Autor Tópico: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)  (Lida 80386 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #50 em: 21 de Janeiro de 2013, 23:52 »
Esse preço é muito aproximado ao da versão base da BMW C650GT (cujas despesas administrativas rondam os 550 euritos _Rolley_).

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #51 em: 22 de Janeiro de 2013, 00:37 »
As redacções já começam a tecer comentários sobre este modelo que brevemente chegará aos mercados e não é de espantar o que encontrei neste ste espanhol com data de 16-01-2013 http://ww2.autoscout24.es/presentacion/suzuki-burgman-650/esperada-reaccion/44436/332898/ onde se faz o natural "confronto" com a BMW C650GT.
Digo natural porque se trata de duas concorrentes drectas que esgrimem qualdades que estão acima de qualquer suspeita e ao mesmo tempo são possuidoras de uma aura que as distingue da grande maioria das scooters...e isso é inegável. São máquinas feitas para vajar e colocar no condutor e pendura o máxmo de conforto possível.

Será um combate renhido mas saudável, pois apesar de lutarem no mesmo segmento, são de alguma forma diferentes na sua essênca. Parafraseando o que acertadamente um companheiro aqui do CPM me disse: "uma é mais desportiva e raçuda, a outra é mais confortável e prazenteira".

Offline daniel

  • MaxiScootard Júnior
  • **
  • Join Date: Mai 2010
  • Mensagens: 339
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: CB650F '17
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #52 em: 26 de Fevereiro de 2013, 23:24 »

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #53 em: 27 de Fevereiro de 2013, 09:26 »
Já não deve faltar mais do que um par de semanas até chegar a terrirório nacional.

Esse vídeo postado foi realizado em Roma!  _pol_
Só é pena não terem feito essa mini-demonstração fora do trânsito da cidade...

Offline _AXE_

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 3480
  • Localidade: SACAVEM
  • Sexo: Masculino
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #54 em: 27 de Fevereiro de 2013, 12:46 »

É muito P€sada !!  _martelada_



Nao tarda ha alguem que troca uma NC por um bixo daqueles  _Rolley_

Boas curvas
         


Vai devagar, não te atrases.....

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #55 em: 27 de Fevereiro de 2013, 12:57 »
A nova Burgman é bonita. Mais bonita ao vivo, em andamento, do que nas fotografias estáticas. _pol_
Do que menos gostei foi da protecção de calor do escape, cromada. Destoa, na minha opinião. _thumbdown_

Nunca estive em Roma mas, a avaliar pelas imagens, os pavimentos de Lisboa não são muito piores do que os romanos. _thumbdown_ _Rolley_

rodrigues1

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #56 em: 27 de Fevereiro de 2013, 13:34 »
6 litros aos 100  _confuso_ deu-me logo azia, depois de encher a barriga com as imagens.

Atão não é que vou e venho a Santa Cruz com 4 aérios, de Bike fica o mesmo ( 2 latas de Red-Bull ) _lol_ e com essa beleza teria de dar uma nota de dez... _pensador_

Na...fica para a próxima, vou-me contentando com os vídeos  _Rolley_

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #57 em: 27 de Fevereiro de 2013, 14:42 »
Onde é que viste que gasta 6 aos 100, Rodrigues? _pensador_
A Suzuki diz ter diminuído os consumos, face ao modelo substituído, em cerca de 15%. Julguei que os consumos desta nova versão fossem na casa dos 5,5...Mas, lá está, continuo sem saber o peso desta nova versão, cujo motor terá 56 cavalos. Se mantiver um peso bastante elevado como o da Burgman 650 em comercialização, não me admira que vá para consumos de 6 aos 100. Em todo o caso, não gastará 6 aos 100 num percurso como o de Santo Antão do Tojal a Santa Cruz, julgo eu. _pensador_ Nesse tipo de percurso, a minha C650GT é menina para fazer entre 4,5 e 4,8 (se eu não for a abrir, claro). _pol_

