Autor Tópico: Yamaha Nmax 2015  (Lida 51079 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: A xmax da Indonésia
« Responder #25 em: 13 de Fevereiro de 2015, 11:11 »
Companheiro Paulo Silveiro, acho que já se poderia alterar o título do tópico para "Yamaha Nmax 2015". O que achas?  ;)  Pelo que leio a Yamaha irá mesmo trazê-la para cá e fazer "braço de ferro" com a Honda.   ;D


Já está  _pol_
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #26 em: 13 de Fevereiro de 2015, 13:00 »
Aqui está o vídeo de apresentação:


http://youtu.be/w9JwwmLpU28

Pena este motor ser de 150c gostava de o ver montado na xmax.
« Última modificação: 13 de Fevereiro de 2015, 13:01 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline interceptor

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2011
  • Mensagens: 2254
  • Localidade: Queluz Bxº
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Transalp XL700V
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #27 em: 13 de Fevereiro de 2015, 13:06 »
A diferença não será assim tão significativa, repara que este motor de 150cm3 têm 15cv e 14nm a diferença na pratica, comparando com a xmax (15cv/11nm), será maior disponibilidade em baixas rotações e não deve morrer tanto em subidas.

Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #28 em: 13 de Fevereiro de 2015, 13:09 »
Entretanto descobri esta Yamaha mio....http://youtu.be/-nvMxbYhdYY

http://youtu.be/S1VgnNWa_jU
« Última modificação: 13 de Fevereiro de 2015, 13:53 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12404
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #29 em: 13 de Fevereiro de 2015, 13:16 »
Oh p'ra elas tão giras.  _pol_



Se vierem para a Europa e colocando no prato da balança apenas e só o design, parece-me ser o bastante para termos logo à partida máquina para vender muito bem.
Felizmente esta Nmax deverá apresentar muitas outras características bem valorizadas neste segmento das citadinas, onde o consumo, agilidade e uma mecânica desembaraçada são sempre muito valorizadas. A Yamaha que não pense muito no assunto e se decida definitivamente em trazê-la para a Europa.  _convivio_

Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #30 em: 13 de Fevereiro de 2015, 13:28 »
A diferença não será assim tão significativa, repara que este motor de 150cm3 têm 15cv e 14nm a diferença na pratica, comparando com a xmax (15cv/11nm), será maior disponibilidade em baixas rotações e não deve morrer tanto em subidas.

Sim mas pelas explicações técnicas, este novo motor pertence a uma nova família designada blue core, que tem abertura variável de válvulas, e outras novidades técnicas ao nível dos pistões e cilindros. No geral parece-me uma motor mais evoluído e eficiente que o minarelli.

Acho muito difícil vir para a Europa, iria concorrer com a majesty. A Yamaha tem duas políticas de venda diferentes uma para o mercado asiático outro para o europeu. Pelo menos no que respeita às scooters, mas esta nova família de motores blue core, se fosse aplicada na europa seria muito bem vinda.

http://youtu.be/U4bN4QCOuVM

Claramente estes motores foram feitos para concorrerem com os ESP da Honda.
« Última modificação: 14 de Fevereiro de 2015, 19:39 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline Joao Santos

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1025
  • Localidade: Sta. Comba Dão
  • Sexo: Masculino
  • Marca: HONDA
  • Modelo: CB500 e Forza 125
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #31 em: 17 de Fevereiro de 2015, 14:40 »
Tanta Tecnologia XPTO e afinal a refrigeração é por AR.

Se for este motor que vem pra cá, no verão e com acumulação de pó no exterior do cilindro vai ser muito mau.

Sinceramente esperava mais, sendo uma Resposta á PCX.

João
Yamaha SEROW 225/Yamaha FAZER 600 2000
Honda CG 125 1985/Honda CB 500 (Duas)1998 e 2003
Honda Hornet 2001/HONDA XLV 650  (Duas) 2002 e 2004
Honda FORZA 300 2014/HONDA PCX 125 (Duas) 13/2015

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #32 em: 17 de Fevereiro de 2015, 15:07 »
https://www.youtube.com/watch?v=aGD__TsorgQ


Arrefecimento a Ar???  _policia_ _policia_ _policia_ Veja lá o video se faz favor  _martelada_ _martelada_

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12404
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #33 em: 17 de Fevereiro de 2015, 20:51 »
Se vier para a Europa, a motorização em uso será de 125cc (diferente da que se encontra em uso no Vietnam) e a Yamaha não fará concessões de qualquer género para se bater com a líder de vendas na classe das scooters citadinas...seja em desempenho ou consumos baixos.

