Autor Tópico: Nova NC750X para 2016  (Lida 66081 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Nuno Robin

  • Visitante
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #50 em: 26 de Outubro de 2015, 09:35 »
Honda anuncia alterações na Gama de modelos "X" para 2016


Alterações substanciais na NC750X e na CB500X para 2016
As renovações na gama "X" da Honda completam a linha de modelos crossover da marca, com um tema de design comum à CB500X, NC750X.
 
A Honda tem o prazer de anunciar a introdução de uma série de actualizações para 2016 em três dos seus modelos crossover – os denominados modelos "X" – as elegantes CB500X, NC750X.

 

NC750X

Desde a sua estreia em 2012, a versatilidade a toda a prova e as performances da NC750X (originalmente a NC700X) tem estado na base do sucesso de vendas que este modelo tem registado, situando-se consistentemente entre os dez modelos mais vendidos em toda a Europa e o modelo >125cc mais vendido em Portugal.

As actualizações para 2016 são substanciais e incluem:

Uma alteração signifcativa de design, oferecendo agora um look mais robusto e de aventura, no seguimento da mesma linha comum aos outros modelos crossover "X" da Honda.
Faróis e farolim traseiro de LEDs
Pára-brisas 70 mm mais alto, para melhor protecção do condutor
Na versão com transmissão de dupla embraiagem (DCT), o modo S conta agora com três níveis de funcionamento, abrangendo uma maior variedade de cenários e estilos de condução.
Nova forquilha dianteira Showa com válvula "dual bending", para um comportamento linear e optimizado da suspensão dianteira, tanto em compressão como em extensão; o amortecedor traseiro tem regulação da pré-carga
Maior área para guardar o capacete (passou de 21 para 22 litros), localizada atrás do depósito de combustível na versão base.
Ponteira de escape novo e mais compacto, com uma tonalidade mais profunda e um pulsar distinto, criado pelo motor bicilíndrico paralelo de 745 cm³ com cambota de 270 graus de fase.

CB500X

Para 2016, este modelo crossover elegante e perfeito para os detentores da carta A2, equipado com um motor de rotação fácil e muito económico recebe uma série de actualizações centradas no condutor. Entre elas, incluem-se:

Pára-brisas 100mm mais alto, para uma protecção ainda melhor do condutor
Luzes de LEDs à frente e atrás
Suspensão dianteira com regulação da pré-carga, manete do travão também com regulação e revisão ao nível do mecanismo das mudanças, para maior sensibilidade nas passagens de caixa.

Offline Pianoman

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 1469
  • Localidade: Charneca da Caparica
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750 XD
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #51 em: 26 de Outubro de 2015, 09:40 »
O DCT, tal como qualquer automatismo, subtrai potência às motos e pode não ser desprezável. Se a diferença é utilizada efectivamente, isso já é outra questão.

No caso do automatismo semelhante da VW/Audi há cerca de 13% de penalização real de consumos:
http://www.caradvice.com.au/297289/volkswagen-golf-gti-gearbox-comparison-manual-v-dsg/

Há também vários gráficos de dinamómetro, mas estou agora um pouco ocupado (depois ponho).
Aqui vão algumas respostas oficiais e um dino:

http://www.bimmerboost.com/showthread.php?2641-E92-E9X-M3-Drivetrain-Losses-Explained-DCT-%28dual-clutch-transmission%29-vs-Manual


Na Honda VFR1200 há uma diferença de 14 cavalos salvo-erro. Vou ter de encontrar os gráficos.


Tal como afirmei, não há bela sem senão.