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #58 em: 27 de Fevereiro de 2013, 15:01 »
Está já amplamente divulgado que esta nova Burgman (versão 2013) é mais eficiente em 15% face à anterior.
Estive a ver no sprintmonitor e até consegui encontrar uma Burgman Executive com dezenas de registos detalhados e em que o consumo é de 4.42L/100Km http://www.spritmonitor.de/en/detail/214386.html

Tenho a certeza que numa condução absolutamente normal, a nova Burgman ande entre os 4,5L e os 5,5L...mas numa condução extra-relax, talvez seja capaz de espantar!  :))

rodrigues1

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #59 em: 27 de Fevereiro de 2013, 15:05 »
Citar
Onde é que viste que gasta 6 aos 100, Rodrigues?
A Suzuki diz ter diminuído os consumos, face ao modelo substituído, em cerca de 15%. Julguei que os consumos desta nova versão fossem na casa dos 5,5...Mas, lá está, continuo sem saber o peso desta nova versão, cujo motor terá 56 cavalos. Se mantiver um peso bastante elevado como o da Burgman 650 em comercialização, não me admira que vá para consumos de 6 aos 100. Em todo o caso, não gastará 6 aos 100 num percurso como o de Santo Antão do Tojal a Santa Cruz, julgo eu.  Nesse tipo de percurso, a minha C650GT é menina para fazer entre 4,5 e 4,8 (se eu não for a abrir, claro). 

Li mais atrás que com 18 litros fazem 300 kms, fazendo as contas dá 6, para fazer 4 a 5 litros terei de ir devagar, então para isso tenho a GTS que gasta 2,6  _careta_

Mas que gostava de a ter, lá isso gostava  _anjo_
« Última modificação: 27 de Fevereiro de 2013, 15:10 por rodrigues1 »

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #60 em: 27 de Fevereiro de 2013, 15:13 »
Por acaso e depois de mais um pouquinho de pesquisa, encontrei quem faça numa Burgman 650 uma média de 3,98L/100Km.

http://www.spritmonitor.de/en/overview/48-Suzuki/665-AN_650.html

A nova fará menos 15% que a actual, mas apenas se encontra 1 em 1000 que tenha paciência para andar abaixo dos 4L/100Km.
« Última modificação: 27 de Fevereiro de 2013, 15:14 por Sapiens21 »

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #61 em: 27 de Fevereiro de 2013, 15:29 »
Médias de 4 litros aos 100 com uma mota da envergadura (e peso) da Burgman só são possíveis em estrada aberta, com muita calma (devagar, quero eu dizer) e em condições de pouco trânsito e sem pendura. Se, nesses percursos, passar dos 90-100 kms/h, já faz mais de 4 aos 100. Até numa 400cc o faz, quanto mais numa 650cc. Não há milagres.

É por essas e por outras que já me convenci de que um consumo médio de 5,6 aos 100 na minha C650GT (que tem o dobro do binário e quase, quase o dobro da potência da MaxSym), com a condução que faço, é bastante razoável.

 

rodrigues1

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #62 em: 27 de Fevereiro de 2013, 15:46 »
Citar
É por essas e por outras que já me convenci de que um consumo médio de 5,6 aos 100 na minha C650GT (que tem o dobro do binário e quase, quase o dobro da potência da MaxSym), com a condução que faço, é bastante razoável.

Estão quase a chegar aos 6 que mencionei atrás _lool_

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #63 em: 27 de Fevereiro de 2013, 16:49 »
O primeiro teste à nova Burgman 650 (2013).....publicado hoje: http://www.motoblog.it/post/116599/suzuki-burgman-650-m-y-2013-il-test-di-motoblog-sulle-strade-di-roma

Por acaso acho-a bonita...  _pol_


« Última modificação: 27 de Fevereiro de 2013, 16:50 por Sapiens21 »

Offline _AXE_

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 3480
  • Localidade: SACAVEM
  • Sexo: Masculino
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #64 em: 27 de Fevereiro de 2013, 17:03 »

Para mim encaixava mesmo na muge .....queria lá saber se gastava 5, 6 ou 10l aos 100km .....!

