Autor Tópico: Kymco AK 550  (Lida 2685 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 331
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Kymco AK 550
« Responder #25 em: 12 de Abril de 2017, 18:27 »
"Na Alemanha esta AK550 deverá ser comercializada por volta dos 9.400 €. Uma tarifa avantajada face à TMAX 530 (10.999 €, 11.499 € para a versão Iron MaX) e à BMW C650 Sport (11.350€, 12.300€, equipamanto High Line)"

Aqui, com vídeo a acompanhar:
http://www.scooter-station.com/Kymco-AK-550-2017-Prix-dispo-et-video.html

Mais aqui:
https://www.youtube.com/watch?v=OJ9n2kPCukI

Se a marca pusesse o preço mais baixo, seria de fugir, "produto da loja do chinês".
Uma vez que a marca já não vai tendo de provar a ninguém que sabe fazer "scooters", "Não tem estatuto", leia-se emblema.

Daqui a um ano e uns tantos modelos na estrada saber-se-á quanto valeu o atrevimento da Kymco.
E, quem sabe!, talvez um dia chegue ao mercado nacional... a vantagem é que já virá mais que testada...

A comparação com a TMax... compará-la com a Honda ADV é que não seria possível... insisto, igual conceito, é inevitável que se chegue às mesmas conclusões... Exemplo: MaxSym 400 versus Suzuki Burgman 400. Iguais? "Cópia da Sym"? Só se for para quem nunca andou nas duas ou é mais desatento (atenção que não fiz nenhuma apreciação em relação à "qualidade", a Sym tem qualidades que a Burgman não tem e vice versa, o logótipo não é uma delase é o que menos interessa).
Conceito igual, a escolha é ao sabor do gosto de cada um (a gente sabe que não é apenas o "gosto" mas vamos fingir que sim).
Todavia, não passa de uma opinião: Hoje, conhecendo-se o valor da Sym 400, a Burgman 400 justificará os mais 2500 euros (em 7500) de diferença em relação à máquina da Sym?
Sim, se quem fizer essa opção gostar mesmo muito do símbolo da Suzuki.

Quanto à AK500, se pretendiam fazer uma cópia da TMax, conseguiram fazer melhor que o original (esta é apenas uma apreciação estética e perfeitamente subjectiva), agora é esperar pelo resto - consta que Kymco em Portugal é só para quem tem muuuuita paciência.
Esta confesso que tenho curiosidade de saber quanto vale.
Quem sabe, uma candidata ao lugar de "last one".
« Última modificação: 14 de Abril de 2017, 02:36 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 331
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Kymco AK 550
« Responder #26 em: 14 de Abril de 2017, 02:29 »
Aqui um teste da "MotorLive", em francês (estão disponíveis legendas no mesmo idioma):

https://www.youtube.com/watch?v=ahoU5Sq6Bwg

Para além de outros pormenores, verifica-se que a Kymco cumpriu com aquilo que chamou de "Altura contida do assento": a testadora refere que mede 1,60 m e chega bem ao chão.
Altura do banco é de 785 mm (em termos de comparação, menos 5 mm que a Honda Integra): Não sei qual é a da TMax, experimentei um modelo anterior e pareceu-me bem mais alta (talvez a largura do assento ajudasse a esta impressão).
Reparei que os pneus são Metzeler (não conheço quanto valem) e se percebi bem a scooter tem um modo de condução "Chuva". O "párabrisas" não é regulável.

Pelo que me vou apercebendo, a marca pretendeu ir além da vocação "desportiva"... isto é, andam quase todos a compará-la com a TMax e estão a esquecer-se de outros mercados onde pode fazer mossa: o da eterna Burgman 650 por exemplo. Da BMW, talvez, mas aqui a opção é por norma mais emblemática.
Venham mais testes.
« Última modificação: 14 de Abril de 2017, 02:33 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2010
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Kymco AK 550
« Responder #27 em: 14 de Abril de 2017, 13:23 »

Offline Paulo Jorge Lopes

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Nov 2011
  • Mensagens: 1160
  • Localidade: Porto Alto / Samora Correia - Margem Sul CPM nº 482 (2703)
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: Maxsym 400i - Preta
Re: Kymco AK 550
« Responder #28 em: 14 de Abril de 2017, 19:10 »
 _convivio_ Olá boas

Um espanto até eu que gosto de manter as motas de origem

fiquei rendido aquele som parecem notas de musica a sair do motor
abraços
Paulo J. Lopes

SYM gts 300i evo se cbs -   0Kms 16 Set. 2011 e 22.850Kms 17 Mai. 2013
SYM Maxsym 400i -  6.190kms 17 Mai. 2013 até ? ?

