Autor Tópico: Yamaha T-Max 530 SX (2017)  (Lida 17972 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« em: 23 de Setembro de 2016, 19:18 »
Yamaha T-Max 530 SX (2017)

Estará para breve uma renovação da T-Max ...

...desconhecendo-se por enquanto se será apenas estética e pouco mais, ou se abrangerá também a sua mecânica.   :) _pol_ _pol_

Na Intermot (05 de Outubro) haverá com toda a certeza muito mais para saber.


Como uma imagem vale por 1000 palavras, aqui fica a zona frontal daquela que será a reformulação do modelo para 2017.

http://www.scooter-station.com/Yamaha-TMAX-530-SX-2017-Premiere-photo.html

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #1 em: 24 de Setembro de 2016, 01:41 »
A imagem ja anda a circular pela net ha uns dias


Provavelmente será apenas uma foto montagem



Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #2 em: 24 de Setembro de 2016, 10:18 »
Já vi outras, na net, dentro do mesmo género. Montagens feitas a partir do modelo actual. A única certeza é a opção da yamaha por duas derivações. Uma desportiva e outra mais touring. No que respeita aos motores nada se sabe, apenas o que foi dito por um responsável da yamaha francesa. O actual modelo não pode comportar motores com maior capacidade. Será que a Tmax vai cescer?  _pensador_      Obrigado pela partilha Sapiens sempre atento. _pol_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #3 em: 24 de Setembro de 2016, 11:17 »
o maximo que o motor que a Tmax pode ir é ate aos 560, para isso ja ha um kit da Malossi  _pol_


Creio que vao usar o mesmo chassis  _pensador_ mas isso é apenas a minha opiniao pessoal.


Daqui ate ao inicio do mes de Novembro vao-se multiplicar as especulacoes, é esperar para ver  _lol_ _convivio_

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #4 em: 24 de Setembro de 2016, 15:26 »
É isso mesmo Miguel 560 e mais dois CV. Mas se o chassis mudar a Tmax fica mais pesada e menos ágil....
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #5 em: 24 de Setembro de 2016, 16:21 »
Paulo, não esperaria um aumento de potência muito maior, em primeiro lugar porque o motor da T previligia a disponibilidade e porque depois porque tenho lido o Euro IV tem provocado uma crise de anemia a muita "bomba"  _convivio_

Quem quiser mais power resolve com facilidade: jcosta...

Quem quiser mesmo mais power e ver o conta kilometros a bater no fundo da escala: kit admissão da jetprime e sem abrir o motor fica com um verdadeiro "missil"

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #6 em: 24 de Setembro de 2016, 21:30 »
Espero que não aconteça nas motos o que aconteceu há alguns anos, nos automóveis, quando os motores a gasolina foram todos abafados pelos catalisadores, com a consequente invasão dos diesel.

Só agora a indústria automóvel começou a desenvolver os motores a gasolina, principalmente depois do escândalo dos diesel da VW.

Vamos esperar para ver, como se vão comportar os motores que foram alterados para cumprirem com a norma EuroIV.   _Rolley_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #7 em: 24 de Setembro de 2016, 23:37 »
Em quase todos os Test Drives (estou a referir-me a revistas de motos a serio, não a vídeos "isto é muuuuuuuuuuita giro" tipo Cager  _Rolley_) eles referem alguma perca de baixos e médios regimes devido ao Euro IV  _thumbdown_


Alguns construtores tem subido as cilindradas para manter as maquinas excitantes e interessantes para o consumidor... pois ninguém no seu juízo perfeito vai actualizar um modelos oferecendo menos potencia do que o modelo substituído, senão era o flop de vendas  >:D



Vamos ver... como te disse Paulo, as performances são facilmente melhoráveis na TMax...    _pol_


Melhorar a performance de uma moto que não curva ou trava de forma tão natural e intuitiva e que é caro e complicado (se não impossível).  _convivio_



Enquanto nao chega a ansiada EICMA, apenas nos resta ir trocando umas opinioes sobre aquilo que gostariamos de ver na nova TMax (se é que vai haver uma nova T  _careta_)

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #8 em: 27 de Setembro de 2016, 11:59 »
Engraçado que, agora que se fala do lançamento de duas novas variações da Tmax, ao vaguear pela net encontrei esta notícia datada de abril 2009, onde, supostamente era apresentada a nova Tmax com um motor de 750cc.