Uma baby X-Max que ajudava à concorrência neste segmento e promovia o rever das políticas de preços, é sempre bem-vinda. Em última instância, é o cliente que acaba por sair mais beneficiado.  _convivio_

Offline Joao Santos

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Dez 2013
  • Mensagens: 1025
  • Localidade: Sta. Comba Dão
  • Sexo: Masculino
  • Marca: HONDA
  • Modelo: CB500 e Forza 125
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #34 em: 20 de Fevereiro de 2015, 21:10 »
Caro Amigo TMaxer quem fez este video não fui eu? e o que está neste  é um motor de refrigeração a AR e foi o que eu vi.

Então vê lá este ! É feito pela Yamaha.

https://www.youtube.com/watch?v=U4bN4QCOuVM

 
 Na altura ainda não tinham aparecido tantos vídeos como hoje pelo menos no Youtube. _policia_ _policia_ _policia_ _martelada_ _martelada_ _martelada_ _martelada_ _martelada_ _martelada_ _martelada_ _martelada_

João
« Última modificação: 20 de Fevereiro de 2015, 21:21 por Joao Santos »
Yamaha SEROW 225/Yamaha FAZER 600 2000
Honda CG 125 1985/Honda CB 500 (Duas)1998 e 2003
Honda Hornet 2001/HONDA XLV 650  (Duas) 2002 e 2004
Honda FORZA 300 2014/HONDA PCX 125 (Duas) 13/2015

Offline interceptor

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Dez 2011
  • Mensagens: 2254
  • Localidade: Queluz Bxº
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: Transalp XL700V
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #35 em: 20 de Fevereiro de 2015, 22:05 »
Muita gente não sabe mas uma das funções primarias do óleo do motor também é reduzir a temperatura do mesmo. Realmente o video mostra um sistema de refrigeração por ar forçado através de uma ventoinha mas também mostra que este motor está equipado com um sistema que internamente injecta óleo no interior do mesmo de forma a diminuir a fricção e a temperatura.

Os materiais dos motores também evoluíram muito, actualmente usa-se o diasil que em termos de dissipação de calor não têm nada a ver com os materiais usados nos motores antigamente.

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12404
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #36 em: 20 de Fevereiro de 2015, 22:45 »
A especificidade do mercado vietnamita, comum a outros mercados asiáticos, não tem a exigência que se verifica na Europa.  Uma hipotética vinda deste modelo, faria uso do bloco presente na Magesty S que em nada ficaria a dever a esse Blue Core.

Mas, precisamente pela presença deste modelo (Majesty S) no catálogo da Yamaha Europe, algo me leva a crer, no fundo, que a marca não dará esse passo no sentido de a trazer. Correria o risco do "canibalismo" interno entre modelos inseridos igualitariamente no mesmo segmento.

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #37 em: 20 de Fevereiro de 2015, 23:03 »
Joao, esse video não é do motor da  N-Max  _pol_ _pol_ parece-me que o "blue core" é uma sigla que é usada na Asia em inumeros produtos... nada de novo, afinal muitos construtores de veiculos associam as tecnologias ecologicas nao com a cor verde mas sim com a azul  _pol_


Interceptor, Na Europa as versões a "ar" estão obsoleta devido as exigências do mercado e as imposições ecológicas de emissões poluente e de ruído  _pol_

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #38 em: 20 de Fevereiro de 2015, 23:22 »
A especificidade do mercado vietnamita, comum a outros mercados asiáticos, não tem a exigência que se verifica na Europa.  Uma hipotética vinda deste modelo, faria uso do bloco presente na Magesty S que em nada ficaria a dever a esse Blue Core.

Mas, precisamente pela presença deste modelo (Majesty S) no catálogo da Yamaha Europe, algo me leva a crer, no fundo, que a marca não dará esse passo no sentido de a trazer. Correria o risco do "canibalismo" interno entre modelos inseridos igualitariamente no mesmo segmento.


Pessoalmente não aprecio este modelo e acho-o demasiado simplista para o mercado Europeu. Por outro lado tenho a certeza que na Asia ou em mercados emergentes este modelo dará cartas em números de vendas.