Ha muitos que so tem o que podem ....é o meu caso  _martelada_

T€mpo....o problema é sempre o T€mpo....!!!

Boa reporte sapiens  _pol_

Boas curvas
         


Vai devagar, não te atrases.....

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #65 em: 27 de Fevereiro de 2013, 18:34 »
Não deixa de ser estranho (muito estranho, até...) que um teste tão completo (ao menos, aparentemente) não divulgue os valores de potência e binário, nem o peso da mota. _pensador_ _thumbdown_ Sobretudo, porque o redactor teve o cuidado de explicar onde a Suzuki trabalhou para diminuir o peso face à versão precedente: na embraiagem, no chassis ou quadro (parte traseira) e no ABS.
Também é estranho que o redactor não nos dê uma indicação sequer aproximada dos consumos da nova Burgman. _pensador_ _thumbdown_
Estas omissões são deliberadas, acho eu. Não podem ser fruto do acaso. O que não será muito bom sinal...
Ficamos a saber que a capacidade de carga debaixo do assento é de 50 litros (10 a menos que a BMW C650GT, parece-me algo curto) e que a mota oferece pouca protecção aerodinâmica aos condutores de média e alta estatura, pois a viseira é pouco envolvente. Há um excesso de comandos no punho esquerdo do guiador, que dificulta muito o uso do travão traseiro quando se está a usar a transmissão em modo manual (botões Up e Down). Quando se usa a transmissão em modo Power, o efeito travão-motor é excessivo. A mota é muito confortável, estável e ágil mas, em condução mais rápida, a suspensão da frente apresenta-se demasiado mole e prejudica a precisão da trajectória nas entradas em curva. A suspensão traseira é muito eficaz, bem como a travagem, embora esta seja algo mole ou esponjosa (a apreciação da travagem fez-me lembrar aquela que eu faço da da BMW C650GT).
As peseiras estão muito bem concebidas e a colocação dos pés nas mesmas é completamente instintiva.
As luzes de presença frontais (aquelas pequenas lâmpadas nas esquinas da carenagem) tornam a mota muito visível. A meu ver, é um detalhe muito bem conseguido. A iluminação proporcionada pelos médios não será extraordinária (fiquei com a sensação que o redactor a tinha achado inferior à do modelo em comercialização, mas não o quis escrever).

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #66 em: 27 de Fevereiro de 2013, 19:54 »
Depois de ter lido o teste devo dizer que estes testes de lançamento valem, na minha opinião, pouco mais do que aflorar as questões sem uma grande ida ao detalhe.

Naturalmente que, ainda que a redacção seja extença e mencione vários pontos e inovações deste novo modelo, não confio tanto no que ali está escrito quanto os verdadeiros testes (seja o bom, seja o menos bom). A minha confiança prende-se mais facilemente aos testes da Scooter-Station e que para mim são de longe dos mais fiáveis no tocante às 2 rodas.

A comparação com a maxi da BMW é natural, mas acho que a Suzuki não está obcecada com a potência (provavelmente a BMW também não estaria quando foi concebido o seu motor). Aliás, se a Suzuki quisesse, colocavam-lhe muitos mais cavalos (experiência de décadas não lhes falta), mas essa não me parece ter sido a vertente seguida pelos técnicos da Suzuki. Foi, isso sim, dada especial atenção às características touring, elasticidade da transmissão e aumentada a já afamada fiabilidade que a tornaram numa máquina adorada nos cinco continentes.

É verdade que é cara e isso é inegável, mas ainda assim é um bom produto e porque não dizê-lo: Good Value for Money.

Brevemente haverá confrontos (que é como quem diz, comparativos) entre as duas supra mencionadas máquinas, mas são na verdade produtos com diferenças suficientes para agradar a públicos também eles diferentes.
Termino dizendo que este é daqueles casos em que é efectivamente difícil dizer que uma é melhor que outra, pois ambas têm a capacidade de estar ao melhor nível do que actualmente existe no mundo das maxiscooters.

