento á reclamação ou não.

Já agora ninguém conhece alguem na SYM MOTEO que possa dar um " empurrãozinho" caso a a situação se "complique"?

Obrigado a todos
« Última modificação: 21 de Novembro de 2017, 14:08 por Alain Pierre »

Online Rufido

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 977
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • Respeito, muito respeito pelos outros e pela máqª
  • Marca: Gilera
  • Modelo: Nexus 500
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #12 em: 21 de Novembro de 2017, 14:40 »
uma coisa que te aconselho é a não demorares nas tuas "pesquisas", é que quando o stand te der alguma resposta é para receber logo a tua decisão, a partir daí se ficarem mais algum tempo à espera sem mexer na mota, começam a cobrar-te parqueamento
« Última modificação: 21 de Novembro de 2017, 14:40 por Rufido »
Rui

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #13 em: 21 de Novembro de 2017, 14:49 »
uma coisa que te aconselho é a não demorares nas tuas "pesquisas", é que quando o stand te der alguma resposta é para receber logo a tua decisão, a partir daí se ficarem mais algum tempo à espera sem mexer na mota, começam a cobrar-te parqueamento

Rui a mota ja la esta Á uma semana dado o facto dos responsáveis por contactar a SYM estarem de férias. Aí a culpa não é minha. Apenas estou a aguardar que eles tratem do assunto e uma resposta. Se não concordar com o que me for apresentado recorrerei imediatamente á marca para apurar mais pormenores.

Obrigado pela tua sugestão.

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #14 em: 23 de Novembro de 2017, 11:02 »
Bom dia companheiros,

apenas para fazer uma actualização a este tópico:

o concessionário HM MOTOS já expôs o assunto á Moteo com um e-mail onde tudo estava definido como a scooter sempre fez as revisões/manutenções atempadamente e estão aguardar uma resposta.

Quando tiver mais novidades, actualizarei este tópico.

Obrigado e boas curvas :)

Online Americano

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jan 2015
  • Mensagens: 1336
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • CPM : 7337
  • Marca: Kymco
  • Modelo: Downtown 125
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #15 em: 23 de Novembro de 2017, 11:22 »
Pode ser boas noticias para ti, esperamos pela resposta.

Não conheço ninguem que tenha um contacto dentro da MOTEO.

Boa sorte Alain  _pol_
Não sejas negativo....pensa positivo.
Artur Santos

Offline JViegas

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 1685
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 300 ABS
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #16 em: 23 de Novembro de 2017, 11:52 »
Mas qual é a avaria?
Qual o problema? Já te informaram?
Precisam de abrir o motor certo. Mas do que é que desconfiam?

Se já informaram a SYM o que lhes disseram? Que problema identificaram ou suspeitam?
Reclamaram com a SYM ou reencaminharam o teu email?

Aguardam uma resposta da SYM? Para quê?
Autorização de reparação?
Se sim. É um problema conhecido.

Então... qual é o problema?




Online NSilva

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 1162
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS 300i EVO
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #17 em: 23 de Novembro de 2017, 12:37 »
Exato! O que me questiono cada vez que venho a este tópico é o seguinte: Qual é a razão que os leva a abrir o motor  _pensador_ _pensador_ _pensador_

Na oficina onde vou, sou sempre esclarecido e se for preciso até guardam as peças com desgaste para mostrar que realmente necessitavam de ser substituidas.
Quanto ao e-mail para a moteo.... Já se sabe.... Grandes tempos de espera, especilamente nestes assuntos de reparações "fora da garantia".

Boa sorte companheiro.

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #18 em: 27 de Novembro de 2017, 18:28 »
Caros companheiros,

venho por este meio comunicar que a situação será resolvida e abrangida pela garantia, tanto peças como mão de obra.

O problema passou pela embraiagem de motor de arranque que "agarrou".

Serão mais 15 dias sem mota ( a aguardar peças) mas ao menos sobram-me uns trocos para as prendas de Natal.

Um bem haja a todos.

Alain

Offline fastnet

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Ago 2013
  • Mensagens: 1955
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: honda
  • Modelo: cbf 125
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #19 em: 28 de Novembro de 2017, 09:58 »
Caros companheiros,

venho por este meio comunicar que a situação será resolvida e abrangida pela garantia, tanto peças como mão de obra.

O problema passou pela embraiagem de motor de arranque que "agarrou".

Serão mais 15 dias sem mota ( a aguardar peças) mas ao menos sobram-me uns trocos para as prendas de Natal.

Um bem haja a todos.

Alain

São muito boas noticias que trazes  _pol_
Agora é esperar que estes dias passem depressa.
Sym Symphony 125s, Honda S-Wing 125, Bmw f650 funduro, Honda cbf 125
Honda pcx, a sair da casca Spritmonitor.de" border="0
CB500s, a tímida

Online Americano

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jan 2015
  • Mensagens: 1336
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • CPM : 7337
  • Marca: Kymco
  • Modelo: Downtown 125
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #20 em: 28 de Novembro de 2017, 10:30 »
No meu post anterior eu tinha dito "Pode ser boas noticias para ti, esperamos pela resposta."

Assim aconteceu. Ainda bem que foi a teu favor e ficas-te com uns trocos  _lool_

Feliz Natal e boas curvas em breve.  _pol_
Não sejas negativo....pensa positivo.
Artur Santos

Offline davidsantos

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Set 2016
  • Mensagens: 551
  • Localidade: sintra
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS EVO SE
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #21 em: 28 de Novembro de 2017, 13:49 »
Ainda bem companheiro , Sym não avaria tem apenas pontualmente algumas peripecias tecnicas ,kkkk , fora de brincadeiras costumam ser boas maquinas mas como maquinas que são estão sujeitas a acontecimentos desta natureza.

Online Rufido

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 977
  • Localidade: Oeiras
  • Sexo: Masculino
  • Respeito, muito respeito pelos outros e pela máqª
  • Marca: Gilera
  • Modelo: Nexus 500
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #22 em: 28 de Novembro de 2017, 15:22 »
 _pol_
Rui

Offline Alain Pierre

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Nov 2017
  • Mensagens: 14
  • Localidade: Linda-a-Velha
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: FIDDLE III
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #23 em: 28 de Novembro de 2017, 16:20 »
Obrigado a todos pelo vosso acompanhamento.

Boas curvas e um Feliz Natal a todos.

 scooter_ scooter_ scooter_

Online NSilva

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 1162
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS 300i EVO
Re: Peripécias de uma SYM FIDDLE III 50cc
« Responder #24 em: 28 de Novembro de 2017, 18:22 »
Fico muito feliz por ter a situação resolvida!  scooter_
Estava a espera de um grande e prolongado tempo de espera, no que diz respeito à resposta do email enviado pela HMMotos. Felizmente a moteo foi bastante eficiente  _pol_
feliz natal companheiro