Offline pjmartinho

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jul 2015
  • Mensagens: 299
  • Localidade: Sesimbra
  • Sexo: Masculino
  • Bora nessa, ó Vanessa...
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T-Max 500
Re: Kymco AK 550
« Responder #29 em: 14 de Abril de 2017, 19:35 »
E parece que acelera rapidinho https://www.youtube.com/watch?v=nqLa6eiBhDo
Cronologia:
08/2015 - 09/2016: Kymco Downtown 125i - 3.995 kms - Média: 3,4L
09/2016 - 05/2017: YAMAHA T-Max 500 ABS - 4.276 Kms - Média: 5,3L
05/2017 - ??/????: Honda Pan European ST1100 - 60013 Kms - ????? Kms - Média:

Offline Scooterado

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2010
  • Mensagens: 1974
  • Localidade: Barlavento-Algarve
  • Sexo: Masculino
  • Darwin e a evolução das espécies: T500 ---» T530
  • Marca: YAMAHA
  • Modelo: TMAX 530 ABS
Re: Kymco AK 550
« Responder #30 em: 15 de Abril de 2017, 03:07 »
Aqui um teste da "MotorLive", em francês (estão disponíveis legendas no mesmo idioma):

https://www.youtube.com/watch?v=ahoU5Sq6Bwg

Para além de outros pormenores, verifica-se que a Kymco cumpriu com aquilo que chamou de "Altura contida do assento": a testadora refere que mede 1,60 m e chega bem ao chão.
Altura do banco é de 785 mm (em termos de comparação, menos 5 mm que a Honda Integra): Não sei qual é a da TMax, experimentei um modelo anterior e pareceu-me bem mais alta (talvez a largura do assento ajudasse a esta impressão).
Reparei que os pneus são Metzeler (não conheço quanto valem) e se percebi bem a scooter tem um modo de condução "Chuva". O "párabrisas" não é regulável.

Pelo que me vou apercebendo, a marca pretendeu ir além da vocação "desportiva"... isto é, andam quase todos a compará-la com a TMax e estão a esquecer-se de outros mercados onde pode fazer mossa: o da eterna Burgman 650 por exemplo. Da BMW, talvez, mas aqui a opção é por norma mais emblemática.
Venham mais testes.

....Na Tmax a altura do assento é 80 cm e eu que só tenho 1,70 não tenho problema com isso, pois coloco 1 dos pés no patim de um dos lados
da menina e o outro facilmente assenta no chão, para colocar simultaneamente os 2 pés no chão teria de ter pelo menos 1,80m se calhar ainda vou tomar umas vitaminas a ver se cresço + 1 bocado,hehe...
1 abraço
Scooterado  scooter_ _slb_
XMAX 125 de 30/11/2010 até 9/1/2013
Tmax 500 abs "Blackmax" 2009
com 23.000 Kms.-1ªmédia 4,82.última média 4,36 e deixei-a ir com 87778 km e com muito bom aspeto.
desde 9/12/2015 comprei 1  Tmax 530  preta   com 22.242 km.1ªmédia consumo 4,37/4,67 bem fixe!!

Offline marb

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1119
  • Localidade: Santarém
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: CB500X
Re: Kymco AK 550
« Responder #31 em: 15 de Abril de 2017, 11:20 »
De facto o preço é um pouco elevado mas como li aqui, se fosse mais barato seria rotulada de "produto" chinês e para além se este modelo tem qualidade (que aparenta pelas fotos) tem de faze-la corresponder no preço. É um pouco como os carros Peugeot, hoje em dia estão mais caros para comprovar a sua qualidade!