É a minha opinião, vale o que vale!
« Última modificação: 27 de Fevereiro de 2013, 19:55 por Sapiens21 »

Offline _AXE_

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 3480
  • Localidade: SACAVEM
  • Sexo: Masculino
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #67 em: 27 de Fevereiro de 2013, 20:14 »
ZeZe, desculpa a minha intromissão, mas acho que a nova Burgman nao esta a querer igualar em nada com a BMW  _pensador_

Falas em espaço de carga por exemplo, quem tem a Burgmam não se queixa que tem pouco espaço.

Tal como em outros tópicos, eu achei que houve-se quem estive-se a criticar opinando, tbm acho o mesmo na tua opinião.
Ha comparações, que nao se podem fazer, comparando-as com outras marcas, pois não estão a concorrer em nada entre si.

Por exemplo e falando na BMW, falou-se imenso e "criticou-se" que a BMW estava a copiar a frente toda da TMAX, mas nao vi ngm a vir aos tópicos da BMW (aqui no CPM) a dizer que isto ou aquilo, ou aquele outro pormenor, e que estava a combater uma marca com a outra.
Tal como que me parece, que a Burgmam não esta em nada a combater a nova BMW (cujo tbm gosto). Daí compara-las em coisas que nao tem comparação, para quê ??

Outra coisa que "criticas" é na protecção aerodinâmica, tal como ja vi "criticas" em outros modelos de motas, somente tenho uma coisa a dizer que é .....Já andaram na Maxi ?? Já efectivamente experimentaram para dizer que, quem é mais alto, mais gordo ou outra coisa qualquer que apanha vento nas fuças, ou que incomoda na condução que se tem??
Esta é uma Maxi de excelência, uma Maxi que foi (ou deve ter sido, pq ainda não experimentei) melhorada em todos os aspectos.
Penso que os Engs. que supostamente trabalharam na execução deste novo modelo, aperfeiçoaram-na e não desfizeram a grande qualidade e conforto a todos os níveis que ela já tinha! Daí acho que em certos comentários são desnecessários.
Em outros aspectos, ate podes ter razão no que toca a questões que não estão clarificadas. O peso, efectivamente os consumos que diziam que eram mais baixos, etc etc etc, disso eles nao falam e deveriam falar!

Deixem as maquinas chegarem a rolar nas mãos de quem as usa efectivamente, e depois de algum tempo então vê-se se as melhorias são melhores ou piores. Aí sim podemos falar com justa causa.

Boas curvas
 
         


Vai devagar, não te atrases.....

Online NSilva

  • MaxiScootard
  • ***
  • Join Date: Out 2016
  • Mensagens: 971
  • Localidade: Lisboa
  • Sexo: Masculino
  • Marca: SYM
  • Modelo: GTS 300i EVO
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #68 em: 27 de Fevereiro de 2013, 20:24 »
Digam o que disserem que vêem... Eu vejo um design ÚNICO e PERFEITO como sempre...




ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #69 em: 27 de Fevereiro de 2013, 21:56 »
ZeZe, desculpa a minha intromissão, mas acho que a nova Burgman nao esta a querer igualar em nada com a BMW  _pensador_

Falas em espaço de carga por exemplo, quem tem a Burgmam não se queixa que tem pouco espaço.

Tal como em outros tópicos, eu achei que houve-se quem estive-se a criticar opinando, tbm acho o mesmo na tua opinião.
Ha comparações, que nao se podem fazer, comparando-as com outras marcas, pois não estão a concorrer em nada entre si.

Por exemplo e falando na BMW, falou-se imenso e "criticou-se" que a BMW estava a copiar a frente toda da TMAX, mas nao vi ngm a vir aos tópicos da BMW (aqui no CPM) a dizer que isto ou aquilo, ou aquele outro pormenor, e que estava a combater uma marca com a outra.
Tal como que me parece, que a Burgmam não esta em nada a combater a nova BMW (cujo tbm gosto). Daí compara-las em coisas que nao tem comparação, para quê ??