Já nesse tempo, como agora, um dos "problemas" do modelo era a falta de potência...." agora com um motor com mais alma. Segundo os nossos colegas espanhóis, que tiveram acesso a alguns desenhos técnicos de patentes registadas pela Yamaha, é de esperar que o próximo motor da T-Max, ou de uma scooter de grande cilindrada da marca, seja um tricilíndrico, possivelmente de 750 cc."


Como todos sabemos, não foi nada disto que aconteceu. _lool_

Presentemente especula-se muito, mas de concreto apenas se sabe que a Yamaha registou as denominações Tmax SX e DX. Não se sabe como e quando serão lançados estes novos modelos.

E não será nada disto com certeza



Pessoalmente, considero uma heresia se a Yamaha lançar uma Tmax (DX) para concorrer diretamente com a Buga e a BWM Gt  _thumbdown_.
Esse papel deveria ser representado por uma sucessora da Magesty. Sim porque a Xmax 400, apesar da sua grande capacidade de carga, como toda a gama da Xmax está orientada para uma vertente mais Sport e menos GT.

Ao longo destes 15 anos de sucesso, a Tmax sempre se caraterizou por ser uma scooter desportiva, com soluções técnicas únicas, dentro do universo das scooters, que a levaram a manter-se no topo no que respeita às performances. 

Agilidade, leveza, capacidade de aceleração e uma ciclística exemplar sempre foram os expoentes máximos da T, que apesar de uma possuir uma potência inferior à suas concorrentes, sempre conseguiu fugir-lhes entre o trânsito das grandes metrópoles ou nas estradas mais recortadas das montanhas.

O que esperar então da Tmax para 2017, 2018, 20.....?

O meu desejo passa por uma T que, mantenha as suas características inatas, e evolua na sua capacidade de superação. Talvez com umas suspensões ajustáveis, e um motor ligeiramente maior (nunca mais de 600cc) sem comprometer o baixo peso e a manobrabilidade.

Para mim seria perfeita.....e para vocês?

O que necessitava a Tmax  de mudar para vocês a comprarem?


Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Filipe Pombo

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1852
  • Localidade: Albarraque-Sintra
  • Sexo: Masculino
  • Não conduzas + rápido que o teu anjo da guarda voa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 400 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #9 em: 27 de Setembro de 2016, 12:04 »
Para mim já sabes ...um pouco mais de baú ou poder ter malas rígidas laterais


Engraçado que, agora que se fala do lançamento de duas novas variações da Tmax, ao vaguear pela net encontrei esta notícia datada de abril 2009, onde, supostamente era apresentada a nova Tmax com um motor de 750cc.





Já nesse tempo, como agora, um dos "problemas" do modelo era a falta de potência...." agora com um motor com mais alma. Segundo os nossos colegas espanhóis, que tiveram acesso a alguns desenhos técnicos de patentes registadas pela Yamaha, é de esperar que o próximo motor da T-Max, ou de uma scooter de grande cilindrada da marca, seja um tricilíndrico, possivelmente de 750 cc."


Como todos sabemos, não foi nada disto que aconteceu. _lool_

Presentemente especula-se muito, mas de concreto apenas se sabe que a Yamaha registou as denominações Tmax SX e DX. Não se sabe como e quando serão lançados estes novos modelos.

E não será nada disto com certeza



Pessoalmente, considero uma heresia se a Yamaha lançar uma Tmax (DX) para concorrer diretamente com a Buga e a BWM Gt  _thumbdown_.
Esse papel deveria ser representado por uma sucessora da Magesty. Sim porque a Xmax 400, apesar da sua grande capacidade de carga, como toda a gama da Xmax está orientada para uma vertente mais Sport e menos GT.

Ao longo destes 15 anos de sucesso, a Tmax sempre se caraterizou por ser uma scooter desportiva, com soluções técnicas únicas, dentro do universo das scooters, que a levaram a manter-se no topo no que respeita às performances. 

Agilidade, leveza, capacidade de aceleração e uma ciclística exemplar sempre foram os expoentes máximos da T, que apesar de uma possuir uma potência inferior à suas concorrentes, sempre conseguiu fugir-lhes entre o trânsito das grandes metrópoles ou nas estradas mais recortadas das montanhas.

O que esperar então da Tmax para 2017, 2018, 20.....?

