Autor Tópico: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)  (Lida 13853 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12410
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #25 em: 02 de Outubro de 2016, 00:15 »
A máquina lá vai aparecendo aqui e ali.... ;)

Deve estar para breve o conhecer do que foi feito  _pol_...nomeadamente se se ficou por uma actualização estética ou um pouco mais do que isso (mecânica/estrutura do berço).   :)


Imagem obtida em: http://motoblast.org
« Última modificação: 02 de Outubro de 2016, 00:16 por Sapiens21 »

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1509
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #26 em: 04 de Outubro de 2016, 16:03 »
No certame da Intermot, que abriu hoje na cidade de Colónia na Alemanha, não foram apresentadas novidades sobre as "max" da Yamaha.  _pensador_
Nem a T nem a X.

A novidade passou pelo restyling da MT-09, que passa a ser semelhante à MT-10. _pol_

Vamos esperar pela EICMA. _lool_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1509
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #27 em: 18 de Outubro de 2016, 13:49 »
E pronto aqui está a nova Xmax, oficialmente   _careta_ _careta_ _careta_ _careta_

https://youtu.be/iWulPEhFdJA

Está mais atual. Vou tentar encontrar as especificações dos motores, parece que existe um 300cc, se algum companheiro já estiver na posse destas informações, agradeço que as compartilhe aqui.  _pol_ 
« Última modificação: 18 de Outubro de 2016, 13:53 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2087
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #28 em: 18 de Outubro de 2016, 14:25 »
Aqui está a nova 300... chave electronica, controlo de tracao, luzes LED, novo design, novo motor de 292cc, 27,6 cvs  :convivio: :convivio: :palmas: :palmas:














































Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2087
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #29 em: 18 de Outubro de 2016, 14:25 »















Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1509
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #30 em: 18 de Outubro de 2016, 14:32 »
TMaxer sempre em cima do acontecimento.  _pol_

Essa potência é que me parece ser baixa.  _thumbdown_

A kymco 300 tem 30 cv e a sym 29,5 cv e a Forza 26cv. Será por causa das normas antipoluição?

A Yamaha jogou pelo seguro, foi buscar inspiração à Tmax, faróis, chave inteligente, à Nmax, parte lateral com aquela peça cinzenta e ao modelo anterior da Xmax. Manteve a capacidade de carga e o controlo de tração é uma mais valia,  _pol_ apesar da potência do motor não por em causa a aderência da roda traseira.


Motor

Tipo de motor Monocilíndrico, refrigerado por líquido, 4 tempos, SOHC, 4 válvulas
Cilindrada 292 cc
Potencia máxima 20,6 kW @ 7.250 rpm
Par máximo 29,0 Nm @ 5.750 rpm
Sistema de lubricación Cárter húmedo
Sistema de combustible Inyección de combustible
Sistema de encendido TCI
Sistema de arranque Eléctrico
Sistema de transmisión Correa trapezoidal automática


Chasis

Sistema de suspensión delantera Horquillas telescópicas
Recorrido delantero 110 mm
Sistema de suspensión trasera Unidad oscilante
Recorrido trasero 79 mm
Freno delantero Disco único hidráulico, Ø 267 mm
Freno trasero Disco hidráulico único, Ø 245 mm
Neumático delantero 120/70-15
Neumático trasero 140/70-14


Dimensiones

Longitud total 2.185 mm
Anchura total 775 mm
Altura total 1.415 mm (adjustable screen 1,465mm)
Altura del asiento 795 mm
Distancia entre ejes 1.540 mm
Distancia mínima al suelo 135 mm
Peso húmedo 179 kg
Capacidad del depósito de combustible 13,0 litros

Os aspetos técnicos mantêm-se. Continua a ser alta, o que trás problemas para quem tem uma altura mediana.
« Última modificação: 18 de Outubro de 2016, 15:33 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline twin-pt

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 2862
  • Localidade: Alcabideche - Cascais
  • Sexo: Masculino
  • Scooter por opção...
  • Marca: Honda
  • Modelo: X-ADV 750
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #31 em: 18 de Outubro de 2016, 15:46 »
Onde é que tenho o cartão de crédito? _Rolley_ _Rolley_ _Rolley_
João Mestre / twin-pt
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.
X-ADV 750 (RC95):
PCX125 -- X-MAX 125 ABS (link consumos)

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1509
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #32 em: 18 de Outubro de 2016, 16:06 »
Estou com curiosidade para ver se o motor 400 se mantém _pensador_.  Mas pelo que li, este novo 300, já é da nova família de motores  da Yamaha, "blue core" estreado na Nmax.