Outra coisa que "criticas" é na protecção aerodinâmica, tal como ja vi "criticas" em outros modelos de motas, somente tenho uma coisa a dizer que é .....Já andaram na Maxi ?? Já efectivamente experimentaram para dizer que, quem é mais alto, mais gordo ou outra coisa qualquer que apanha vento nas fuças, ou que incomoda na condução que se tem??
Esta é uma Maxi de excelência, uma Maxi que foi (ou deve ter sido, pq ainda não experimentei) melhorada em todos os aspectos.
Penso que os Engs. que supostamente trabalharam na execução deste novo modelo, aperfeiçoaram-na e não desfizeram a grande qualidade e conforto a todos os níveis que ela já tinha! Daí acho que em certos comentários são desnecessários.
Em outros aspectos, ate podes ter razão no que toca a questões que não estão clarificadas. O peso, efectivamente os consumos que diziam que eram mais baixos, etc etc etc, disso eles nao falam e deveriam falar!

Deixem as maquinas chegarem a rolar nas mãos de quem as usa efectivamente, e depois de algum tempo então vê-se se as melhorias são melhores ou piores. Aí sim podemos falar com justa causa.

Boas curvas

Pedro, todos temos direito à nossa opinião, pelo que não fizeste intromissão nenhuma e a tua opinião é tão válida como a minha ou a de outro qualquer.
Eu não critiquei nada, excepto a menor capacidade de carga da nova Burgman relativamente à BMW C650GT (é um dado objectivo, são 10 litros de diferença) e a falta de informações que acho essenciais para fazer uma primeira avaliação da máquina (potência, binário, peso e consumos), sem a ter conduzido.
Como já sabes, o espaço de carga debaixo do assento é, para mim, uma característica a que dou a maior importância, por não apreciar top cases. Todos os dias faço alguma ginástica para arrumar nos 60 litros do espaço de carga da minha eNGraçada as coias que lá quero meter; quando vou buscar os meus rapazes ao colégio, tenho que lá conseguir colocar mochilas a rebentar de livros e cadernos, sacos de material de desporto, blusão ou camisola e vária outra tralha. Por isso, 10 litros a menos far-me-iam muita falta.
Tudo o mais que escrevi foi, apenas, uma espécie de tradução resumida do que consta do teste (italiano) da motoblog. Não é da minha autoria, é da autoria do redactor que conduziu a mota e escreveu o relato; eu não a conduzi (ainda).
Da mesma forma que estou absolutamente seguro que a BMW C650GT pouco ou nada tem a ver com a Yamaha T-Max (coisa diferente será a BMW C600Sport), estou também absolutamente convicto de que a Suzuki Burgman 650 é concorrente directa da BMW C650GT (ou vice-versa). E, por isso, não posso estar mais em desacordo com os comentários que fazes que vão em sentido contrário ao confronto entre estes dois modelos. Pergunta aos tipos da Suzuki qual é a maxiscooter concorrente da nova Burgman 650 e eles responderão seguramente: 'BMW C650GT'. Se fizeres a pergunta aos tipos da BMW, eles responderão 'Suzuki Burgman 650'.
Na indústria motociclística, como em tantos outros sectores de actividade humana, a comparação entre produtos é inevitável e, até, desejável. A Suzuki Burgman 650 e a BMW C650GT são motas comparáveis, em quase todos os aspectos; são motas directamente concorrentes. Todos os testes que já li da BMW C650GT o referem, pelo que julgo que afirmar o contrário é negar a realidade. A intenção da BMW, ao lançar a C650GT, foi, justamente, dar concorrência à Suzuki Burgman, até aí uma maxiscooter que não tinha concorrente directa. A partir do lançamento da C650GT, os interessados nesse tipo de mota já podem escolher como bem entenderem. Até então, não tinham alternativa à Burgman.
Finalmente, Pedro, não acho que haja comentários desnecessários a propósito do que quer que seja, se não forem desrespeitosos.

Offline _AXE_

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Ago 2011
  • Mensagens: 3480
  • Localidade: SACAVEM
  • Sexo: Masculino
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #70 em: 27 de Fevereiro de 2013, 23:00 »
ZeZe, acho que ja me conheces o suficiente para saberes que nao estou a desrespeitar ninguem.

claro que irias dar em resposta um testo deste genero, e volto a dizer que....