Não me parece que vá concorrer com a T-Max mas antes com a Burgman e a MaxSym. Mais uma para o leque de opções deste segmento!
10/2011-Honda Vision 110 (3600 km), 04/2012-Yamaha XMax 125A (8700 km), 07/2013-Yamaha XMax 250A (10000 km), 07/2014 Honda NC750D (18700 km),03/2016-Honda PCX 125 (8000 km), 04/2017-Honda CB500X (7330 km)

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 331
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Kymco AK 550
« Responder #32 em: 15 de Abril de 2017, 19:43 »
....Na Tmax a altura do assento é 80 cm e eu que só tenho 1,70 não tenho problema com isso, pois coloco 1 dos pés no patim de um dos lados
da menina e o outro facilmente assenta no chão, para colocar simultaneamente os 2 pés no chão teria de ter pelo menos 1,80m se calhar ainda vou tomar umas vitaminas a ver se cresço + 1 bocado,hehe...
1 abraço
Scooterado  scooter_ _slb_

Scooterado, podes não dar valor à altura do banco mas há quem dê: escrevi noutro lado que quando andei a escolher uma scooter nem me dei ao trabalho de experimentar alguns modelos por causa da altura do assento.

"Não há crise...", dirão alguns.
Não há crise quando se é novo e se tem a agilidade para vencer um imponderável de equilibrar a mota quando a biqueira da bota escorrega... eu conheço um que ficou debaixo de uma, e não era nenhum daqueles que chegou às motas com a lei das 125. Aconteceu, faltou-lhe a força que já teve. E bem podia ter tomado "vitaminas", ou até um daqueles milagrosos produtos "melga"  da TV para os mais velhos: Não há volta a dar à PDI.
Por alguma razão os motociclistas mais velhos, muitos com anos de prática em motas mais altas e performativas, escolhem coisas mais baixas e tranquilas. Alguns decidem-se pela suprema "vergonha" de uma scooter, aliás, foram eles que desbravaram o mercado das Burgman e das SWT antes da chegada da vaga vinda das "125". A malta, com a idade, vai percebendo que já não tem de mostrar nem de provar nada a ninguém O gosto de andar de mota mantém-se, e se o corpo não se adapta adapta-se a máquina.

Quem diz malta mais velha, diz pessoas mais baixas ou de constituição física menos exuberante.
O meu conselho a quem quer que chegue às motas é: "Senta-te, sente-a, mexe-a de um lado para o outro, vê se consegues equilibrar como se fizesse parte de ti; não consegues, sentes que não é da tua medida, faz como se fosse um par de sapatos largo ou apertado, escolhe outra; e não te preocupes, quem gosta de motas não as encara como manifestação ou afirmação do que que que seja. Nunca te sintas inferior com a escolha de uma máquina mais modesta para andares todos os dias, a maioria dos 'motões' que olham para ti de soslaio só trabalham ao fim-de-semana, e se houver sol."

Falei da relação peso/altura, logo eu que ando com uma máquina que pesará tanto ou mais que a maioria das motas, 220 quilos. Só que tem 710 mm de altura de assento. É verdade que a largura do banco "aumenta" essa altura para quem é menos alto, mas a forma como este está construído (mais estreito à frente), mais as cavas laterais na carenagem, facilita em muito a rapidez de acesso ao solo e até ajuda a perdoar algumas distracções. Segui um conselho que me deram... o mesmo do parágrafo anterior.

Regressando ao  tópico.
Foi por ter achado interessante que a Kymco tivesse feito questão de referir a "altura contida do assento" como vantagem comercial que enumerei esse item.
Algo que eu não deixarei de tentar comprovar, quanto mais não seja por curiosidade... até porque o peso que é anunciado é em tudo idêntico ao que conheço da Burgman 400.

A altura do assento, quem vir os outros vídeos de teste daquela revista francesa reparará que eles fazem-lhe sempre referência.
Há outras que também o fazem, ainda bem que não apenas o costumeiro "As mãos assentam bem no guiador, blá, blá e agora oiçam este ronco...".
Agora dê-se uma vista de olhos pelos sites das marcas e vejamos quantas desvendam desde logo esse pormenor. Pois...

Pode não ser um factor importante para muita gente, talvez para a maioria, mas ridicularizar essa preocupação...
Entre outras coisas, isso explica por que a maioria dos edifícios não tem rampas para quem não consegue subir escadas.