Uma coisa que aprendi a entender é que nós como Europeus nao temos uma visao muito grande do mercado... e então como Portugueses diria que temos uma visão muito distorcida daquilo que se passa a nível global, que é precisamente a arena dos grandes construtores... basta olhar por exemplo para o mercado norte americano de carros e ver a tareia que por exemplo uma Subaru dá um grupo VW... ou melhor... que um pequeno construtor com uma linha de 4 veiculos dá um construtor com 2 marcas, uma dela premium, com uma gama carregada de versões, motorizacoes e variantes a cobrir quase todos os nichos _Rolley_ _Rolley_


Uma coisa eu sei.... se traçar-mos um circulo à volta da India, obtemos uma rodela onde vive mais gente do que resto do mundo... por exemplo no Bangladesh vivem mais pessoas do que na inteira união sovietica. Ou seja na area de 1,5 vezes a area de Portugal vivem mais pessoas do que num país que cruza 8 fusos horarios. (e 13x mais pessoas do que em Portugal)


É muita gente, e é muita gente ainda nova, avida de consumir e um mercado pouco regulado  _pensador_ ao contrario daqui da Europa, em que somos alguns mas velhos, já temos tudo e os mercados estão cheios de regras e restrições _pensador_ _pensador_


Para uma marca, um mercado destes representa um filao enorme de vendas... que nós como Europeus e Portugueses nem nos passa pela cabeca   _pol_

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12404
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #39 em: 21 de Fevereiro de 2015, 00:33 »
Quando me referi à exigência do mercado asiático, vinha no seguimento natural da questão em torno do sistema de arrefecimento a ar anteriormente levantado, por comparação oposta àquilo que se verifica nos modelos mais recentes lançados no Velho Continente.

A visão que temos do mercado, ou a forma distorcida e de alguma forma distante que temos da mesma numa base global, poderá na maior parte das vezes levar o consumidor incauto a pensar que o que aqui se reflecte...reflecte-se igualmente lá fora, o que não é verdade, da mesma forma não sendo verdade e aqui não consigo virar costas à minha linha de pensamento, que as regras específicas no mercado europeu possam castrar de alguma forma o desenvolvimento que se encontra, na minha opinião, um passo à frente do mercado asiático ou mesmo norte-americano.

Meramente a título de exemplo, o modelo mais vendido nos Estados Unidos é uma "super eficiente" Pick-up Ford F-Series que pesará no mínimo 2 toneladas...logo seguida de outra Pick-up Chevrolet Silverado (não menos imponente e gastadora) e para culminar o Top3 de vendas de modelos altamente eficientes, outra Pick-up RAM da série 1500 a 3500.

No lado asiático parece que se entra noutro Mundo e a massificação é a palavra de ordem, aliado a questões culturais e económicas (o mesmo se passa nos EUA, mas por antagónica situação à nesta parte do globo verificada) sem esquecer a natural vulnerabilidade na gestão do espaço que de ano para ano se torna mais reduzido do ponto de vista do utilizador da via, pois aqui são sobretudo os modelos de pequena dimensão e cilindrada condizente, a ditar as regras do mercado.
Se são mais eficientes, modernos ou seguros do que aqueles que existem no mercado Europeu, é uma questão que nem se coloca pois a resposta é por demais evidente.

Com estes exemplos pretendia mostrar que continuo a preferir a visão que os construtores e, sobretudo os consumidores europeus continuam a ter, promovendo um cada vez maior grau de exigência nos produtos, mesmo que tal acarrete um custo naturalmente acrescido.
O mesmo se passaria com esta NMax se por cá fosse lançada, recorrendo a marca com toda a certeza a um bloco mais moderno e direi até eficiente, do que aquele que por lá é ou será utilizado, com 155cc.

Mas que se trata de uma mina de ouro para os grandes construtores...esse boom que se tem verificado nos mercados asiáticos, isso não existe a mais pequena dúvida e o lançamento sucessivo de novos modelos com faróis puxados para lá do que seria sensato, carregados de led's e a fazer uso de elaboradas opções de stickers gráficos, vai encher-lhes bem mais os bolsos do que por cá.  ;)
É que aí nem existe a mais pequena dúvida....