Se ha concorrente será a BMW a Burgman, a Burgman deve estar impavida e serena nesse aspecto, se fosse para entrar em concorrência com a BMW seria com um modelo mais recente etc etc etc ..!!
Certamente iriam inventar algo para ganharem esses 10L a mais, que tanta falta te fazem.
Mas por isso mesmo compras-te uma BMW (nao estou a dizer o contrario, nem que fizes-te mal)

Tudo o que dizes que transcreves-te ....nao o disses-te e nem o metes-te como "Italico" (como normalmente se faz), inclusivaente se remete a fonte de onde vem tal transcrição.
Assim, parece que és tu que estas a escrever o que pensas, pelos vistos nem sempre é assim ....

Sempre que comentas algo, comentas num topico qualquer de outra marca, dás exemplo sempre a tua EnGraçada, a MaxSym e a GTS, que nada tem a ver para o caso....enfim....

Nao vou novamente fazer outra vez um bla bla bla, diz que disse, diz que foi e que aconteceu ....e moscas!!

Zeze, ficas novamente com a tua ideia que eu fico com a minha, novamente digo que.....nem tudo o que a revistas escrevem é a realidade, muitas escrevem somente o que lhes é pago para escrever !!

Depois destas valentes BOMBAS EM CONFORTO (TOPO DE GAMA ATE HOJE) para mim, (mesmo com aqueles comandos todos nas manetes) saírem para a rua, e começar a haver comentários e test drives com pessoas que normalmente andam em Motos semelhantes, e que tem experiência suficiente para porem am causa seja o que for, entao sim, ai pode-se dizer que elas tem ou nao defeitos perante o modelo anterior!!
Quanto as comparações com as outras marcas (BMW, ou mesmo a myroad, ou outra que queiram englobar) cada um acha o que quer !!

Nao irei responder, nem fazer novo Off-Topic que seja em questão de opiniões pessoais divergentes, nem responder algo dirigido a minha pessoa, directa ou indirectamente!

Caso queiram moderar estas minhas respostas, ja sabem, força nisso

A minha opiniao tbm vale o que vale, tal como os demais  _pol_

Boas curvas
« Última modificação: 28 de Fevereiro de 2013, 08:59 por _AXE_ »
         


Vai devagar, não te atrases.....

Offline Calipolense

  • Provedor
  • MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Set 2012
  • Mensagens: 577
  • Localidade: Vila Viçosa
  • Sexo: Masculino
  • CPM - 4254
  • Marca: HONDA
  • Modelo: SW-T600 ABS
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #71 em: 28 de Fevereiro de 2013, 03:19 »
Olá companheiros.

Se me permitem participar neste fórum, bastante disputado, vou deixar algumas reflexões:
BMW C650 GT, motor novo, fabricado por Kymco, sobre supervisão BMW, com 60cv e 261 kg, sobre o qual têm de passar muitos kms para comprovar a sua fiabilidade (não é ZeZeZoom):
Suzuki Burgman 650 Executiv, com o mesmo motor, com optimização da parte termodinâmica, molas de válvulas, injecção electrónica (15% menos de consumo) que melhoram o sistema de transmissão, ou seja um motor com provas dadas, com 55 cv e 246 kg. Sem mais pormenores, duas grandes scooters, com preços muito equivalentes, que proporcionam o máximo conforto, a quem tem a oportunidade de as conduzir. Sobre o consumo, penso que é irrelevante saber qual gasta mais 1,6 € a cada 100 kms, atendendo ao custo em causa. Sobre a estética, não me parece que haja motivo para discussão, pois cada um tem a sua opinião. Sobre as semelhanças entre a Suzuki e a Maxsym, neste momento estou a olhar para as duas, e não me parece que haja confusão. Sobre a capacidade de carga, não me parece que qualquer uma leve uma grade de minis, pelo que a diferença de 1litro, é completamente irrelevante. Concluindo, o mais importante neste comparativo é o EU ( mas não será assim no dia a dia? ), isto é, neste país à beira da ruína ainda faz diferença dizer-se: " eu tenho uma BMW e tu tens outra coisa  _lool_ " .
Apesar de tudo, se o " Gaspar" não me continuar a chatear, para o próximo ano talvez me torne um Executive.