Por outro lado a potencia não é tudo, e não deixa de ser curioso esta 300 ir possuir controlo de tração, quando a Tmax não o tem.  _Rolley_

A verdade é que, a entrega de potência da T é tão suave, que nunca senti necessidade de ela o ter.

Vamos esperar por mais notícias e pelos testes dinâmicos. É aí que, as qualidades e defeitos dos modelos, podem ser comprovados. 
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Scooterado

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2010
  • Mensagens: 2078
  • Localidade: Barlavento-Algarve
  • Sexo: Masculino
  • Darwin e a evolução das espécies: T500 ---» T530
  • Marca: YAMAHA
  • Modelo: TMAX 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #33 em: 18 de Outubro de 2016, 19:26 »
Me gusta mucho..........Tem excelente aspeto esta 300 e resta saber se não será o melhor compromisso de todos até agora, consumos/capacidade carga/performances e preço já agora.  _pensador_
Bem boa para um downgrade quando chegar a altura.
1 abraço
Scooterado  scooter_ _slb_ 35
XMAX 125 de 30/11/2010 até 9/1/2013
Tmax 500 abs "Blackmax" 2009
com 23.000 Kms.-1ªmédia 4,82.última média 4,36 e deixei-a ir com 87778 km e com muito bom aspeto.
desde 9/12/2015 comprei 1  Tmax 530  preta   com 22.242 km.1ªmédia consumo 4,37/4,67 bem fixe!!

Nunext84

  • Visitante
Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #34 em: 18 de Outubro de 2016, 19:40 »
Vamos lá ver em que dia se pode começar a fazer reservas...  _palmas_  _lool_

NRoque23

  • Visitante
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #35 em: 18 de Outubro de 2016, 23:22 »
OK é oficial, estou apaixonado!!!  _corado_ _corado_ _corado_

Agora só resta esperar pela EICMA 2017, para confirmar se temos X-Max 400 ou só ficamos com esta + a 125cc.

Para esta trazer controlo de tracção, a nova T-max, também o terá!

Começamos a ter a tecnologia da gama R da Yamaha, nas maxi  _pol_ _pol_ _pol_

Cumprimentos e boas curvas

Offline Filipe Pombo

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1877
  • Localidade: Albarraque-Sintra
  • Sexo: Masculino
  • Não conduzas + rápido que o teu anjo da guarda voa
  • Marca: BMW 1200GS
  • Modelo: VStrom 650
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #36 em: 19 de Outubro de 2016, 00:10 »
espectaculo


 _palmas_ _palmas_ _palmas_


agora será que tem sentido terem a 400 e a 530 ?   _confuso_
Espirito Scootard

Offline EMNovo

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Fev 2015
  • Mensagens: 153
  • Localidade: AVEIRO
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 125 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #37 em: 19 de Outubro de 2016, 09:21 »
Muito bonita. Gostei muito. Queria era vê-la em outras cores.
A considerar se daqui a 1 ou 2 anos tirar a carta.
Só um pormenor me parece destoar um pouco: os reflectores aplicados no para-lamas traseiro.
Eduardo Novo

Offline EMNovo

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Fev 2015
  • Mensagens: 153
  • Localidade: AVEIRO
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 125 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #38 em: 19 de Outubro de 2016, 09:31 »
Por falar em outras cores









Eduardo Novo

Offline JViegas

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 1719
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 300 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #39 em: 19 de Outubro de 2016, 09:49 »
A branca é muito bonita, faz com se destaque mais o corpo da menina.

Ainda bem que existe esta renovação desta cilindrada, obedecendo a normas europeias (o que é chato pois esperava mais potência da máquina), no entanto acredito que nem se vai notar, pois não creio que a Yamaha abdique da sua veia desportiva.

Penso que a inclusão do controlo de tracção é uma forma de apelar a novos clientes e é mais um must para quem procura segurança adicional num veículo de duas rodas, se bem que após sabermos custos de aquisição final, justificará ou não esta opção.

Por mim: take my money please...

Vamos ver que "terramoto" causará este modelo junto dos outros fabricantes, pois enquadra-se numa cilindrada (300-500) onde temos as máquinas para "todo o serviço".