O meu desejo passa por uma T que, mantenha as suas características inatas, e evolua na sua capacidade de superação. Talvez com umas suspensões ajustáveis, e um motor ligeiramente maior (nunca mais de 600cc) sem comprometer o baixo peso e a manobrabilidade.

Para mim seria perfeita.....e para vocês?

O que necessitava a Tmax  de mudar para vocês a comprarem?
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.

Offline zeuz

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Nov 2013
  • Mensagens: 86
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Vectrix
  • Modelo: VX-1 Li+
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #10 em: 27 de Setembro de 2016, 12:13 »
O que esperar então da Tmax para 2017, 2018, 20.....?

O meu desejo passa por uma T que, mantenha as suas características inatas, e evolua na sua capacidade de superação. Talvez com umas suspensões ajustáveis, e um motor ligeiramente maior (nunca mais de 600cc) sem comprometer o baixo peso e a manobrabilidade.

Para mim seria perfeita.....e para vocês?
Partilho da mesma opinião!

Para mim já sabes ...um pouco mais de baú ou poder ter malas rígidas laterais
Companheiro #FilipePombo, vide o comentário do #PauloSilveiro:
Pessoalmente, considero uma heresia se a Yamaha lançar uma Tmax (DX) para concorrer diretamente com a Buga e a BWM Gt  _thumbdown_.
Esse papel deveria ser representado por uma sucessora da Magesty. Sim porque a Xmax 400, apesar da sua grande capacidade de carga, como toda a gama da Xmax está orientada para uma vertente mais Sport e menos GT.
Portanto a solução para si seria a tal sucessora da Majesty.  ;-)


Sent from my X5 using Tapatalk
« Última modificação: 27 de Setembro de 2016, 12:23 por zeuz »
Vectrix VX-1 Li+ '11 (06/2014 - )

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #11 em: 27 de Setembro de 2016, 12:31 »
Andam algumas fotos a circular pela net, mas sao todas pura especulacao...








Estas divulgadas hoje pela SS, são das fotos que já postei acima... e parecem-me que são uma foto montagem misturando a frente da Xmax 400 com a da R1


Duvido que sejam reais....ate porque tirando as cores nao percebo a diferenca entre a SX e a DX.




A grande questão neste momento é qual profundidade da revisao que a Yamaha operou.


Certo é que vao ter que mexer no motor por causa do Euro IV, mas e a nivel de chassis?


O lançamento de uma nova versão mais turística pode sugerir o aparecimento de um novo chassis em que existiam maiores areas de carga, uma maior distacia entre eixos e uma ergonomia diferente, em que o condutor fosse sentado mais baixo.


Outra questão é a manutenção ou não deste motor, cuja evolução é sabida ter o limite dos 560 cc.


A Yamaha, poderia lançar um propulsor novo (a 270º como é moda) com uma maior cilindrada no caso de ter um maior espaco para o instalar num novo chassis.


Este propulsor poderia trazer algum novo tipo de transmissao (DCT).




O que eu acho: a DX uma incógnita e não tenho pensado muito nela pois a SX atrai-me mais.


Chassis e motor a manter o mesmo pois para já são referencias da classe e tirando a actualização para o Euro IV não se sentem datados e todos os anos tem vindo a ser actualizados.

Uma pequena melhoria da dinâmica e um novo visual completamente novo... mas não esperaria nada tão futurista como a Tmax 2012... 



Faltam 8 dias para a abertura da Intermot... vamos ver se la aparecerá a versao final  _pol_

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #12 em: 27 de Setembro de 2016, 13:49 »
A imprensa fala muito da Tmax nova mas, oficialmente, ainda ninguém da Yamaha confirmou que ela vá existir pelo menos em 2017.

No site oficial da Yamaha global, nada consta. E, como é normal, as marcas  começam a promover os novos modelos com grande antecedência. Vejam o caso das Kymco com a K550, a Sym com a 500, ou a Honda com X-ADV.

Da Yamaha apenas fotos  do restyling da Xmax.


Filipe uma Tmax com alforges....... _pensador_ _martelada_ :'(

Acho que não....parece que tens que olhar para a Honda ......X-ADV.