Aguardo então pacientemente dados de fontes fidedignas.
Daelim S3 125:Ago11->Jul12(14k);Maxsym 400i:Jul12->Mai13(21k);Maxsym 400i ABS:Jun13->Mai14(18k);Maxsym 600i ABS:Mai14->Jan15(12k)
Honda NC750XD
  

Offline JoseR

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2014
  • Mensagens: 523
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750XA
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #52 em: 26 de Outubro de 2015, 10:31 »
Nos carros em geral é sabido que os modelos automáticos gastam mais e têm menos velocidade de ponta mas ainda não li nada que demonstre que se passa o mesmo com as motas Honda com DCT, a nível de consumos a marca anuncia os mesmos valores que a versão manual, sobre a velocidade final não sei se perde algo mas no arranque e face à eficácia do automatismo é normal que se consiga melhores valores, mas apenas porque não há margem de erro humano, se alguém for tão eficaz a trocar mudanças quanto o sistema automático vai obter valores iguais nos 0 aos 100km/h por exemplo.

Nuno Robin

  • Visitante
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #53 em: 26 de Outubro de 2015, 10:37 »
Publicado em 22 de out de 2015
Honda NC750X 2016

https://youtu.be/rX8ygqg_B1U

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2084
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #54 em: 26 de Outubro de 2015, 11:16 »
Exactamente!
São iguais, como era de esperar. Obrigado.



No caso da Integra até podem ser iguais, contudo em regra os sistemas DCT sao mais eficientes  face as versões de caixa manual o que os leva a conseguir um ligeiro melhor consumo e por consequência melhores valores nos testes de emissões, o que devido as pressões ecologicas e à indexacao (ou isenção) da carga fiscal num veiculo à sua  pegada de CO2 (bastante importante para os compradores "bulk" para frotas) tem levando a maioria dos fabricantes a abandonarem as versões manuais.


Comparando um DCT a uma caixa automatica "classica", entao aí existe um grande fosso, nao só em termos de performance, como em termos de necessidades de manutencao, de consumo e de emissoes  _pol_

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2084
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #55 em: 26 de Outubro de 2015, 11:26 »
Nos carros em geral é sabido que os modelos automáticos gastam mais e têm menos velocidade de ponta mas ainda não li nada que demonstre que se passa o mesmo com as motas Honda com DCT, a nível de consumos a marca anuncia os mesmos valores que a versão manual, sobre a velocidade final não sei se perde algo mas no arranque e face à eficácia do automatismo é normal que se consiga melhores valores, mas apenas porque não há margem de erro humano, se alguém for tão eficaz a trocar mudanças quanto o sistema automático vai obter valores iguais nos 0 aos 100km/h por exemplo.


Um DCT nao é uma caixa automatica classica.


Um DCT é uma caixa manual onde existem 2 embraiagens, estando os carretos assentes em 2 veios, sendo actuadados atraves de um sistema electo-pneumatico.


Offline Pianoman

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 1469
  • Localidade: Charneca da Caparica
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750 XD
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #56 em: 26 de Outubro de 2015, 13:06 »
Nos carros em geral é sabido que os modelos automáticos gastam mais e têm menos velocidade de ponta mas ainda não li nada que demonstre que se passa o mesmo com as motas Honda com DCT, a nível de consumos a marca anuncia os mesmos valores que a versão manual, sobre a velocidade final não sei se perde algo mas no arranque e face à eficácia do automatismo é normal que se consiga melhores valores, mas apenas porque não há margem de erro humano, se alguém for tão eficaz a trocar mudanças quanto o sistema automático vai obter valores iguais nos 0 aos 100km/h por exemplo.
Exactamente. A questão é que não há humano que consiga meter mudanças com a rapidez do DCT. Nem mesmo com quick shift.
Daelim S3 125:Ago11->Jul12(14k);Maxsym 400i:Jul12->Mai13(21k);Maxsym 400i ABS:Jun13->Mai14(18k);Maxsym 600i ABS:Mai14->Jan15(12k)
Honda NC750XD
  

Offline JoseR

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2014
  • Mensagens: 523
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750XA
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #57 em: 26 de Outubro de 2015, 14:05 »


Um DCT nao é uma caixa automatica classica.


Um DCT é uma caixa manual onde existem 2 embraiagens, estando os carretos assentes em 2 veios, sendo actuadados atraves de um sistema electo-pneumatico.