Offline twin-pt

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 2862
  • Localidade: Alcabideche - Cascais
  • Sexo: Masculino
  • Scooter por opção...
  • Marca: Honda
  • Modelo: X-ADV 750
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #40 em: 19 de Outubro de 2016, 10:23 »
Atenção que a potência não é tudo... Vejam as relações CV/Peso declarado:

Kawasaki J300 - 28cv/191Kg (wet)
Kymco Downtown 300 ABS - 30cv/189Kg (seco)
Kymco K-XCT 300 ABS - 28cv/176Kg (seco)
Honda Forza 300 - 26cv/192Kg (seco)
Sym GTS 300 ABS - 29,5cv/179Kg (seco)
Sym GTS 300 Sport ABS - 29,5cv/198Kg (seco)
Yamaha X-MAX 300 -  28cv/179Kg (wet)

Não sei o que acham, mas não me parece mal...
« Última modificação: 19 de Outubro de 2016, 12:00 por twin-pt »
João Mestre / twin-pt
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.
X-ADV 750 (RC95):
PCX125 -- X-MAX 125 ABS (link consumos)

Offline wime

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Fev 2011
  • Mensagens: 74
  • Localidade: Carcavelos
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS300i ABS/SS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #41 em: 19 de Outubro de 2016, 10:28 »
Está bastante apelativa, mas parece-me que padece do mal quase generalizado....
esquecem-se sempre do travão de parque....

Se trouxer travão de parque estou na fila.
DT125LC-VFR750F-B200-GTS300i ABS/SS

Offline Paulo Silveiro

  • Assembleia Consultiva
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1509
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #42 em: 19 de Outubro de 2016, 11:23 »
Está bastante apelativa, mas parece-me que padece do mal quase generalizado....
esquecem-se sempre do travão de parque....

Se trouxer travão de parque estou na fila.


Bem visto, não tinha reparado nesse pormenor...  _pol_

Tenho a certeza que Xmax se vai mexer muito bem. O João tem razão, mais importante que a  potência é o equilíbrio no seu todo. Por outro lado com tantos radares fixos, a serem montados, começa a ser difícil andar muito acima das velocidades legais. _Rolley_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015;Yamaha D'elight 110 - 2016;Vespa Primavera 125 - Julho de 2018...
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline marcio_s

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 519
  • Localidade: Loures
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS Evo 125
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #43 em: 19 de Outubro de 2016, 13:30 »
Atenção que a potência não é tudo... Vejam as relações CV/Peso declarado:

Kawasaki J300 - 28cv/191Kg (wet)
Kymco Downtown 300 ABS - 30cv/189Kg (seco)
Kymco K-XCT 300 ABS - 28cv/176Kg (seco)
Honda Forza 300 - 26cv/192Kg (seco)
Sym GTS 300 ABS - 29,5cv/179Kg (seco)
Sym GTS 300 Sport ABS - 29,5cv/198Kg (seco)
Yamaha X-MAX 300 -  28cv/179Kg (wet)

Não sei o que acham, mas não me parece mal...
Não te esqueças do binário. Nessa campo há algumas surpresas interessantes. A DT é a que tem mais cv e se a memória não me falha é a que tem menos n/m.

Essa diferença entre a gts e a gts sport parece-me estranha, vou ter de confirmar
« Última modificação: 19 de Outubro de 2016, 13:31 por marcio_s »

Offline marcio_s

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 519
  • Localidade: Loures
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS Evo 125
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #44 em: 19 de Outubro de 2016, 13:39 »
Confirmado. Segundo o site internacional (www.sym-global.com) o peso é 198kg para ambas

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2087
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #45 em: 19 de Outubro de 2016, 15:02 »
A minha opiniao nesta questao da potencia é que esta apenas tem que ser adequada.


Vimos de um cenario no mercado onde a cada lancamento os numeros tem aumentado sempre e isso levou-nos a que hoje qualquer desportivo tenha de ter 700 cavalos.

Para que??


Penso que os 25 / 35 cavalos sejam adequados para esta gama que vai dos 300 aos 400 cm3.

Mais importante do que a potencia do motor é a questão do consumo, espaco entre e custo das revisoes e da agreabilidade da condução, e para isso é indispensável que os motores tenham boa disponibilidade de binário a baixo e a médio regime.

A potencia é apenas importante para a velocidade máxima, e nesse campo, penso que mais do que os 140/150 numa scooter destas ja sejam demais para a distancia entre eixos, para a propria geometria e até para os travões e pneus  _pol_


Quem vai comprar uma 300 nao quer um animal de competição, quer algo pequeno e compacto que lhe permita fazer os percursos de via rapida ou AE em velocidade constante e mantendo uma reserva de potencia, coisas que uma 125 nao permitem  _pol_
« Última modificação: 19 de Outubro de 2016, 15:03 por TMaxer »