Miguel, DCT..... uma corrente....a Yamaha não tem este tipo de caixas, seria um risco muito grande apostar numa inovação destas logo na Tmax _confuso_

Talvez lá para 2018 surja alguma coisa nova mas  não se esqueçam....."the max is never enough"     
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #13 em: 27 de Setembro de 2016, 14:52 »
O Filipe tem um problema com as dimensoes da carga  _pensador_ e creio que o "hueco" estreito mas longo da Xmax é o que melhor casa com o seu material fotografico  _pol_

mesmo uma moto com alforges, nao creio que os tripes lá caibam dentro  _pol_


Paulo, tambem acho que o DCT nao será uma opcao  _pol_ e a corrente tambem nao pois a Yamaha abandonou esta opção em 2012 ao passar de corrente para correia  _pol_



os tempos normais dos ciclos de vida dos modelos anteriores levam a crer que este ano (2008-2012 =4 anos > 2012-2016= 4) , será ano de novidades... creio que dia 10 de Novembro teremos a resposta...


E de dia 11 estar sentado numa  _lol_ _lol_ _lol_ _convivio_ _convivio_

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #14 em: 27 de Setembro de 2016, 15:10 »
Miguel...estás tentado...... _palmas_ _convivio_ _vinho_ _mau_


Com a nova Tmax podias fazer esta.....https://youtu.be/YcXEWiY4SPE


Mas podes sempre adquirir esta 

 

que ultrapassa os 200Km/h
« Última modificação: 27 de Setembro de 2016, 15:13 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline twin-pt

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 2864
  • Localidade: Alcabideche - Cascais
  • Sexo: Masculino
  • Scooter por opção...
  • Marca: Honda
  • Modelo: X-ADV 750
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #15 em: 27 de Setembro de 2016, 15:19 »
Miguel...estás tentado...... _palmas_ _convivio_ _vinho_ _mau_

E de dia 11 estar sentado numa  _lol_ _lol_ _lol_ _convivio_ _convivio_

O Miguel vai à EICMA... _Rolley_ _Rolley_ _Rolley_
João Mestre / twin-pt
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.
X-ADV 750 (RC95):
PCX125 -- X-MAX 125 ABS (link consumos)

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #16 em: 27 de Setembro de 2016, 15:31 »
O Miguel vai à EICMA... _Rolley_ _Rolley_ _Rolley_

Então vamos ter novidades.....ao vivo e a cores.... _careta_ _pol_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #17 em: 27 de Setembro de 2016, 16:19 »
Comprar????


Quando vender a minha, compro uma 530 de 2015  _pol_


Comprar motos novas é só para capitalistas  _lol_ _lol_ _lol_...  e eu sou um simples trabalhador proletário  _Rolley_ aparecia de Tmax nova nos encontros da concelhia do BE e os gajos ainda se lembravam de fazer algum projecto de lei para taxar scooters de alta cilindrada  _careta_

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1380
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #18 em: 04 de Outubro de 2016, 16:09 »
Vamos mesmo ter que esperar pela EICMA, para saber se vai haver uma nova Tmax em 2017.

No salão da INTERMOT, que abriu hoje, aos jornalistas, na cidade de colónia na Alemanha, a novidade da Yamaha passou pela nova "cara" da MT-09, muito semelhante à MT-10.  _pol_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 381
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #19 em: 04 de Outubro de 2016, 17:40 »
Comprar????


Quando vender a minha, compro uma 530 de 2015  _pol_


Comprar motos novas é só para capitalistas  _lol_ _lol_ _lol_...  e eu sou um simples trabalhador proletário  _Rolley_ aparecia de Tmax nova nos encontros da concelhia do BE e os gajos ainda se lembravam de fazer algum projecto de lei para taxar scooters de alta cilindrada  _careta_

Eu já vi foi um aparecer de "Vespa" na apresentação do governo e sair de BMW... o ministro ecológico-poupadinho. Esse sim, pôs-me uma taxa sobre o salário além de me ter feito pagar Imposto de Circulação pela 125. Eu lembro-me. Do que não aconteceu já me esqueci.
[Errata: não era BMW mas um AUDI topo de gama]
« Última modificação: 04 de Outubro de 2016, 17:51 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #20 em: 04 de Outubro de 2016, 18:52 »
Isso deve ter sido culpa de alguém que não andava de Vespa que se lembrou de aumentar a divida em 2/3 do valor o valor da divida publica e colocar-nos na 3ª banca rota  _Rolley_ (e com a 7a maior divida publica do planeta  _Rolley_)