Não vejo relação da tua explicação com a minha exposição.

FARMOBOY83

  • Visitante
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #58 em: 26 de Outubro de 2015, 14:59 »
A única razão que poderá fazer uma mota com dct gastar mais que uma sem este sistema é o peso acrescido de 10kg, caso contrário este sistema de dupla embraiagem não retira potência das rodas nem se torna mais gastador. Claro que não vamos comparar uma condução manual económica com a tecla sport premida na dct (neste caso usa-se a D). Outra coisa que raramente referem é a facilidade e segurança acrescida que este sistema oferece porque permite ao condutor apenas travar com a manete e pedal enquanto que o computador ativa o travão de motor com a redução automática da caixa. Já testei e adorei a facilidade de uso e olhem que prefiro motos com caixa manual mas no ambiente citadino ou turismo despreocupado as caixas automáticas das scooters ou dct não dão qualquer hipótese!

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2084
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #59 em: 26 de Outubro de 2015, 15:15 »
Exactamente. A questão é que não há humano que consiga meter mudanças com a rapidez do DCT. Nem mesmo com quick shift.



Não é possível pois no DCT as mudanças já estão engrenadas e não há a necessidade fisica de actuar uma alavanca que faz deslocar os carretos  ;) basta "mudar" a embraiagem activa, e em termos práticos não se sente perca de tração pois estamos sempre com uma das 2 embraiagem activas


Não vejo relação da tua explicação com a minha exposição.


Entao peço desculpa pois percebi mal.

Percebi que....

Nos carros em geral é sabido que os modelos automáticos gastam mais e têm menos velocidade de ponta mas ainda não li nada que demonstre que se passa o mesmo com as motas Honda com DCT


....era uma interrogação  _pol_, e nesse caso não há qualquer perca, pois um DCT é uma caixa manual e não uma automática  _pol_


A diferença de um DCT para uma caixa manual de actuação por alavanca, (tirando os 2 veios de carretos) é que existe um modulo que é programado com os parâmetros de actuação da mesma, que são predefinidos pelo fabricante, que decide quando acontecem as mudanças de relação e executa-os usando um sistema pneumatico.



Uma caixa automática tradicional é mais semelhante a um CVT, pois enquanto o CVT opera pela forca centrifuga gerada pela velocidade do motor o deslocamento de um variador, uma caixa manual fá-lo através da deslocação de um fluido, com a óbvia perca de rendimento e desfasamento de resposta, sobretudo em aceleração.



De qualquer forma, a Integra com DCT e com caixa manual podem utilizar relações diferentes de caixa pois sao 2 caixas diferentes. Seria uma grande coincidência que os valores de todos os carretos fosse precisamente os mesmos  _pol_  _pol_ _pol_

Offline pedroareias

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 808
  • Localidade: Torres Vedras && Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: cbf 1000 f (2012 - MK II)
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #60 em: 26 de Outubro de 2015, 15:50 »
Procura "Parasitic losses DCT". ou "Drag torque DCT". Apesar de não ser uma caixa automática clássica, há perdas.

Atenção que não sou especialista, mas a regra "não há bela sem senão" é universal.

As bombas de água, de gasolina, de óleo, os compressores de AC e os volumétricos e até indirectamente os turbos são parasitas. Parasitas mas úteis porque tiram de um lado e asseguram alguma vantagem de outro.

As caixas de velocidade absorvem potência dos motores. Claro que as CVT e as com conversor são as piores, mas as DCT não estão (nem estarão) ao nível de eficiência das manuais.

Mesmo que consigam um quase-milagre, tu tens de te alimentar para mudar as velocidades com o pé. Se não és tu que muda, algum dispositivo é. Quem o alimenta?