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #40 em: 21 de Fevereiro de 2015, 00:54 »
São as diferenças culturais...  _pol_ _pol_


Aquilo que aqui somos bons na Europa a fazer é a criar e desenvolver produtos bons e caros,alguns até já no segmento "de luxo" que depois nos mercado emergentes são bem pagos pelo status que lhes é associado  ;)



Nós em Portugal é que somos tão poucos e tão minúsculos que nada é desenvolvido especificamente para o nosso mercado  _lol_  _thumbdown_


vamos ver se a N Max dará à costa ou nao... a Yamaha não me parece ter um portefólio muito forte no segmento 125 citadino. A S Max é demasiado cara e a Xenter demasiado simples  _pensador_

Offline pedroareias

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Abr 2013
  • Mensagens: 816
  • Localidade: Torres Vedras && Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: cbf 1000 f (2012 - MK II)
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #41 em: 21 de Fevereiro de 2015, 00:57 »
Tmaxer:

Tens toda a razão sobre a visão distorcida. É tudo distorcido em Portugal (jornais, TV, 'comentadores'). Olha: já ouvi muitas vezes que a Sym é a marca branca da Suzuki. Tento dizer que não, mas normalmente 'perco' a discussão. Sobre temas técnicos é também muito cansativo conversar.

Porém, eu também vivi 5 anos nos EUA e temos de ver que a Volkswagen Americana constrói os modelos em Puebla no México. Não têm a mesma qualidade da Europa. E a Subaru tem pelo menos uma fábrica nos EUA.








Pessoalmente não aprecio este modelo e acho-o demasiado simplista para o mercado Europeu. Por outro lado tenho a certeza que na Asia ou em mercados emergentes este modelo dará cartas em números de vendas.


Uma coisa que aprendi a entender é que nós como Europeus nao temos uma visao muito grande do mercado... e então como Portugueses diria que temos uma visão muito distorcida daquilo que se passa a nível global, que é precisamente a arena dos grandes construtores... basta olhar por exemplo para o mercado norte americano de carros e ver a tareia que por exemplo uma Subaru dá um grupo VW... ou melhor... que um pequeno construtor com uma linha de 4 veiculos dá um construtor com 2 marcas, uma dela premium, com uma gama carregada de versões, motorizacoes e variantes a cobrir quase todos os nichos _Rolley_ _Rolley_


Uma coisa eu sei.... se traçar-mos um circulo à volta da India, obtemos uma rodela onde vive mais gente do que resto do mundo... por exemplo no Bangladesh vivem mais pessoas do que na inteira união sovietica. Ou seja na area de 1,5 vezes a area de Portugal vivem mais pessoas do que num país que cruza 8 fusos horarios. (e 13x mais pessoas do que em Portugal)


É muita gente, e é muita gente ainda nova, avida de consumir e um mercado pouco regulado  _pensador_ ao contrario daqui da Europa, em que somos alguns mas velhos, já temos tudo e os mercados estão cheios de regras e restrições _pensador_ _pensador_


Para uma marca, um mercado destes representa um filao enorme de vendas... que nós como Europeus e Portugueses nem nos passa pela cabeca   _pol_

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #42 em: 21 de Fevereiro de 2015, 01:20 »
boas Pedro  _pol_


O exemplo Americano era só para ilustrar que muitas vezes a realidade distancia-se daquilo que nos parece óbvio  _lol_  _pol_





Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #43 em: 21 de Fevereiro de 2015, 11:39 »
Companheiros, este modelo ou uma versão europeia dele, vai mesmo vir para a Europa, estive num concessionário da yamaha e ele disse-me que ia sair qualquer coisa para combater a PCX. A Majesty não está a ter sucesso de vendas, por causa da Tricity, esta sim está a vender bem. Tanto que a Majesty está com uma campanha de 500 euros de desconto .
Quando falei da Nmax, eles não conheciam o modelo, mas as novidades saem sempre na Ásia. Se for este modelo a vir para a Europa certamente virá com especificações europeias, assim como a qualidade que nós os habitantes do venho continente exigimos  nos produtos que compramos  _pol_.
TMaxer, estive a observar ao pormenor Tmax de 2015, tem uma qualidade de topo e agora com a iluminação em full led fica brutal   _mau_. Fiz uma simulação e o preço, com a topcase ultrapasava os 12 000 euros  _reg_ _confuso_ >:( :P
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Online TMaxer

  • MaxiScootard
  • ****
  • Join Date: Out 2014
  • Mensagens: 2033
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: T Max
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #44 em: 21 de Fevereiro de 2015, 15:40 »


Acredito que sim, que venha para a Europa para combater a PCX.  _pensador_ Penso que a Honda ganhou uma vantagem grande com a comercialização da PCX pois ela entrou no mercado numa altura optima, atraindo muitos consumidores através do binômio preço e consumos.