Offline karloxilva

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 427
  • Localidade: Setúbal
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Suzuki
  • Modelo: Burgman AN400AZ ABS (Fev.2014)
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #46 em: 19 de Outubro de 2016, 16:05 »
"Need and Desire", um vídeo de apresentação da XMax 300

https://www.youtube.com/watch?v=5_iZlITGWek

Cheguei lá por via do artigo em "Le Repaire des Motards" (em francês):
http://www.lerepairedesmotards.com/actualites/2016/actu_161018-scooter-yamaha-x-max-300.php

Conforme as palavras que se repetem no vídeo, "Need" e "Desire", a  Yamaha afirma que é possível satisfazer uma necessidade ("Need") com estilo, desejo ("Desire"). Uma certa forma de afirmar que os olhos também comem: um pão bem confeccionado e apresentado saberá sempre melhor que a mesma quantidade de farinha metida ao calhas no forno e servida como massa disforme.

Na minha opinião, um resultado estética e tecnologicamente agradável.
Um novo quadro (a crer no artigo) e uma nova versão da tecnologia Blue Core que garantirá consumos ainda mais comedidos. E depois alguns "Gadgets" já vistos na Honda Forza 250 (antepassada do modelo actual) e na S3, da Daelim, como o comando (chave) electrónico de proximidade, e o Controlo de Tracção que a marca chama TCS e já faz história na Piaggio X10 há anos com o nome de ASR (aqui menos "gadget" e mais Segurança).

Sabendo-se que a Yamaha é das marcas com mais apuro na qualidade dos materiais e na montagem, eis a primeira resposta japonesa às próximas investidas das marcas de Taiwan (Kymco e Sym).

Da minha parte, não gosto da altura do banco (795 mm), mais alto que os 790 mm da Honda NC 750!. Podem tê-lo estreitado (os primeiros modelos eram mais baixos mas mais largos) mas a nova carenagem não facilita o acesso dos mais baixos ao solo... "X Max, como cresceste desde a última vez que te vi!"
Esteticamente é bonito, mas não gosto daquele encaixe para os pés na carenagem, algo já visto nos modelos Beverly da Piaggio.
"Faz favor! Mais uma desportiva para a mesa do meio!"

Só mais uma opinião: não há termos de comparação entre a Honda Forza 300 e nova XMax 300. A única coisa que têm em comum é serem scooters de cilindradas próximas. A clientela não será a mesma, a não ser que vá ao engano ou pela marca.
Antecipo que a Honda responderá à altura, metendo um motor "300" na Forza 125.

A cilindrada mais equilibrada em relação aos trajectos que (de facto) a maioria dos motociclistas faz, a 300, está cada vez mais aguerrida:
A Sym já apresentou também uma 300, a CruiSym, a Kymco tem há tempos uma excelente Downtown 350 (para quem vive fora de Portugal, claro) que poderá vir a ser comercializada dento de uma bonita "embalagem" Kawasaki, a Daelim também inscreve a sua S3 nesta faixa de cilindrada. A Suzuki? Acho que fez uma parceria com a Toyota para fabricar... automóveis.

[Editei este texto para corrigir alguns erros]
« Última modificação: 19 de Outubro de 2016, 16:36 por karloxilva »
Duas rodas: o dobro da atenção

Offline Tormentinha

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Dez 2009
  • Mensagens: 188
  • Localidade: Almada
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Silver Wing 400
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #47 em: 19 de Outubro de 2016, 16:20 »
"Need and Desire", um vídeo de apresentação da XMax 300

https://www.youtube.com/watch?v=5_iZlITGWek

Cheguei lá por via do artigo em "Le Repaire des Motards" (em francês):
http://www.lerepairedesmotards.com/actualites/2016/actu_161018-scooter-yamaha-x-max-300.php

Conforme as palavras que se repetem no vídeo, "Need" e ""Desire", a  Yamaha afirma que é possivel satisfazer uma necessidade ("Need") com em estilo, desejo ("Desire"). Uma certa forma de afirmar que os olhos também comem: um pão bem confeccionado e apresentado saberá sempre melhor que a mesma quantidade de farinha metida ao calhas no forno e servida como massa disforme.

Na minha opinião, um resultado estética e tecnologicamente agradável.
Um novo quadro (a crer no artigo) e uma nova versão da tecnologia Blue Core que garantirá consumos ainda mais comedidos. E depois alguns "Gadgets" já vistos na Honda Forza 250 (antepassada do modelo actual) e na S3 da Daelim, o comando electrónico de proximidade, e o Controlo de Tracção que a marca chma TCS e já faz história na Piaggio X10 há anos com o nome de ASR (aqui menos "gadget" e mais Segurança).