Vejamos:

95% de eficiência da embraiagem DCT (com medições num protótipo de laboratório):
home.uevora.pt/~pmaa/dct.pdf

Dados das perdas pela BorgWarner:
home.uevora.pt/~pmaa/borgwarner.pdf

Dados das perdas (incluíndo a bomba necessária que está ausente na caixa mecânica) pela Shaeffler:
home.uevora.pt/~pmaa/schaeffler.pdf

Perdas parasíticas:
https://www.google.pt/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=17&ved=0CE0QFjAGOApqFQoTCKuk5KKy4MgCFQvWFAodqq8IVQ&url=http%3A%2F%2Fphx.corporate-ir.net%2FExternal.File%3Fitem%3DUGFyZW50SUQ9NDAwMTR8Q2hpbGRJRD0tMXxUeXBlPTM%3D%26t%3D1&usg=AFQjCNGsBO4wU6Uxj3EGE0z964MwfQn7Tg&cad=rja

Estes são "white-papers" e portanto dão uma ideia. Quando tiver tempo faço um pacote zip com artigos técnicos.

Offline pedroareias

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 808
  • Localidade: Torres Vedras && Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: cbf 1000 f (2012 - MK II)
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #61 em: 26 de Outubro de 2015, 15:54 »
Eficientes em que aspecto? Ambas retiram potência e não é pouca. Porque é que a DCT é mais eficiente?

Daqui a pouco estamos a falar de máquinas de moto contínuo de 1ª e 2ª espécies.




No caso da Integra até podem ser iguais, contudo em regra os sistemas DCT sao mais eficientes  face as versões de caixa manual o que os leva a conseguir um ligeiro melhor consumo e por consequência melhores valores nos testes de emissões, o que devido as pressões ecologicas e à indexacao (ou isenção) da carga fiscal num veiculo à sua  pegada de CO2 (bastante importante para os compradores "bulk" para frotas) tem levando a maioria dos fabricantes a abandonarem as versões manuais.


Comparando um DCT a uma caixa automatica "classica", entao aí existe um grande fosso, nao só em termos de performance, como em termos de necessidades de manutencao, de consumo e de emissoes  _pol_

Offline TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2084
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Ducati
  • Modelo: Multistrada 1200S
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #62 em: 26 de Outubro de 2015, 16:27 »
Pedro,


Claro que todos esses sistemas roubam potencia (e não é pouco). basta ver as disparidades de valores que temos de potencias de motor e depois dos valores medidos à roda, e ao facto de nos últimos 10 anos os construtores andarem a desenvolver alternadores inteligentes e direcoes assistidas electricas  _thumbdown_ _thumbdown_


As transmissões DCT tem 2 inconvenientes: a maioria tem a necessidade de uma bomba de óleo (e 2 circuitos de oleo distintos) e o peso que geralmente é mais 50 a 100% do de uma caixa manual tradicional.




As grandes vantagens: eliminam a necessidade de actuação da embraiagem permitindo utilizar o motor sem interrupções o que leva a que não hajam percas em termos de inercia, rapidez de mudança da relação de caixa, e o facto de mudarem de caixa num ponto pre-definido pelo fabricante.


E é neste ultimo ponto que elas são terrivelmente eficientes, pois podem ser programadas para "despachar" a mudança seguinte ASAP limitando o numero máximo de rotações a que o motor atinge em cada mudanca.


Casas uma caixa destas com um destes motores de ultima geração que são sobrealimentados por turbinas de muito baixa inercia e consegues valores de consumo baixo e de emissões que não consegues replicar com nenhuma caixa manual, sobretudo se utilizares uma caixa DCT de 7 relações como são a maioria das DCT dos segmentos C e D   _pol_ _pol_


Numa situação do mundo real, acredito que não haja grande diferenças, mas nos ciclos de teste para homologação são suficientes para aos poucos a maioria dos fabricantes estar já a abandonar a caixa manual, pois o ligeiro acréscimo em emissões de CO2  corresponde em muitos casos a muitos milhares de € de penalização fiscal, e para os fabricantes existir o problema das metas de CO2 que como deves saber é calculado atraves de uma media de toda a gama comercializada por um fabricante, o que tem levado muitos fabricantes a fazer fusoes ou comercializar carros cada vez mais pequenos, mesmo que tal não seja rentável, a fim de conseguirem baixar esse valor de "CO2 medio em toda a gama"  _pol_