Penso tambem que neste momento a PCX ganhou uma posição no mercado em que o produto quase se confunde com o segmento pois a pequena PCX domina  _pensador_


Para combater a PCX nao interessa muito a qualidade... se formos olhar ao pormenor a PCX ve-se que é um produto onde se cortou em muito sitio para conseguir um preço disruptivo: soldaduras a mostra, travão comandado por cabos, amortecedores traseiros pouco confortaveis, etc...

Aquilo que interessa para uma "anti-PCX" é boa fiabilidade, preco de combate, baixos consumos e imagem jovem e moderna  _pol_ _pol_





PS: a T de 2014 que estava na Motor 7 tambem ja se foi  _Rolley_ _Rolley_

Offline Paulo Silveiro

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Jun 2013
  • Mensagens: 1333
  • Localidade: Cacém
  • Sexo: Masculino
  • The MAX is never enough, Scootard Spirit
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Tmax 530 ABS
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #45 em: 23 de Fevereiro de 2015, 10:41 »
A verdade é que nem chegou a entrar.... apesar do anúncio no site, a moto teve uma disputa a dois, tipo leilão, e foi logo arrebatada. Estão lá duas de 2015, cor preta, a 9995 euros, mais perto de 500 euros de papelada, IUC, etc.
Continuam a ser muitos euros, mas, para mim é a melhor scooter em tudo.
« Última modificação: 23 de Fevereiro de 2015, 17:48 por Paulo Silveiro »
Honda PCX - Maio/2013 a Outubro 2014
XMAX - Outubro 2014 a Novembro de 2015
Tmax - Novembro de 2015
Scootard Spirit, o direito à diferença, nas duas rodas

Offline zepequeno

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 10
  • Localidade: Coimbra
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Majesty S
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #46 em: 20 de Março de 2015, 00:44 »
Agora a dúvida, avançar para a Majesty S aproveitando o desconto de 500€ ou esperar pela NMax "europeia"...

Esta NMax é muito bonita e abs de série é luxo.

Offline twin-pt

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Mai 2013
  • Mensagens: 2872
  • Localidade: Alcabideche - Cascais
  • Sexo: Masculino
  • Scooter por opção...
  • Marca: HONDA
  • Modelo: X-ADV 750
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #47 em: 20 de Março de 2015, 07:56 »
A verdade é que nem chegou a entrar.... apesar do anúncio no site, a moto teve uma disputa a dois, tipo leilão, e foi logo arrebatada. Estão lá duas de 2015, cor preta, a 9995 euros, mais perto de 500 euros de papelada, IUC, etc.
Continuam a ser muitos euros, mas, para mim é a melhor scooter em tudo.
Excepto no espaço no baú, mas também não é esse um dos pontos da checklist desse modelo! _pol_
João Mestre / twin-pt
Espirito Scootard, uma maneira de estar e viver as duas rodas.
X-ADV 750 (RC95):
PCX125 -- X-MAX 125 ABS (link consumos)

Offline zepequeno

  • MaxiScootard Júnior
  • *
  • Join Date: Mar 2015
  • Mensagens: 10
  • Localidade: Coimbra
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Yamaha
  • Modelo: Majesty S
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #48 em: 21 de Março de 2015, 23:48 »
Malta hoje tive num concessionário Yamaha e falei-lhes da NMax, não conheciam mas disseram que foram avisados de que no segundo semestre deste ano iria haver uma novidade.

Será a NMAX?

Offline Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12404
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: Yamaha Nmax 2015
« Responder #49 em: 21 de Março de 2015, 23:55 »
Pode ser que sim, como pode ser também uma Tricity 250cc.

Se eles nada sabiam sobre esta, deviam consultar o CPM...por cá sabe-se mais que muitos concessionários  _lol_ (apesar de ter colocado um bonequinho à gargalhada, o que escrevi é bem real).