Sabendo-se que a Yamaha é das marcas com mais apuro na qualidade dos materiais e da montagem, eis a primeira resposta japonesa às próximas investidas das marcas de Taiwan (Kymco e Sym).

Da minha parte, não gosto da altura do banco (795 mm, mais alto que os 790 mm da Honda NC 750!). Podem tê-lo estreitado (os primeiros modelos eram mais baixos mas mais largos) mas a nova carenagem não facilita o acesso dos mais baixos ao solo... "X Max, como cresceste desde a última vez que te vi!"
Esteticamente é bonito mas não gosto daquele encaixe para os pés na carenagem, algo já visto nos modelos Beverly da Piaggio.
"Faz favor! Mais uma desportiva para a mesa do meio!"

Só mais uma opinião: não há termos de comparação entre a Honda Forza 300 e nova XMax 300. A única coisa que têm em comum é serem scooters de cilindradas próximas. A clientela não será a mesma, a não ser que vá ao engano ou pela marca.
Antecipo que a Honda responderá à altura, metendo um motor "300" na Forza 125.

A cilindrada mais equilibrada em relação aos trajectos que (de facto) a maioria dos motociclistas faz, a 300, está cada vez mais aguerrida:
A Sym já apresentou também uma 300, a CruiSym, a Kymco tem há tempos uma excelente Downtown 350 (para quem vive fora de Portugal, claro) que poderá vir a ser comercializado dento de uma bonita "embalagem" Kawasaki, a Daelim também inscreve a sua S3 nesta faixa de cilindrada. A Suzuki? Acho que fez uma parceria com a Toyota para fabricar... automóveis.

Adorei esta analise...... _palmas_  _pol_

Offline protas

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Jan 2015
  • Mensagens: 127
  • Localidade: Parede
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: MT 09
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #48 em: 22 de Novembro de 2016, 20:39 »
Esta xmax  250 deixa me a pensar, estou com vontade de voltar para as scooter esta aqui a oportunidade.

Offline marb

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1191
  • Localidade: Santarém
  • Sexo: Masculino
  • Marca: BMW
  • Modelo: R1200 GS
Re: Yamaha X-Max 125/250/400 (renovação para 2017)
« Responder #49 em: 22 de Novembro de 2016, 22:05 »
"Need and Desire", um vídeo de apresentação da XMax 300

Conforme as palavras que se repetem no vídeo, "Need" e "Desire", a  Yamaha afirma que é possível satisfazer uma necessidade ("Need") com estilo, desejo ("Desire"). Uma certa forma de afirmar que os olhos também comem: um pão bem confeccionado e apresentado saberá sempre melhor que a mesma quantidade de farinha metida ao calhas no forno e servida como massa disforme.

Nem mais, mas é bem mais que isso. a nova X-Max 300 é mais uma T-Max 300 pela  ciclística que oferece e também pela tecnologia que terá.

Sabendo-se que a Yamaha é das marcas com mais apuro na qualidade dos materiais e na montagem, eis a primeira resposta japonesa às próximas investidas das marcas de Taiwan (Kymco e Sym).

E principalmente a antecipação à renovação (esperada) da Forza 300 com o chassis da Forza 125!

Da minha parte, não gosto da altura do banco (795 mm), mais alto que os 790 mm da Honda NC 750!. Podem tê-lo estreitado (os primeiros modelos eram mais baixos mas mais largos) mas a nova carenagem não facilita o acesso dos mais baixos ao solo... "X Max, como cresceste desde a última vez que te vi!"


790 mm da Integra pois a NC750X tem 830 mm!


Só mais uma opinião: não há termos de comparação entre a Honda Forza 300 e nova XMax 300. A única coisa que têm em comum é serem scooters de cilindradas próximas. A clientela não será a mesma, a não ser que vá ao engano ou pela marca.
Antecipo que a Honda responderá à altura, metendo um motor "300" na Forza 125.

Sem dúvida!! A Forza 125 terá uma irmã com 300 cc.


A cilindrada mais equilibrada em relação aos trajectos que (de facto) a maioria dos motociclistas faz, a 300, está cada vez mais aguerrida:


Sim, facto é e pelo que se vê nas performances anunciadas e o consumo e preço, a X-Max 400 deixará de fazer sentido!
10/2011-Honda Vision 110 (3600 km), 04/2012-Yamaha XMax 125A (8700 km), 07/2013-Yamaha XMax 250A (10000 km), 07/2014 Honda NC750D (18700 km),03/2016-Honda PCX 125 (8000 km), 04/2017-Honda CB500X (13400 km), 05/2018-Honda CBR650F (7170 km), 09/2018-BMW R1200 GS