Pessoalmente sou um purista e prefiro de longe as caixas manuais tradicionais  _pol_ e o mesmo se passa com as direcoes: assistida por bomba de oleo, detesto o feel "logitech" de muitos dos modelos que tem sido lancados nos ultimos anos e ja deixei de comprar carros devido a isso  _thumbdown_ _thumbdown_
« Última modificação: 26 de Outubro de 2015, 16:30 por TMaxer »

Offline cross

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jul 2014
  • Mensagens: 703
  • Localidade: Montijo
  • Sexo: Masculino
  • When the going gets tough, the tough get going...
  • Marca: Honda
  • Modelo: Crossrunner(VFR800X)
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #63 em: 28 de Outubro de 2015, 03:02 »
Boas
Ai está ela.... e que bem que está.... Em alta definição.... Um Espetáculo !!!














Fonte: Honda News
« Última modificação: 28 de Outubro de 2015, 03:31 por cross »

Offline NunoMM

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 839
  • Localidade: VNGaia
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Sym
  • Modelo: GTS 125 i
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #64 em: 28 de Outubro de 2015, 07:06 »
   Colegas,

   Tem ainda uns pormenores um bocado "à oriental". Duvido que venha exactamente assim para a Europa...

   Continuação de bons kms para todos.
Todas as grandes viagens começam com um pequeno passo.

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12397
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #65 em: 28 de Outubro de 2015, 08:03 »
Equipa que vence, mexe-se com conta, peso e medida.

As mudanças são claramente visíveis e distinguem-na da actual.

Na minha opinião está uma moto mais madura e de perfil transmite a ideia de estar mais "musculada".

Offline Sal

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2015
  • Mensagens: 637
  • Localidade: Oeste - Serra D'el Rei
  • Sexo: Masculino
  • Membro CPM nº 7807
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #66 em: 28 de Outubro de 2015, 08:11 »
Shut up and take my money...
👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
Nuno Salvador / "Sal"

Toda a gente nasce e morre...mas são poucos os que vivem!

Offline Sal

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2015
  • Mensagens: 637
  • Localidade: Oeste - Serra D'el Rei
  • Sexo: Masculino
  • Membro CPM nº 7807
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #67 em: 28 de Outubro de 2015, 08:28 »
tparracho afinal vem com suporte de matrícula 😂😂😂😂


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
Nuno Salvador / "Sal"

Toda a gente nasce e morre...mas são poucos os que vivem!

Offline pedroareias

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 808
  • Localidade: Torres Vedras && Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: cbf 1000 f (2012 - MK II)
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #68 em: 28 de Outubro de 2015, 08:41 »
Está magnífica esteticamente.

Seria capaz de a comprar?

Não.

Existe um elefante na sala que não vale a pena mencionar. O nome acaba em "09".

E depois há um detalhe bastante desagradável para os clientes: provavelmente em 2017 aparece outro modelo para desvalorizar este...

Vamos aguardar para assistir se a Integra também não sofre de um restyling desvalorizador para os actuais proprietários. Ahh... tens a antiga. Sim, tem 2 meses.

Offline tparracho

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 968
  • Localidade: Colares
  • Sexo: Masculino
  • Todos os dias é um prazer andar de mota!
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750X
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #69 em: 28 de Outubro de 2015, 09:32 »
tparracho afinal vem com suporte de matrícula 😂😂😂😂


 _lol_ ...Bolas já andava a fazer contas de andar a passar pela Via Verde à borla  _careta_

A magana está bonita.

Aquela frente com as ópticas em led fica logo outra coisa  _pol_

Outra boa noticia (parece-me) é que os pneus dunlop já não equipam este modelo. Veremos quais foram os escolhidos desta vez.