Um abraço.

Calipolense
Carlos Carvalho
Com a Sym desde 2011 até Março de 2016
Sym 600 desde 2 de Maio de 2014 até 1 de Abril de 2016
Honda SW-T600 a partir de 1 de Abril de 2016...

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #72 em: 28 de Fevereiro de 2013, 09:26 »
 _lol_ _lol_ _lol_
Amigo Calipolense, ainda me lembro da primeira vez que nos vimos aqui em Évora e vinhas tu com uma revista espanhola que abriste logo na página em que se fazia uma antevisão da Buga 2013!  _palmas_
Vi logo na altura, pelo que disseste, que a adoravas...não contava era que estivesses encantado e com vontade em adquirir uma também!  _palmas_  Ainda faltará muito até a comprares (para o ano)...mas depois vou aí a Vila Viçosa beber um copo e desejar-te as maiores felicidades!  _lool_
Ah granda Calipolense!!!  _palmas_ _palmas_ _palmas_

Apesar de tudo, se o " Gaspar" não me continuar a chatear, para o próximo ano talvez me torne um Executive.

ZeZeZoom

  • Visitante
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #73 em: 28 de Fevereiro de 2013, 09:47 »
Carlos,
Há algumas imprecisões nos teus comentários.
O motor da BMW C650GT não é fabricado pela Kymco (que nem tem acesso às especificações de fabrico do mesmo). É fabricado numa linha de montagem instalada pela BMW (e supervisionada por engenheiros da BMW) numa fábrica da Kymco. É uma mera questão de capacidade de produção (que a BMW não tem, com as fábricas no máximo da capacidade, e a Kymco tem). Não quero dizer com isto que, se fosse fabricado pela Kymco, fosse um motor pior ou menos fiável, pois a Kymco já demonstrou que sabe fazer bons motores (tal como a BMW). De qualquer forma, creio que existe uma diferença importante entre dizer-se 'motor fabricado pela Kymco' e dizer-se 'motor fabricado pela BMW em fábrica da Kymco'.
Já o escrevi várias vezes noutros tópicos deste fórum: não acredito que seja o motor da C650GT a dar problemas de fiabilidade. Acho muito mais provável que os normais problemas de juventude da mota se manifestem ao nível da transmissão. Falo por experiência própria, embora a minha C650GT só tenha cerca de 5.000 kms (mas, bem puxadinhos).
A Suzuki evoluiu vários aspectos mecânicos da nova Burgman 650, em especial ao nível da embraiagem e do ABS. O motor, em si, também foi mexido (e até perdeu uns cavalitos), na busca de maior eficiência. É um motor (e uma mota) com provas dadas, mas importa chamar a atenção para o facto de que toda e qualquer alteração a um motor exige a verificação prática da fiabilidade da mesma. Vejamos os motores de automóveis conhecidos, de que há evoluções mais fiáveis que outras. Não acredito, contudo, que a Suzuki pusesse em causa a fiabilidade da Burgman 650, um dos seus maiores trunfos.
Não sei onde foste buscar um peso de 246 kgs para a nova Burgman 650. Essa informação é quase secreta, ao que parece. Aquela ainda em comercialização - ao menos na versão Executive, a mais equipada - pesa bem mais do que isso e bem mais do que a C650GT. Duvido que a Suzuki tenha conseguido eliminar tantos quilos (seriam mais de 30 kgs) apenas com mexidas ao nível da embraiagem, do ABS e da parte traseira do quadro da mota.
EU estou-me positivamente marimbando para essa procura da afirmação pessoal resultante do facto de ter uma mota BMW. Aos 52 anos, não participo em concursos de tamanhos (de egos ou de pilinhas, tanto faz). Sou exactamente a mesma pessoa que era quando tive SYMs, que adorei, tal como adoro a minha BMW. O que aconteceu foi que nunca tive o mais pequeno problema com as SYM e não posso dizer o mesmo da BMW. Incidentes que relato, com humildade e com a objectividade possível, noutro tópico deste fórum.
Não comprei a BMW C650GT para me impôr a quem quer que seja e não o faço. É uma questão de feitio. Respeito por igual toda a gente que me respeita; aqueles que têm mota BMW ou os que têm uma Baotian 50cc; os que não têm BMW porque não querem, os que não têm porque não podem e os que não podem e não teriam ainda que pudessem.