Se bem me lembro em 2005 a divida era 80 mil milhões € e em 2011 passou para 160 mil milhões € e com a entrada da chamada Troika, cujos termos do acordo foi negociado pelo Inginheiro e sus mutchacos um empréstimo de mais 80 mil milhões, passou para 240 mil milhões de €


Se for ver bem, quem lhe amarfanhou o vencimento não anda de Vespa, é um senhor chamado "Silva Pereira" que supervisiou os termos do acordo com a Troika...

o gajo que andava de Vespa ainda conseguiu corrigir o deficit de 11 para 3%...  _Rolley_



Alguém tem sempre que pagar a conta da "festarola"  _Rolley_... Eu nao tenho pena de nenhum politico, só tenho pena é de não ter amigos no Grupo Lena, isso sim...  já lhes pedi amizade pelo facebook mas não transferiram nada para a minha conta  :'( :'( :'( 
« Última modificação: 04 de Outubro de 2016, 18:55 por TMaxer »

Offline Filipe Pombo

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1852
  • Localidade: Albarraque-Sintra
  • Sexo: Masculino
  • Não conduzas + rápido que o teu anjo da guarda voa
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Xmax 400 ABS
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #21 em: 04 de Outubro de 2016, 19:24 »
só tenho pena é de não ter amigos no Grupo Lena, isso sim...  já lhes pedi amizade pelo facebook mas não transferiram nada para a minha conta  :'( :'( :'( 


 _lol_ _lol_ _lol_ _lol_
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 381
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #22 em: 04 de Outubro de 2016, 19:31 »
o gajo que andava de Vespa ainda conseguiu corrigir o deficit de 11 para 3%...  _Rolley_

Essa é uma narrativa, há outras. Uma delas: E mais um pouco deixava a Segurança Social descapitalizada tanto "apoio" dava às empresas em nome de estágios para desemprego disfarçar...
Mas quem sou eu para contrariar os "especialistas" da Goldman Sacks, do FMI e do BCE que tão boa conta têm dado da Europa e do mundo?
E logo eu, que acabei de descobrir que não sou da classe-média porque não tenho imobiliário de mais de 500 mil euros e uma conta de mais de 50 mil euros cuja origem devo conservar a recato da comparação da inspecção de finanças com o que declaro de impostos. Eu sou um infra-classe-média, o Estado sabe tudo sobre o que ganho (está na minha folha de salário) e os descontos não falham.

Falando do que importa, acho que a tributação dos veículos devia ser revista.
A minha filha tem um carro de 850 cc, mais novo e menos poluente do que o meu, 1700 cc, e paga quase o dobro do que eu pago de Imposto de Circulação.
Outra coisa que me chateia a sério é ter de pagar o mesmo de portagens que o carro que vai à minha frente, que ainda leva menos gente que eu na mota (portagens de acordo com o número de ocupantes das viaturas também não seria má ideia). Um dia destes vou dar uma volta até à concelhia do BE cá do burgo, pode ser que a mania deles de se pagar impostos de acordo com os rendimentos possa influenciar o governo em alguma ideia...
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2079
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #23 em: 04 de Outubro de 2016, 20:09 »
Indepentemente da cor, é tudo uma cambada de ladroes sem qualquer interesse altruísta (e patriotico...) em criar uma sociedade melhor   _Rolley_ e entre os modelos comunistas, socialistas e capitalistas venha o diabo e escolha... as elites são SEMPRE privilegiadas  ;)



Gasolina, portagens, IUCs, IMIs, IRSs, IRCs, etc... é tudo a roubar e a ir ao bolso de quem pode (ou tem)... cortar nas regalias ou nas negociatas dos amigos... tá quieto  _Rolley_ _thumbdown_ _thumbdown_ 
« Última modificação: 04 de Outubro de 2016, 20:10 por TMaxer »

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 381
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Yamaha T-Max 530 SX (2017)
« Responder #24 em: 04 de Outubro de 2016, 20:29 »
Falando da TMax, uma versão (que até podia ter outro nome) para concorrer com o género especial da Burgman 650 seria boa ideia. A Majesty desapareceu, a SWT 600, da Honda, já desapareceu do catálogo e a Suzuki (para o bem e para o mal) estica os modelos até ao limute. Qualquer dia, de scooters japonesas só "desportivas", as italianas da Piaggio?... Ou cada vez mais gente passará a olhar com menos preconceito e mais atenção para os produtos de Taiwan?
Duas rodas: o dobro da atenção