Kymco Downtown 125i   05/2012 -> 08/2014 - Aprox. 45000 km - Consumo médio 2,7l/100Km
Honda NC750X   08/2014 ->...

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12397
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #70 em: 28 de Outubro de 2015, 09:38 »
Companheiro tparracho, os pneus que equipam a unidade das fotos são os Bridgestone Trail Wing;)

Offline Pianoman

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 1469
  • Localidade: Charneca da Caparica
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: NC750 XD
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #71 em: 28 de Outubro de 2015, 10:38 »



Existe um elefante na sala que não vale a pena mencionar. O nome acaba em "09".

O Elefante paga muito mais de IUC e gasta quase o dobro do combustível.

É um elefante para outro tipo de donos, portanto não tem nada a ver com isto.
Daelim S3 125:Ago11->Jul12(14k);Maxsym 400i:Jul12->Mai13(21k);Maxsym 400i ABS:Jun13->Mai14(18k);Maxsym 600i ABS:Mai14->Jan15(12k)
Honda NC750XD
  

Offline JViegas

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Set 2013
  • Mensagens: 1712
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Forza 300 ABS
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #72 em: 28 de Outubro de 2015, 10:50 »
Bem companheiros... não sei o que dizer... gosto imenso das cores. Fiquei "vidrado" na cor azul/branco "FORZA".  _pol_
Ai ai.
Há jackpot no euromilhões na próxima 6ªfeira...


Offline pedroareias

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 808
  • Localidade: Torres Vedras && Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: cbf 1000 f (2012 - MK II)
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #73 em: 28 de Outubro de 2015, 10:50 »
Pois, tens razão, mas também há a MT-07.

Não gosto de falar do que tenho, mas na minha biffer (é a de 79kW) gasto em média 6.1 l/100km sem quaisquer cuidados de poupança (como se pode observar no diário de bordo).

Com cuidados a conduzir fica sempre abaixo dos 5 l/100km. Já fiz com pendura 4.1 salvo-erro. O Sapiens21 é testemunha.

Portanto, é provável que uma MT-09 conduzida à mesma velocidade que a NC-750 fique muito próxima em termos de consumo.

E então a MT-07 nem se fala.

Para além disso, eu como cliente Honda aborrece-me que estejam sempre a alterar os modelos mais populares.

Há quanto tempo não mudam a Pan-European, a Deauville ou a CB1000R? Para mim é clara a estratégia.


O Elefante paga muito mais de IUC e gasta quase o dobro do combustível.

É um elefante para outro tipo de donos, portanto não tem nada a ver com isto.

Offline Sal

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2015
  • Mensagens: 637
  • Localidade: Oeste - Serra D'el Rei
  • Sexo: Masculino
  • Membro CPM nº 7807
Re: Nova NC750X para 2016
« Responder #74 em: 28 de Outubro de 2015, 11:05 »

Pois, tens razão, mas também há a MT-07.

Não gosto de falar do que tenho, mas na minha biffer (é a de 79kW) gasto em média 6.1 l/100km sem quaisquer cuidados de poupança (como se pode observar no diário de bordo).

Com cuidados a conduzir fica sempre abaixo dos 5 l/100km. Já fiz com pendura 4.1 salvo-erro. O Sapiens21 é testemunha.

Portanto, é provável que uma MT-09 conduzida à mesma velocidade que a NC-750 fique muito próxima em termos de consumo.

E então a MT-07 nem se fala.

Para além disso, eu como cliente Honda aborrece-me que estejam sempre a alterar os modelos mais populares.

Há quanto tempo não mudam a Pan-European, a Deauville ou a CB1000R? Para mim é clara a estratégia.
Companheiro,
Eu estou em pulgas para ver como vai sair a MT 07 Tracer pois é com base nestas 3 (NC750X, CB500X, MT07Tracer) com vai surgir o meu upgrade 😎


Enviado do meu iPad usando o Tapatalk
Nuno Salvador / "Sal"

Toda a gente nasce e morre...mas são poucos os que vivem!