Voltando à nova Burgman 650, é uma mota que me interessa bastante e que não deixarei de experimentar quando ficar disponível em Portugal. Não porque pense seriamente adquiri-la (estou bem servido, satisfeito e, espero, por vários anos), mas porque quero conhecer pessoalmente (em vez de o fazer apenas por relatos de outros) uma mota que é a concorrente directa da minha e que, se estivesse disponível no passado mês de Outubro, quando avancei para a compra da BMW, teria equacionado seriamente comprar. O mesmo não sucedeu com a Burgman 650 ainda em comercialização, que nunca admiti comprar, pela simples razão de que não a aprecio esteticamente (os olhos também comem), ao contrário do que sucede com a nova, que acho bem mais bonita e moderna de linhas.
Não tenho qualquer espécie de dúvida que haverá aspectos em que a nova Burgman 650 será melhor do que a BMW C650GT. O contrário é que seria de admirar.
Aquilo com que não concordo é com as abordagens apriorísticas e não ponderadas, do género: a Suzuki Burgman 650 não tem concorrência, nem comparação com qualquer outra mota, é a melhor maxiscooter do mercado. Ou: a BMW é melhor que a Suzuki, porque é BMW.
Só comprei a BMW C650GT porque fiquei rendido à mota depois de a experimentar. E, devo confessar, até ter começado a guiá-la, no test ride, nunca tinha admitido seriamente comprá-la, nem gastar tanto $ numa mota.
O que desejo a todos os companheiros motociclistas é que retirem das suas motas - sejam elas quais forem - a mesma satisfação que eu retiro, todos os dias, de guiar a minha. _pol_ Já retirava grande satisfação (e orgulho) de guiar a MaxSym 400i que tive, retiro agora ainda maior satisfação da condução da C650GT. E ainda bem que assim é porque, se não fosse, tinha deitado muito $ à rua. Não há nada de especial no facto de a BMW C650GT me dar maior gozo de condução do que a MaxSym, pois custa mais do dobro (e não vale mais do dobro) que a MaxSym.
Já em relação à nova Suzuki Burgman 650, estou em pulgas para perceber se me dá tanto (ou mais) gozo de condução do que a minha eNGraçada, até porque os preços são bem aproximados.

Online Sapiens21

  • Super MaxiScootard
  • *****
  • Join Date: Dez 2010
  • Mensagens: 12359
  • Localidade: Évora
  • Sexo: Masculino
  • Marca: Honda
  • Modelo: DN-01 - " O Tubarão"
Re: A nova Suzuki Burgman 650 (Março/2013)
« Responder #74 em: 28 de Fevereiro de 2013, 10:18 »
Gosto sempre de ler os teus relatos Zé!  _convivio_
Pelo que já percebi de ti, és objectivo e tens uma opinião muito própria e sem complexos (mesmo que seja para dizer menos bem da própria maxi em que andas, sendo de louvar esse "desprendimento" e busca pela verdade e honestidade!), pelo que é com alguma curiosidade que vou aguardar o teu teste à Burgman 650 2013.  _pol_

Mas da mesma forma, vejo nos restantes comentários honestidade nas suas apreciações sobre este modelo, pelo que são todos de respeitar e tão válidos como qualquer outro.

Aliás, o companheiro _AXE_ referiu e muito bem....podemos falar com justa causa quando a experimentarmos. Na minha opinião e até lá, apenas lhe poderemos chamar "apreciações".

« Última modificação: 28 de Fevereiro de 2013, 10:52 por Sapiens21 »