Já agora, um texto bem informado e humorado sobre o assunto de um dos pioneiros das revistas de motociclismo em Espanha (em castelhano):
http://www.alguersuari.com/2017/03/carta-xavi-las-motos-altas-y-los.html


« Última modificação: 15 de Abril de 2017, 19:44 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline mpaneves

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 2077
  • Localidade: sintra-cascais
  • Sexo: Masculino
  • Mebro nº 5131
Re: Kymco AK 550
« Responder #33 em: 15 de Abril de 2017, 20:54 »
Não posso gastar mais dinheiro em motas😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭
casal k 50--sis saschs 50--yamaha target 50--yamaha aerox 50--yamaha neos50--yamaha aerox 50--yamaha bws 125--yamaha xcity125--honda cbf 125--kymco kxct125
kymco xciting400
Membro:5131
Marco Neves

Offline tparracho

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 966
  • Localidade: Colares
  • Sexo: Masculino
  • Todos os dias é um prazer andar de mota!
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750X
Re: Kymco AK 550
« Responder #34 em: 03 de Julho de 2017, 17:31 »
Nuestros Hermanos já lhes deitaram as mãos e "deitaram-nas" nas curvas do circuito de Ascari, escolhido pela Kymco espanha para fazer a apresentação deste novo modelo.

Aqui fica um vídeo de um jornalista que a testou, e que aparentemente ficou agradado:
https://www.youtube.com/watch?v=A_iIEpSSlXs&t=19s

Kymco Downtown 125i   05/2012 -> 08/2014 - Aprox. 45000 km - Consumo médio 2,7l/100Km
Honda NC750X   08/2014 ->...

Offline JPA

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jul 2010
  • Mensagens: 652
  • Localidade: Figueira da Foz
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: V-Strom 1000
Re: Kymco AK 550
« Responder #35 em: 03 de Julho de 2017, 18:00 »
Nuestros Hermanos já lhes deitaram as mãos e "deitaram-nas" nas curvas do circuito de Ascari, escolhido pela Kymco espanha para fazer a apresentação deste novo modelo.

Aqui fica um vídeo de um jornalista que a testou, e que aparentemente ficou agradado:
https://www.youtube.com/watch?v=A_iIEpSSlXs&t=19s

Não puxaram muito pela maxi... mas mesmo assim vale o que vale pois é em circuito e não em cidade.

Claramente que esta maxi é feita para combater a T-MAX pois  as semelhanças são evidentes, e num mercado espanhol totalmente KYMCO este modelo aparece no momento certo em que a T-MAX é renovada em 2017.

Kymco Downtown 125i
Suzuki V-Strom 1000

Offline PSH72

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jan 2017
  • Mensagens: 581
  • Localidade: Odivelas
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: 125i GTS ABS Start/Stop
Re: Kymco AK 550
« Responder #36 em: 03 de Julho de 2017, 18:09 »
Não puxaram muito pela maxi... mas mesmo assim vale o que vale pois é em circuito e não em cidade.

Claramente que esta maxi é feita para combater a T-MAX pois  as semelhanças são evidentes, e num mercado espanhol totalmente KYMCO este modelo aparece no momento certo em que a T-MAX é renovada em 2017.

A Kymo pelo menos neste video puxa bem, agora se vem assim de origem não sei

https://www.youtube.com/watch?v=fpKs3QwAWsM

Offline JPA

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jul 2010
  • Mensagens: 652
  • Localidade: Figueira da Foz
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: V-Strom 1000
Re: Kymco AK 550
« Responder #37 em: 03 de Julho de 2017, 19:48 »
Neste vídeo numa Autobahan, passou os 190 Km/h marcados no conta KM  e em plano.

https://www.youtube.com/watch?v=Cb--C5k5YPU

Muito bom...  _pol_ _pol_
Kymco Downtown 125i
Suzuki V-Strom 1000

Offline pjmartinho

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jul 2015
  • Mensagens: 299
  • Localidade: Sesimbra
  • Sexo: Masculino
  • Bora nessa, ó Vanessa...
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T-Max 500
Re: Kymco AK 550
« Responder #38 em: 03 de Julho de 2017, 22:37 »
Neste vídeo numa Autobahan, passou os 190 Km/h marcados no conta KM  e em plano.

https://www.youtube.com/watch?v=Cb--C5k5YPU

Muito bom...  _pol_ _pol_

Sobretudo porque a mota só tinha menos de 110Kms feitos, ou seja, ainda em inicio de rodagem.
Cronologia:
08/2015 - 09/2016: Kymco Downtown 125i - 3.995 kms - Média: 3,4L
09/2016 - 05/2017: YAMAHA T-Max 500 ABS - 4.276 Kms - Média: 5,3L
05/2017 - ??/????: Honda Pan European ST1100 - 60013 Kms - ????? Kms - Média:

Offline tparracho

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 966
  • Localidade: Colares
  • Sexo: Masculino
  • Todos os dias é um prazer andar de mota!
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750X
Re: Kymco AK 550
« Responder #39 em: 04 de Julho de 2017, 16:09 »
Por acaso até acho que o facto de terem decidido fazer a apresentação da maxi num circuito permite aferir algumas coisas que de outra forma poderia ser mais difícil, como por exemplo:

- estabilidade da maxi a alta velocidade
- comportamento em curva apertada
- comportamento em curva com velocidade
- aceleração
- travagem forte
- entrada em curva
- agilidade entre curvas

No video que postei, o jornalista começa a um ritmo pouco puxado, mas a partir de meio do video pode-se ver que já imprimia ritmos bem mais vivos e que a Ak se comportava bastante bem. penso que a velocidade máxima atingida por este no circuito rondou os 160 ou 170.

claro que seria mais interessante se estivéssemos a ver um comparativo entre a Ak, Tmax e a BMW C650. Eu pelo menos ia gostar muito de ver um.

também deu para ver que o espelho esquerdo cedeu. Nos comentários pude perceber que estava mal apertado e que quando o jornalista parou, eles apertaram o espelho corretamente.

Kymco Downtown 125i   05/2012 -> 08/2014 - Aprox. 45000 km - Consumo médio 2,7l/100Km
Honda NC750X   08/2014 ->...

Offline Filipe Pombo

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1802
  • Localidade: Albarraque-Sintra
  • Sexo: Masculino
  • Não conduzas + rápido que o teu anjo da guarda voa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 400 ABS
Re: Kymco AK 550
« Responder #40 em: 04 de Julho de 2017, 20:45 »
já devem ter visto este:

https://youtu.be/Ww23XogRMXo
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.

Offline Tormentinha

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2009
  • Mensagens: 137
  • Localidade: Almada
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Silver Wing 400
Re: Kymco AK 550
« Responder #41 em: 05 de Julho de 2017, 22:45 »
Aqui um video com a Tmax vs AK 550 a fazer umas curvas  _pol_

https://youtu.be/Tt6GntKjb3U

Offline mpaneves

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 2077
  • Localidade: sintra-cascais
  • Sexo: Masculino
  • Mebro nº 5131
Re: Kymco AK 550
« Responder #42 em: 12 de Agosto de 2017, 18:42 »
E pronto em Espanha a conversa é outra,preço confirmado de 9949 mais docs,com oferta de seguro por um ano.
Chegam agora no princípio de setembro como me tinha sido confirmado pela kymco Espanha.
Para quem conhece a xciting esta está anos luz a frente em tudo,a imprensa relata que a concorrência vai ter problemas.
Não por cá ,pois não vem tão cedo e o mercado tuga só quer ver  outras " coisas".
Estou ansioso para a conhecer ....
casal k 50--sis saschs 50--yamaha target 50--yamaha aerox 50--yamaha neos50--yamaha aerox 50--yamaha bws 125--yamaha xcity125--honda cbf 125--kymco kxct125
kymco xciting400
Membro:5131
Marco Neves

Offline pitsilva

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 48
  • Localidade: Caparica
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Kymco
  • Modelo: K-XCT 125i
Re: Kymco AK 550
« Responder #43 em: 16 de Agosto de 2017, 22:32 »
E pronto em Espanha a conversa é outra,preço confirmado de 9949 mais docs,com oferta de seguro por um ano.
Chegam agora no princípio de setembro como me tinha sido confirmado pela kymco Espanha.
Para quem conhece a xciting esta está anos luz a frente em tudo,a imprensa relata que a concorrência vai ter problemas.
Não por cá ,pois não vem tão cedo e o mercado tuga só quer ver  outras " coisas".
Estou ansioso para a conhecer ....

Para quem fizer pre-reserva, tem oportunidade de adquirir numa campanha 0% juros em Espanha.
Em Itália fizeram por 9149€ (salvo erro) no lançamento, sendo 9949€ o pvp final.
Corrijam-me se estiver errado.
Em Portugal certamente devem fazer uma oferta de lançamento também...

Offline mpaneves

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 2077
  • Localidade: sintra-cascais
  • Sexo: Masculino
  • Mebro nº 5131
Re: Kymco AK 550
« Responder #44 em: 16 de Agosto de 2017, 22:43 »
Sim daqui a uns 10 anos....
Estamos muito aquém do resto da Europa
casal k 50--sis saschs 50--yamaha target 50--yamaha aerox 50--yamaha neos50--yamaha aerox 50--yamaha bws 125--yamaha xcity125--honda cbf 125--kymco kxct125
kymco xciting400
Membro:5131
Marco Neves

Offline pitsilva

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 48
  • Localidade: Caparica
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Kymco
  • Modelo: K-XCT 125i
Re: Kymco AK 550
« Responder #45 em: Ontem às 19:19 »
Sim daqui a uns 10 anos....
Estamos muito aquém do resto da Europa

Hahahahah
Mas já vi boas campanhas...
.... quem sabe se não vem uma prendinha lá para dezembro ;)

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 331
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Kymco AK 550
« Responder #46 em: Hoje às 12:33 »
E continua a relacionar-se a qualidade de uma máquina com o valor apontado pelo velocímetro, muitas vezes provas obtidas em vídeos manhosos que deveriam servir para colocar os seus autores num sítio onde não pusessem a vida dos outros em risco.

Dar, dá. Isso já se supõe.
À laia de outros modelos com possibilidades e objectivos diferentes, não quer dizer nada. O problema é aguentar.

Não tenho dúvidas de que a Kymco trabalha para se transformar no produtor com mais modelos de scooters.
Constrói, comete erros (o anterior modelo 700 teve muitos senãos) e aprende. E depois coloca a fasquia alta e desafia tudo e todos.
Mas desafia-se.

Já não falamos do preço competitivo de uma 125. Até porque na maioria dos casos só compete com o preço que se paga pelo logótipo das outras marcas.


Agora falamos de 10.000 €.
Certo, para alguma gente é "só" 10 mil, mais um brinquedo. Eu estou a ver a coisa na perspectiva dos que fazem das tripas coração para conduzirem sonhos.

Repare-se:
- Yamaha Tmax 11.450 ou 13.350 €, consoante a versão.
"Controlo de tracção"? Certo. Mas mais uma 125 ou uma 250 em cima do preço da Kymco.
Há que dizer também: a solidez da marca que melhor construção e qualidade de materiais exibe em todas a sua gama (é uma opinião, por isso discutível).
O segredo: se a máquina for boa, é mais fácil esticar até 10 mil do que até 13 mil. Aos que têm dinheiro isso é coisa que não apoquente.
Mas atenção, nesta coisa de motas há paixões, dar 10 mil, ou mais, "só para ver como é" é coisa que se faz.
- Suzuki Burgaman 650, 11.000 €.
Não será a mesma coisa, depois de falar da TMax ainda menos... e não será exactamente o mesmo género. Só para termos uma noção.
- Honda Integra, 9.400 € (é uma scooter?). A ADV, 11.500 €, nem a Honda a coloca junto dos modelos de scooter que ainda propõe.


Assim, mota cara risco maior.

Se por um lado tenho a certeza de que a  Kymco tem a noção de que o triunfo deste modelo no mercado significará o mandar definitivo do argumento das "japonesas" às urtigas (o pessoal indefectível das marcas tem tendência a esquecer que as "japonesas" também foram gozadas pelas americanas e europeias... e foi o que se viu), também tenho a noção de que um produto apenas testado por "jornalistas" convidados (sublinho o "convidados" com intenção) ou por recém-adquirentes ainda em fase de excitação, não é um produto "testado".

Aparentemente, boa proposta. "Dar dá, mas aguenta?"

Compraria? Mais facilmente do que uma TMax ou uma Suzuki, já que a Honda não tem oferta. "Mais facilmente" não me refiro a simpatia por marcas...
Todavia, o bom senso testado na prática diz-me que não se deve comprar um produto no ano do lançamento. Eis uma das poucas vantagens em não pertencer à classe de consumo mais elevada...
Houve quem referisse que o representante nacional estava à espera de ver o que dava... pode ser que seja mais cauteloso que o representante da Sym, mas acho que tem mais a ver com a quantidade disponível e a possibilidade efectiva de vender máquinas em Portugal. Ninguém tem máquinas nos "stands" apenas para satisfazer a felicidade dos testadores profissionais de motas... mas também é verdade que só se compra o que vê.
« Última modificação: Hoje às 12:43 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção